Palestra com Jorge Takla sobre a opereta “A Viúva Alegre” será realizada no Museu Mineiro

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 11 outubro, 2012 18:06

Palestra com Jorge Takla sobre a opereta “A Viúva Alegre” será realizada no Museu Mineiro

Fundação Clóvis Salgado informa que a palestra com o diretor Jorge Takla, responsável pela concepção e direção cênica da opereta “A Viúva Alegre”, acontecerá em novo local: no Museu Mineiro (localizado à Avenida João Pinheiro, 342), no centro de Belo Horizonte. A palestra será realizada nesta segunda-feira, dia 15 de outubro, a partir das 19h.

Na ocasião, Takla realiza bate-papo com o público sobre o processo criativo, elaboração e direção da opereta “A Viúva Alegre”, em cartaz de 16 a 26 de outubro no Grande Teatro do Palácio das Artes. A atividade integra as ações especiais que a Fundação Clóvis Salgado oferece ao público durante o período de montagem e ensaios da opereta “A Viúva Alegre”.

A entrada para a palestra é gratuita (sujeita a lotação do espaço).

Sobre A Viúva Alegre

De 16 a 26 de outubro, a Fundação Clóvis Salgado apresenta A Viúva Alegre, de Franz Lehár (1905). Trata-se de uma das operetas mais famosas do mundo, campeã de bilheteria em inúmeros países, com versões em diversos idiomas. A montagem mineira tem tradução de Millôr Fernandes, direção musical e regência de Silvio Viegas, direção de Jorge Takla e traz a soprano Rosana Lamosa no papel de Hanna, a viúva.

Esta é a terceira produção da Fundação Clóvis Salgado para A Viúva Alegre. A primeira foi realizada em 1984 e a segunda em 1999. Além de Rosana Lamosa, o elenco de solistas da montagem atual é formado por 14 renomados artistas da cena lírica brasileira, entre eles Homero Velho (Conde Danilo), Licio Bruno (Barão Zeta), Giovanni Tristacci (Camille de Rosillon), Carla Cottini (Valenciene), Flavio Leite (Visconde Cascada), Marcos Lisenberg (St Brioche), e traz o ator Cassio Scapin no papel de Njégus. A montagem conta ainda com figurinos de Fabio Namatame, coreografia de Tania Nardini, iluminação de Ney Bonfante e cenário de Paulo Correa.

As récitas acontecem no Grande Teatro do Palácio das Artes e contem com a participação da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais, Coral Lírico de Minas Gerais e Ballet Jovem Palácio das Artes. Os ingressos já estão à venda nas bilheterias do Palácio das Artes e no site fcs.mg.gov.br.

A Viúva Alegre é mais uma produção da Fundação Clóvis Salgado que ao longo dos seus 40 anos de história já realizou 78 montagens de óperas de compositores como Verdi, Rossini, Villa- Lobos, Puccini, Mozart e Strauss, com sucesso de público e crítica.

SERVIÇO
Palestra com Jorge Takla sobre os bastidores de “A Viúva Alegre”
Data: Segunda-feira, 15 de outubro – 19h
Local: Museu Mineiro
Endereço: Av. João Pinheiro, 342 – Centro
Entrada gratuita (sujeita a lotação do espaço)

A Viúva Alegre, de Franz Lehár – opereta em três atos
Récitas: 16, 18, 20, 22, 24 e 26 de outubro
Horário: 20h
Local: Grande Teatro do Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1537 – Centro
Valores: Plateia I, II e II – R$ 50,00 (R$ 25,00 meia-entrada)
Duração: 2h30 minutos (com 1 intervalo)
Classificação: 12 anos

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 11 outubro, 2012 18:06


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel