Espetáculo Vox, com direção de Helio Cicero estreia na Sala Experimental do Teatro Augusta

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 10 outubro, 2017 16:09

Espetáculo Vox, com direção de Helio Cicero estreia na Sala Experimental do Teatro Augusta

Drama inédito da dramaturga Beatriz Carolina Gonçalves, o espetáculo VOX estreia dia 19 de outubro, quinta-feira, às 21h, na SALA EXPERIMENTAL DO TEATRO AUGUSTA. Com direção de Helio Cicero, a peça traz no elenco os atores Luiza Curvo, Fernanda Viacava, Fernando Trauer e Helio Cicero. O cineasta Cristiano Burlan assina as imagens em vídeo. O projeto tem apoio do ProAC ICMS, da Secretaria de Estado da Cultura.

A peça se passa em 1997, durante 24 horas, e se concentra na trajetória de Mariana (Luíza Curvo), uma mulher de trinta anos, que sofre de amnésia, e de sua irmã Martha (Fernanda Viacava). A ação se inicia quando Mariana recebe um estranho telefonema, que vai tirá-la da zona de conforto em que vive e obrigá-la a enfrentar seu passado, resgatando a história de seus pais e, por flutuação inevitável, a história do País.

A questão da memória e de sua contrapartida, o esquecimento, são pontos essenciais levantados pela encenação. Para Helio Cicero, diretor e personagem do espetáculo, VOX discute a necessidade de lutarmos contra nosso “esquecimento histórico”. “É preciso resgatar e discutir a história recente do País para que possamos nos vacinar contra os regimes ditatoriais, que anulam os direitos democráticos, tão duramente conquistados pelo povo brasileiro.”

Segundo Beatriz Gonçalves, um dos objetivos do espetáculo também é o de propor uma reflexão sobre a tortura, praticada indiscriminadamente durante a ditadura militar e institucionalizada pelo do AI 5, cuja promulgação completa 50 anos em 2018. “Estamos vivendo um momento extremamente grave, onde a censura disfarçada de moralismo e de poder jurisdicional cancela exposições e apresentações de teatro; onde militares de alta patente defendem abertamente uma nova intervenção militar”, afirma Beatriz. “Nunca foi tão urgente e necessário refletir sobre a violência institucionalizada, que é o epicentro de qualquer regime autoritário, caso das ditaduras latino-americanas, cujo legado foram milhares de vítimas, entre mortos e desaparecidos.”

VOX tem assistência de direção de Fernando Trauer; cenário e figurinos levam a assinatura de Luíza Curvo; iluminação e vídeos são de Cristiano Burlan; trilha sonora é de Fabrício Cardial e Theo Coelho Yepez; fotografia, de Arnaldo Pereira; direção de produção, da Texto Intermídia; produção, da Texto & Mídia com Eliane Sombrio; registro em vídeo de Vanderlei Gussonato.

SERVIÇO
VOX
Estreia
dia 19 de outubro de 2017, quinta-feira, às 21h
Temporada: Até 15 de dezembro.
Horário: Quartas e quintas-feiras, às 21h. Sextas-feiras, às 21h30
TEATRO AUGUSTA – SALA EXPERIMENTAL
Endereço: Rua Augusta 943, Consolação
tel: 3151-4141
Capacidade: 50 lugares
Duração: 60 minutos
Recomendação: 14 anos
Ingressos: R$ 40,00 (inteira); R$ 20,00 (meia)
Gênero: Drama

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 10 outubro, 2017 16:09


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*