Em cartaz com a individual Conciliações, no Centro Cultural da Justiça Federal, Dorys Daher realiza visita guiada e oficina para o público infantil nos dias 08 e 09 de agosto

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 agosto, 2017 11:04

Em cartaz no Centro Cultural da Justiça Federal com sua primeira individual, “Conciliações”, Dorys Daher realiza dois encontros com o público no mês de agosto. Na terça, dia 08, a artista promove visita guiada à mostra com a presença do curador, André Sheik. Na quarta, dia 09, é a vez de recepcionar o público infantil para uma experiência lúdica e sensorial, na qual os pequenos poderão se aproximar do universo da arte contemporânea. Durante o encontro, haverá oficina artística para as crianças.

A mostra, que fica aberta de terça a domingo, até 27 de agosto, ocupa a galeria C1 do Centro Cultural da Justiça Federal com sete obras produzidas a partir de materiais industrializados. “A ideia é tirar o material do contexto para o qual foi criado e colocá-lo em outra circunstância, conciliando com outros elementos”, diz a artista, que vai explicar sobre a produção de cada trabalho durante a visita comentada no dia 8, às 14h.

“As misturas de materiais perenes efetuadas por Dorys Daher conferem estabilidade aos trabalhos. Diversas oposições são perceptíveis: rigidez e fluidez; brutalidade e delicadeza; opacidade e brilho; aspereza e maciez. A junção de elementos de composições distintas acentua esta percepção, no entanto, transcendem a simples união de coisas diferentes por meio das conexões que estabelece em seus objetos, Dorys faz uma mediação entre fluxos antagônicos, realizando uma espécie de apaziguamento dos contrastes”, diz o curador no texto de apresentação.

Em setembro Dorys lança seu segundo livro, O Desejo, História de Escultura Cores (R$ 45,00, editora Autografia), dia 01, às 19h, na Bienal do Livro, no Riocentro. A obra fala sobre a escultura premiada pela Funarte, produzida pela artista em homenagem às Olimpíadas no Brasil.

Sobre a artista  Dorys Daher nasceu em Ipameri, Goiás, em 1958. Atualmente vive e trabalha no Rio de Janeiro. Teve aulas no Parque Lage com Charles Watson, João Magalhães, Franz Manatta, Alexandre Sá e João Modé.Formada em Arquitetura e Urbanismo pela UFRJ, fundou em 1986 o escritório Dorys Daher Arquitetura. Em 2016, ganhou o Prêmio Arte Monumento Brasil 2016 – Funarte. Em abril de 2017, participou da coletiva “Nós da Cidade”, na Casa França Brasil.

SERVIÇO
Conciliações | Dorys Daher
Período: 12 de julho a 27 de agosto
Visitação: de terça a domingo, das 12h às 19h
Local: Centro Cultural da Justiça Federal
Endereço: Avenida Rio Branco, 241, Centro
Telefone: 3261-2550
Entrada franca

Encontros “Dorys Daher” com o público
Data: 08 de agosto: Visita comentada à mostra Conciliações, às 14h
Data: 09 de agosto: Oficina de arte para as crianças, às 13h.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 agosto, 2017 11:04


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

A Estrela de Belém

Facebook

Terra Selvagem