Museu da Imagem e do Som de São Paulo recebe Hans Ulrich Obrist para palestra durante lançamento de livro sobre Ai Weiwei

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 29 março, 2013 14:07

Museu da Imagem e do Som de São Paulo recebe Hans Ulrich Obrist para palestra durante lançamento de livro sobre Ai Weiwei

No dia 5 de abril, às 20h, o curador suíço Hans Ulrich Obrist vem ao MIS, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, para ministrar uma palestra sobre seus encontros e entrevistas com o artista chinês Ai Weiwei.

O evento faz parte do lançamento do livro Ai Weiwei entrevistado por Hans Ulrich Obrist (ed. Cobogó). Os temas debatidos serão as influências no trabalho do artista chinês, como a arquitetura, a filosofia, a cerâmica, os blogs e as críticas explícitas ao Estado. Em seguida, haverá o lançamento do livro com sessão de autógrafos.

A palestra é gratuita e acontece no Auditório MIS (173 lugares), às 20h. Para participar, é preciso retirar o ingresso na recepção com 1h de antecedência.

Na ocasião, o MIS estará vendendo o catálogo da exposição AI WEIWEI INTERLACING, em cartaz até 14 de abril, por um valor especial: R$ 20.

AI WEIWEI INTERLACING

A exposição é a primeira grande exposição de fotos e vídeos do artista. Ela traz para o primeiro plano Ai Weiwei como comunicador – o artista documental, analítico e entremeado que se comunica por meio de diversos canais. Ai Weiwei já tinha usado a fotografia nos anos que passou em Nova York, mas, principalmente depois de voltar a Beijing, ele vem documentando, de maneira incessante, as realidades urbanas e sociais da China, discutindo-as em blogs e no Twitter. Fotos de transformação urbana radical, da busca por vítimas de terremoto e a destruição de seu estúdio em Xangai são apresentadas junto com seus projetos de fotografia artística, o projeto Fairytale [Conto de Fadas] para a Documenta e as inúmeras fotos de blog e de celular. Um livro abrangente acompanha esta exposição.

Ai Weiwei é um artista generalista, conceitual e crítico do ponto de vista pessoal que se dedica a criar fricção com a realidade e a formá-la. Como arquiteto, artista conceitual, escultor, fotógrafo, blogueiro, tuiteiro, artista de entrevista e crítico cultural, ele é um observador sensível dos temas e dos problemas sociais da atualidade: um grande comunicador e criador de redes que leva vida à arte e arte à vida. A exposição foi organizada pelo Fotomuseum Winterthur em colaboração próxima com Ai Weiwei (e seu assistente, Lucas Lai) e tem curadoria de Urs Stahel.

SERVIÇO
Lançamento do livro e palestra
Data: 05.04
Horário Palestra: 20h
Local: Auditório MIS
Capacidade: 173 lugares
Ingresso: Grátis (retirar com 1h de antecedência na recepção)
Classificação: livre

Museu da Imagem e do Som de São Paulo – MIS-SP
Endereço: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Informações: (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 29 março, 2013 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Dora e a Cidade Perdida

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel