Curta! estreia 42 projetos apoiados pelo FSA com mais de 220 horas de conteúdo nacional

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 9 novembro, 2015 10:07

Curta! estreia 42 projetos apoiados pelo FSA com mais de 220 horas de conteúdo nacional

Os fãs do canal Curta! vão tomar um banho de cultura em 2016. Serão mais de 220 horas de conteúdos inéditos. Apoiada pelo Fundo Setorial do Audiosivual/Ancine, a parceria do canal Curta! com 30 produtoras brasileiras vai trazer para o assinante 14 telefilmes documentais de longa metragem e 34 séries. É um dos maiores volumes de conteúdo nacional independente de toda a TV por assinatura. Os orçamentos dos projetos são apoiados pelas linhas Prodav 1 e 2 do Fundo Setorial do Audiovisual, somando um investimento de R$ 29,2 milhões.

Segundo a chefe da equipe de curadoria e programação do canal Curta!, Bibiana de Sá, são projetos selecionados entre quase 800 cadastrados via formulário eletrônico no banco de projetos do site do canal. Os conteúdos são selecionados de forma a atender a grade temática, dividida entre Segunda da Música, Terça das Artes, Quarta de Cinema, Quinta do Pensamento e Sexta da Sociedade e um fim de semana de cultura e humanidades.

Para o diretor e fundador do Curta!, Julio Worcman, “os desembolsos recentes do FSA são noticia ótima, mas vêm, na verdade, desafogar um processo de desabastecimento de conteúdos para a grade temática”. Segundo Worcman, sendo obrigado a exibir 12 horas diárias de produções nacionais independentes, “a demanda do canal para se evitar um excesso de reprises é de 320 novas horas de conteúdo nacional independente por ano”.

Os conteúdos, após exibidos no canal Curta!, deverão circular por outros canais pagos e posteriormente por emissoras abertas públicas, educativas e comunitárias, além de permanecer disponíveis à população através do serviço de Vídeo Sob Demanda, em múltiplas plataformas,  a partir de residências, bibliotecas ou redes de escolas.

Destaques:

  • Para quem gosta de Artes Plásticas, “Inhotim, O valor das coisas” detalha em 13 episódios o acervo do museu a céu aberto que virou um sucesso de público, com direção de Pedro Urano, e produção da Camisa Listrada. E “Estados da Arte”, de Eduardo Goldenstein, traça um panorama da arte brasileira contemporânea. Pela produtora Aion Cinematográfica.
  • Os amantes de música não ficam atrás. Terão o prazer de conhecer um pouco mais sobre um dos maiores compositores do país: “Braguinha”, série dirigida por Darcy Bürger, da B2. E Bruno Levinson, criador do festival Humaitá Pra Peixe, dirige a série de 12 episódios “As canções da minha vida”, produzida pela Raccord.
  • O Curta! apresentou este ano quatro documentários sobre o Grupo Corpo e em 2016 exibe “Por um Triz”, bastidores do espetáculo do mesmo nome do principal grupo de dança brasileiro, dirigido por Eduardo Zunza, também da Camisa Listrada.
  • Projetos inventariantes, que trazem um levantamento amplo a partir de um tema: “Arquitetos do Brasil” com direção de Herbert Henning e produção da Filmart. “Designers Brasileiros” de Helder Aragão e da Polo de Imagem. “A história da indústria fonográfica no Brasil”, dirigido por Darcy Bürger, e produção da B2. “Luz e Sombra – Fotógrafos do Cinema Brasileiro”, sobre fotógrafos brasileiros de cinema, de Betse de Paula e Jacques Cheuiche, por BPP Produções Audiovisuais. E as duas séries “Latitude, Longitude”, sobre folclore, e “No Caminho do Bem”, sobre religiosidade no Brasil, dirigidos por Belisario Franca, da Giros.

Algumas das produtoras envolvidas:

B2 Produções Cinematográficas
Raccord Produções
Filmart Produções Artísticas
Polo de Imagem
Aion Cinematográfica
Camisa Listrada
Casa de Cinema de Porto Alegre
Giros
Mapema Produções e Eventos
Mercado Cultural
Zeza Filmes
Pacto Audiovisual
BPP Produções Audiovisuais
Caliban Produções Cinematográficas
Filmart Produções
Pontos de Fuga
Samba Filmes
Mamo Filmes
Escrevendo & Filmes

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 9 novembro, 2015 10:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

MIB: Homens de Preto

Facebook

Kardec