Ópera de Carlos Gomes revela processos de europeização, catequização e miscigenação presentes no processo de formação do povo brasileiro

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 1 novembro, 2016 16:09

A Fundação Clóvis Salgado integra-se às programações que celebram a vida e a obra de Carlos Gomes, no ano em que se completam 180 anos de seu nascimento e 120 anos de sua morte, com uma montagem especial de O Guarani. Sob direção musical e regência de Silvio Viegas, e concepção, direção cênica e cenografia de Walter Neiva, a Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e o Coral Lírico de Minas Gerais apresentam a mais famosa ópera do principal compositor brasileiro, aclamado no Alla Scala de Milão, na Itália, um dos palcos operísticos mais importantes do mundo.

Entre os solistas, estão importantes nomes do cenário operístico nacional e internacional. Nos papeis principais estão a cantora Marina Considera, interpretando a portuguesa Cecília e Richard Bauer, o índio Peri. Completando o elenco de solistas estão José Gallisa e Mauro Chantal (Dom Antônio), Michel de Souza e Eduardo Sant’Anna (Gonzales), Lucas Ellera (Rui Bento), Matheus Pompeu (Dom Álvaro), Savio Sperandio (Cacique) e Pedro Vianna (Alonso).

O figurino, de Cibele Navarro, se preocupa em equilibrar a contemporaneidade com os elementos de época. Uma das grandes novidades é a não utilização de penas naturais na indumentária indígena.

Após 14 anos, a Fundação Clóvis Salgado apresenta novamente a história do amor proibido entre Cecília e o índio Peri, da tribo Guarani, em uma montagem com duas horas de duração, que conserva toda a trama do libreto.

SERVIÇO
Ópera O Guarani
Récitas: 10, 12, 14, 16, 18 de novembro, às 20h e 20 de novembro, às 19h
Local: Grande Teatro do Palácio das Artes – Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1537-Centro
Ingressos: R$ 60,00 (inteira) e R$30,00 (meia)
Classificação: 10 anos
Duração: 2 horas; 20 minutos de intervalo

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 1 novembro, 2016 16:09


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook