Espetáculo “Ouriço”, de Leonardo França, no Dança Gamboa

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 outubro, 2016 15:08

Espetáculo “Ouriço”, de Leonardo França, no Dança Gamboa

Para compartilhar o processo de criação e pesquisa do artista baiano Leonardo França, o projeto de circulação Estilhaços chega ao Rio de Janeiro, em outubro, com três maneiras distintas, porém complementares, de configurar dança: o espetáculo “Ouriço”, o livro “A Brecha e o Muro” e o diálogo “Conversa Dançada”. Um dos destaques no Festival Dança Gamboa, o solo “Ouriço” convida o público a perceber o acontecimento da dança e a presença do corpo em relações improváveis. No palco, o performer Leonardo França coloca em ação um pensamento em que corpo, som e objetos compõem uma coreografia para além do dançarino. “A imagem do ouriço do mar, com seus múltiplos espinhos, instiga a pensar o corpo e a dança de modo múltiplo. Tudo que coabita na ação com o dançarino ganha corpo para se mover”, descreve Leonardo.

Desenvolvido com o apoio de pesquisa em criação coreográfica do Rumos Itaú Cultural 2013/2014, o espetáculo será apresentado nos dias 08 e 09 de outubro sábado às 21h e domingo às 20h – no Espaço Gamboa com ingressos que variam de R$ 5 a R$ 20. Estilhaços foi contemplado com o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2014 da Fundação Nacional de Artes (Funarte). Este ano, o projeto passou por Curitiba (PR), Belém (PA) e Cuiabá (MS). Após o Rio de Janeiro, será apresentado em Fortaleza (CE).

Nos dois dias, “A Brecha e o Muro”, o livro-objeto de Leonardo França feito em parceria com noutros artistas e pesquisadores, estará à venda do local. A publicação bilíngue experimenta modos de conectar escrita, experiência e performance, atravessando questões ligadas ao corpo, dança, cidade, muros e política. Entre páginas tradicionais e dobradiças articuláveis de papel, o livro convida o leitor a mover seu corpo junto ao do livro. “Ler aqui é mover-se: uma dança que conecta, na sua própria estrutura, ação e pensamento”, explica o autor. “A Brecha e o Muro” é uma criação resultante do projeto Vetores, realizado com apoio do Governo da Bahia.

Antes disso, em 07 de outubro (sexta-feira), na Angel Vianna Escola e Faculdade de Dança, em Botafogo, Leonardo França se une à pesquisadora convidada Thereza Rocha (RJ/CE) no “Conversa Dançada”, uma palestra performática para mover corpos e palavras e para abordar os possíveis sentidos entre a escrita e a dança. Para pensar, ao mesmo tempo, o livro como uma dança e a dança como um livro, o diálogo parte de obras dos dois autores: “A Brecha e o Muro”, de Leonardo, e o recém-publicado “O que é dança contemporânea?”, de Thereza, que serão lançados no local.

Leonardo França – Artista multi e indisciplinar, Leonardo França cruza diferentes atuações como coreógrafo, performer e videoartista, com interesse em produzir outras dramaturgias do corpo e olhares coreográficos no cotidiano. Com 10 anos de carreira, Leonardo vive um panorama de sua trajetória, ativando novos públicos e parcerias na revelação do corpo em diferentes plataformas. Seus trabalhos – cinco peças coreográficas e três curtas-metragens, além de várias obras em que compõe o elenco – já foram apresentados em festivais nacionais e internacionais de dança e cinema. Foi artista residente do c-e-m (Centro em Movimento), em Lisboa (Portugal), em 2008, e da Casa Hoffmann em Curitiba (PR), em 2007. É membro do Dimenti, ambiente de criação artística e de produção cultural de Salvador (BA).

Thereza Rocha – Com 20 anos de atuação na dança contemporânea, Thereza Rocha é pesquisadora de dança, diretora de espetáculos e dramaturgista de processos de criação. Doutora em Artes Cênicas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (Unirio), é professora dos cursos de graduação em dança da Universidade Federal do Ceará. É coautora da instalação “Máquina de Dançar”, junto com Maria Alice Poppe, e do livro “Diálogo/Dança (Senac),  ao lado de Marcia Tiburi.

SERVIÇO
“Ouriço”
Solo de Leonardo França dentro do Festival Dança Gamboa
Datas: 08 e 09 de outubro – sábado às 21h e domingo às 20h
Local: Galpão Gamboa
Endereço: Rua da Gamboa 279
Classificação etária: 14 anos
Duração: 40 minutos
Ingressos: R$ 20 – meia-entrada para estudantes, idosos e professores. R$ 5 para moradores da região com comprovante de residência
Bilheteria: de terça a sexta-feira, das 14h às 18h. Sábados e domingo, a partir de duas horas antes do espetáculo.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 outubro, 2016 15:08


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!