Juliana Sinimbú lança “Sobre Amor e Outras Viagens”, segundo disco da carreira, no Festival Levada

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 14 julho, 2017 18:10

A cantora paraense Juliana Sinimbú lança nos dias 19 e 20 de julho – quarta e quinta, seu segundo disco “Sobre Amor e Outras Viagens” com show no Centro da Música Carioca Artur da Távola, durante o Festival Levada, evento de música autoral e independente que acontece no Rio de Janeiro. Nova voz no cenário indie nacional, Juliana apresenta composições próprias, parcerias e emprega a feminilidade de sua voz em criações cheias de sensibilidade e originalidade. O amor e suas facetas é cantado num repertório pop que afasta das amarras cotidianas e descomplica o romance.

Nascida no Pará, Juliana conhece o Rio de Janeiro e tem familiares e amigos de longa data na cidade. “Na minha última turnê cantei no Centro de Referência da Música e foi um dos nossos melhores shows. Além disso, gravei “Sobre Amor e Outras Viagens” no RJ. Fizemos uma residência artística no Bairro de Botafogo e gravamos num processo muito construtivo”.

“Sobre Amor e Outras Viagens” foi gravado em estúdio e masterizado em casa, tendência que vem sendo feita por muitos artistas independentes. O resultado foi um trabalho cujo acabamento ficou de acordo com a intenção da artista, que costuma acordar de madrugada com a música pronta na cabeça, gravar e voltar a dormir.

Juliana Sinumbú parafraseia que “é uma cantora latino americana”, mas que vem descobrindo a música pop e isso abriu um leque imenso de grandes referências de versatilidade que passeiam de Michael Jackson a Omara Portuondo, cantora de bolero cubana. E essa é a primeira vez que Juliana se apresenta no Festival Levada, que tem como missão difundir cantores independentes, fazendo circular o que há de mais novo na cena do país nesta sexta edição com curadoria de Jorge Lz e produção de Júlio Zucca. “Sempre estive flertando com o Levada. Acho que estamos indo no melhor momento. Acrescenta muito toda a vez que saio pra cantar fora do Pará e encaro o desconhecido”, comemora.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 14 julho, 2017 18:10


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Em ritmo de fuga

Facebook

Homem Aranha: De volta ao Lar




Tal mãe Tal Filha