Clássicos do terror inspiram cartazes da animação ‘Historietas Assombradas – O Filme’

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 27 outubro, 2017 11:33

HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME, de Victor-Hugo Borges, ganha cartazes inspirados nos clássicos do terror ‘O Bebe de Rosemary’, Poltergeist – O Fenomeno’ e ‘O Exorcista’.

O longa baseado na série de TV homônima, exibida pelo Cartoon Network, estreia nos cinemas dia 2 de novembro. No filme, Pepe é um garoto de 12 anos que mora com a avó bruxa. Ao descobrir que é adotado e que seus pais verdadeiros estão vivos, ele resolve procurá-los. Mas essa busca pelos pais vai chamar a atenção de Edmundo, o vilão dessa história toda. Por ser biomecânico, ele precisa de usar a energia de Pepe para conquistar a imortalidade para sua espécie.

Construir uma “historieta” num formato longa era um sonho de nossa equipe, visto que assim temos a chance de expandir o universo estabelecido pela série na TV. Também, tivemos a possibilidade de detalhar melhor a história prévia de personagens cujo formato curto de TV não permite. Com o longa exploramos o passado de Pepe e de sua “raça”. Como a Vó o encontrou e os motivos dela ter o acolhido. É um “filme família” cujo tópico principal é família, mesmo que seja uma família bem esquisita (risos).”, dia o diretor Victor-Hugo Borges.

HISTORIETAS ASSOMBRADAS – O FILME é o primeiro longa de animação de Victor-Hugo Borges, produzido pela Glaz, animado no Copa Studio e com distribuição da Vitrine Filmes. O filme baseado na já cultuada séria brasileira Historietas Assombradas (para Crianças Malcriadas), exibida no Cartoon Network e na TV Brasil com grande sucesso chegando a ser a maior audiência dos canais.

Pepe é um menino de 12 anos que mora com sua avó, uma bruxa-empresária. Após descobrir que é adotado e que seus pais estão vivos, ele decide sair em busca deles, mas assim acaba atraindo a atenção de Edmundo, um vilão biomecânico que precisa de Pepe para concretizar seu enorme plano maléfico: usar a energia do menino para conquistar a imortalidade da sua espécie.
Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 27 outubro, 2017 11:33


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!