Piracicaba recebe João Carlos Martins

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 junho, 2012 19:46

Piracicaba recebe João Carlos Martins

Um dos nomes mais respeitados no cenário musical, João Carlos Martins é exemplo raro de superação. Sua história se tornou tema de filmes, livros e até enredo de escola de samba. O maestro estará em Piracicaba nesta quarta-feira (27), às 20h, no Teatro Municipal Dr. Losso Netto para falar sobre sua trajetória, tocar algumas peças ao piano acompanhado de gabaritados músicos e receber os convidados para coquetel e bate-papo. O encontro marca o pré-lançamento do 3° Festival Internacional de Música Erudita de Piracicaba (Feimepi), denominado “Uma Noite com João Carlos Martins”.

A noite será dividida em vários momentos: começa com a exibição de vídeo sobre a trajetória de Martins, para depois ter uma palestra do próprio maestro. Na sequência, ele se apresenta ao piano acompanhado do tenor Jean William, 25, revelação da música operística brasileira e um dos pupilos de Martins. Willian já se apresentou em diversas salas de espetáculos no Brasil e no exterior e atualmente desenvolve projetos entre Brasil e Itália em parceria com a Rede Luther King.

O momento musical terá ainda a participação de um quinteto de cordas montado especialmente para a ocasião. Estarão presentes Renato Yokota (violino), Paulo Lucas (violino), Gerson Quirino (oboé) e os piracicabanos Alexandre Razera (viola, que é professor do Festival este ano) e o coordenador pedagógico e diretor artístico do Feimepi, Andre Micheletti, que estará no violoncelo.

O coquetel, que terá bebidas e aperitivos, acontece ao final do encontro, no hall da Casa de Espetáculos, onde João Carlos Martins participa de bate-papo com o público.

De acordo com André Micheletti, a vinda de Martins cumpre um dos principais objetivos do Festival, o de democratizar o acesso à música clássica. “Espero que assim seja até que todo brasileiro tenha acesso a essa arte como parte de sua formação”, diz André.

Na avaliação da secretária da Ação Cultural Rosângela Camolese, a vinda do maestro reforça a tradição piracicabana na música clássica. “O Festival nasceu a partir da preocupação em trazer para a cidade o que há de melhor na música erudita do país e, consequentemente, contribuir para a formação de plateia e no aperfeiçoamento de talentos”, diz Rosângela.

O 3º Feimepi tem como realizadores a Associação de Cultura Artística de Piracicaba (Acap), Art Invest, Jornal de Piracicaba e Secretaria Municipal da Ação Cultural (Semac), por meio da Prefeitura de Piracicaba. O patrocínio é da Elring Klinger.

Trajetória de superação

Considerado um dos maiores intérpretes de Johann Sebastian Bach, João Carlos Martins comemora os resultados de uma cirurgia para colocação de estimulador cerebral. Realizado há dois meses, o procedimento possibilitou melhoria na movimentação na mão esquerda do maestro e, com isso, maior domínio das teclas do piano.

Com 72 anos de idade – completados na última segunda-feira (25) – Martins iniciou seus estudos de piano na infância. Aos 13, já possuía uma carreira nacional e, cinco anos depois, projetou-se internacionalmente. Aos 20 anos estreou no Carnegie Hall, em apresentações patrocinadas pela primeira dama dos Estados Unidos, Eleanor Roosevelt.

Martins sofreu dois incidentes que poderiam ter posto fim à carreira musical. Aos 26 anos, teve uma lesão no braço quando jogava uma partida de futebol em Nova York, e se afastou por sete anos dos palcos. No retorno da carreira, gravou a obra completa de Bach. Em 1995, após sair ferido de um assalto na Bulgária, teve o lado direito do corpo paralisado.

Por causa da síndrome dos movimentos repetitivos, Martins não teve outra alternativa senão encerrar a carreira de pianista aos 63 anos. Sem deixar de lado a música, estudou regência para, em 2006, fundar a Bachiana Filarmônica, desenvolvendo um trabalho com adolescentes por meio da Bachiana Jovem. Criou a Fundação Bachiana, cujo tema é a arte e sustentabilidade. As orquestras foram unificadas e formam a Filarmônica Bachiana Sesi-SP.

Martins foi homenageado pela escola de samba Vai-Vai com o samba-enredo “A Música Venceu”, campeão do carnaval paulistano em 2011. Recentemente, o diretor Bruno Barreto anunciou um filme em homenagem ao maestro, que terá o ator Marcelo Serrado como protagonista.

SERVIÇO
Uma Noite com João Carlos Martins
Data: Quarta-feira, 27 de junho, às 20h
Local: Teatro Dr. Losso Netto
Informações no site: www.feimepi.com.br ou (19) 3433-4952 e (19) 3426-7168.

Ingresso

Convites: R$ 60 (Clube JP, associados Acap e Acipi, estudantes, idosos e professores da rede estadual de ensino) e R$ 120 (inteira)
Venda na bilheteria do teatro (avenida Independência, 277, Centro) e no Jornal de Piracicaba – para membros do Clube JP (rua Moraes Barros, 825, Centro).

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 junho, 2012 19:46


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Dora e a Cidade Perdida

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel