Musical “A Bela e a Fera” se apresenta em Piracicaba e Indaiatuba

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 13 março, 2012 14:07

Musical “A Bela e a Fera” se apresenta em Piracicaba e Indaiatuba

Teatro GT traz uma versão inédita do espetáculo “A Bela e a Fera” para o interior do Estado de São Paulo, dirigido por Billy Bond, o musical terá, pela primeira vez no Brasil, RECURSOS EM 3D durante a apresentação. O espetáculo ficará em cartaz nas cidades de Piracicaba, dias 24 e 25/março e Indaiatuba, no dia 27/março.

 

Inúmeras montagens de “A Bela e Fera” já encantaram milhões de espectadores pelo mundo todo. Dessa vez, o diretor Billy Bond pretende inovar. O musical tem telões com imagens em 3D, recursos de gelo seco e equipamentos que fazem a plateia se encantar. Os diálogos e as músicas são em português, além de muitos efeitos especiais e de iluminação.

 

Números

 

A produção do musical conta com 200 profissionais, entre eles 22 atores que interpretam 40 personagens. O espetáculo conta ainda com mais de 180 figurinos05 cenários giratórios15 trocas de palco10 toneladas de equipamentos, muita pirotecnia e efeitos visuais deslumbrantes. Os diálogos foram adaptados pelo músico Billy Bond, com cuidados especiais com a dicção.

 

Sinopse

Em uma pequena aldeia vive Bela, uma jovem inteligente que é considerada estranha pelos moradores da localidade. O seu pai Marcel, um ex-comerciante que perdeu toda sua fortuna, se converte em um inventor que é visto por todos na cidade como um louco.

 

Ela é cortejada por Gastón, um desastrado galã que pretende casar com ela. Mas apesar de todas as jovens do vilarejo o acharem um homem bonito, Bela não o suporta, pois vê nele uma pessoa primitiva e horrorosa.

 

Quando o pai de Bela é ameaçado covardemente de perder sua casa por Gastón, caso Bela não case, ela foge e se perde nos bosques durante uma tormenta. Para escapar dos lobos que a perseguem, procura abrigo em um castelo, tornando se prisioneira da Fera, o senhor do castelo, que na verdade é um príncipe que foi amaldiçoado por uma feiticeira quando negou abrigo a ela.

 

A Fera e os “moradores” do castelo que lá vivem, também foram transformados em objetos falantes e sentem que esta pode ser a chance do feitiço ser quebrado. Mas isto só acontecerá se a Fera amar alguém e esta pessoa retribuir o seu amor. Só que tem de ser rápido, pois quando a última pétala de uma rosa encantada cair, o feitiço não poderá mais ser desfeito.

 

Inspirado no livro original, musicais da Broadway e no livro e filme de Jean Cocteau, o espetáculo é baseado na obra de Jeanne Marie Leprince, que em 1748 publicou sua primeira obra “O triunfo da verdade”. Entre 1750 e 1780 escreveu quatro volumes de contos, entre os quais estão os mais conhecidos em: “Le Magasin dês Enfants” (A Revista das Crianças) que inclui o conto “A Bela e a Fera” e no filme de Jean Cocteau e as inumeráveis montagens na Broadway e no mundo.

A Realizadora

 

A Black & Red Produções iniciou em outubro de 2005, o mais importante e significativo projeto cultural dos últimos tempos, o “Ciclo de Homenagem aos Grandes Clássicos da Literatura Infantil”. O projeto contempla quatro grandes produções no estilo Broadway.

 

A primeira foi “O Mágico de Oz”, prestigiado por mais de 1.800.000 mil pessoas em toda América Latina. O segundo espetáculo, Pinocchio – “O Musical”, estreou em 2006 aplaudido por mais de 900.000 em todo Brasil. O terceiro é este “A Bela e a Fera” e o quarto ainda é uma surpresa para o público brasileiro.

 

Com a implantação deste ousado e inovador empreendimento, o público das principais capitais passou a ter acesso a uma gama de espetáculos com qualidade jamais vista fora do eixo de Rio – São Paulo.

 

Sobre a Autora

 

Jeanne Marie Le Prince nasceu em Rouen, France em 1711. Foi uma educadora na corte de Lorena, ensinando música e boas maneiras para as crianças da cortes. Casou-se com M. de Beaumont, porém o casamento acabou precocemente e assim foi pedida sua anulação. Em 1748 publicou sua primeira obra: “O Triunfo da Verdade, o Memorial de Madame de La Villette”. Em 1750 deixou sua filha em um internato e se mudou para Londres onde se foi trabalhar lecionando para moças da nobreza. Escreveu livros inspirado nos periódicos ingleses, tratados de educação para crianças e adolescentes.

 

Jeanne Marie fundou uma coleção literária e científica, na França, destinada à juventude. Entre 1750 a 1780 escreveu quatro volumes de contos, entre os quais estão os mais conhecidos em: Le Magasin dês enfants (a revista das crianças) publicado em 1757, que inclui o conto ”A Bela e a Fera”. Nessas revistas a autora estimula os jovens e crianças a pensar, refletir e falar sobre seus defeitos para poder corrigi-los. Madame Jeanne se preocupava com a essência do ser humano, queria que os jovens aprendessem a ouvir seus corações. Casou-se com o inglês Thomas Pichon, com quem teve 6 filhos. Madame Jeanne Marie morreu em 1780.

 

::: Serviço Piracicaba :::

Data: 24 e 25/mar

Horário: Sábado -17hs / Domingo 16hs

Teatro Municipal Dr. Losso Neto

End: Av. Independência, 277 – Centro – Piracicaba

Telefone: (19) 3433-4952 – www.teatrogt.com.br

Ingressos

120,00 (inteiro)

60,00 (meia-entrada)

 

Valores Antecipados até 18/03

80,00 (adulto)

40,00 (criança e meia-entrada)

 

::: Serviço Indaiatuba :::

Data: 27/Mar – Terça-Feira

Horário: 20h

CIAEI – Sala Acrísio Camargo

End: Av. Eng. Fábio Barnabé, 3.665 – Jd. Regina – Indaiatuba

Telefone: (19) 3834-7837 – www.teatrogt.com.br

Ingressos

120,00 (inteiro)

60,00 (meia-entrada)

 

Valores Antecipados até 18/03

80,00 (adulto)

40,00 (criança e meia-entrada)

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 13 março, 2012 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!