‘Jogos Mortais: Jigsaw’ recebe classificação indicativa de 18 anos no Brasil

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 31 outubro, 2017 10:30

Jogos Mortais, a maior franquia de terror, que entrou no Guiness World Records com US$874 milhões de dólares arrecadados em bilheterias no mundo todo, retorna às telas de cinema do Brasil com seu novo filme JOGOS MORTAIS: JIGSAW (Jigsaw), após um hiato de sete anos.

Conhecido pelos jogos de tortura com diferentes tipos de mortes, de 2004 a 2010 os fãs da franquia se perguntam “Será que Jigsaw morreu?”.

O novo filme estreou internacionalmente na última sexta-feira, 27 de outubro, e debutou em primeiro lugar, à frente de outras estreias em países da América Latina e Estados Unidos. A boa marca com o público norte-americano, que acumula US$ 16,25 milhões em bilheteria até o momento, só reforça a força do lançamento.

Com uma qualidade de produção acima da média, o longa não escapou do Ministério da Justiça. Mesmo com a adoção de recursos, a recomendação do órgão é que apenas os espectadores a partir de 18 anos assistam a nova fase aterrorizante de Jogos Mortais.

Com distribuição nacional Paris Filmes, o longa “Jogos Mortais: Jigsaw” estreia em circuito nacional em 30 de novembro.

Uma série de assassinatos brutais começam a assustar a cidade. À medida que as investigações começam, todas as evidências apontam para um homem: John Kramer – O JIGSAW. Mas como isso poderia acontecer? O homem conhecido como Jigsaw está morto há mais de uma década! Teria um aprendiz assumido o manto do Jigsaw, ou alguém que está comandando as investigações?

O novo longa é produzido por Oren Koules, Mark Burg e Greg Hoffman e tem roteiro de Josh Stolberg e Peter Goldfinger. A direção fica por conta dos irmãos Michael Spierig e Peter Spierig (de “O Predestinado” e “Canibais”) e o elenco contará com o retorno de Callum Keith Rennie, além dos atores Matt Passmore, Clé Bennett, Hannah Emily Anderson, Laura Vandervoort, Mandela Van Peebles, Paul Braunstein, Brittany Allen e Josiah Black.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 31 outubro, 2017 10:30


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*