Mineirinho e Filipinho surfam em JUACAS, nova série do Disney Channel

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 9 maio, 2017 18:09

Os ídolos do surfe brasileiro Adriano de Souza e Filipe Toledo não só se preparam para disputar a etapa Oi Rio Pro da World Surf League (WSL) que acontece de 09 a 20 de maio em Saquarema (RJ), como também para encarar muitas manobras radicais em Juacas, a mais nova produção brasileira em parceria com a Cinefilm e a Chatrone para televisão que estreia em julho no Disney Channel no Brasil e em toda a América Latina.

Gravada em Itacaré, na Bahia, Juacas retrata o universo do surfe tendo como ponto central a temporada do CAOSS (Campeonato Anual Ondas Super Surfe) nas Praias de Itacaré e a competição entre as equipes principais de surfistas: os Juacas, os Red Sharks e as Sirenas. Mineirinho e Filipinho foram convidados para participações especiais. Enquanto Filipe é convocado pela equipe Red Sharks para ajudá-los a vencer o concurso de popularidade promovido pela revista que cobre o campeonato, a Drop News; Mineirinho é um convidado VIP da abertura de uma exposição para autografar o Wetsuit Dourado – uma obra de arte, o wetsuit dos campeões.

“Esta foi a primeira vez que participei de uma série! Os atores foram bem receptivos e trocamos bastante informações. Foi uma experiência muito legal com pessoas incríveis e, com certeza, eu gostaria de ter outra oportunidade como esta”, comentou Filipe Toledo.

Além desses dois grandes nomes do surfe nacional, Juacas tem também Teco Padaratz que, além de consultor de surfe da série, é Cezinha, ex-surfista da lendária equipe Juacas, locutor do campeonato e da Radio Maral (rádio local de Itacaré na série), e Marina Werneck, que interpreta Luara, a chefe da tribo dos Furiosos que vive isolada em uma ilha, e também ataca como dublê da personagem Brida, da equipe Sirenas.

Para completar o time de dublês, Juacas contou com Picuruta Salazar como dublê do personagem Professor Juaca, interpretado por Nuno Leal Maia; Matheus Navarro como dublê do personagem principal, o Rafa Smor; João Luccas como dublê do personagem Billy; Pedro Norberto como dublê do personagem Jojó Mineiro; Niccolas Padaratz como dublê do antagonista Marcelo Mahla; Iago Silva como dublê do personagem Sebastian; Yagê Araújo como dublê do personagem Minhoca; Marina Rezende como dublê da personagem Leilane; e Jéssica Bianca como dublê da personagem Vivi. O surfista e shaper Guga Arruda, de Florianópolis, foi o responsável pelo treinamento do elenco antes das gravações.


Juacas traz no elenco principal os atores André Lamoglia, Marino Canguçú, e Bruno Astuti no time dos Juacas; Eike Duarte, Juan Ciancio e Rafael Castro, no time dos Red Sharks; e as atrizes Larissa Murai, Isabela Souza e Mariana Azevedo, como as Sirenas. Entre as participações especiais, estão Suzy Rêgo, que interpreta Dona Juma, mãe de Brida, está sempre pronta para curar os males; e Nuno Leal Maia, no papel do Professor Juaca, responsável pela formação dos maiores surfistas das últimas gerações.

Com roteiro de Carina Schulze, direção geral de Juliana Vonlanten e produção de Flávio Vonlanten e Aaron Berger, Juacas é uma produção da The Walt Disney Company em parceria com as produtoras Chatrone e Cinefilm.

Juacas, a história

Todo ano, no auge das férias, acontece o CAOSS (Campeonato Anual de Ondas Super Surfe), que atrai milhares de turistas, surfistas e centenas de jovens em busca de um sonho: se tornarem surfistas profissionais. O CAOSS é uma série de campeonatos de equipes de surfe que acontecem desde 1978 e que já revelou talentos, atraiu apaixonados pelo surfe de todo Brasil e do mundo e lendas do esporte em busca das ondas perfeitas. A equipe que ganhar o CAOSS tem o passaporte garantido para continuar competindo como profissional nos circuitos oficiais – e este é o sonho de todo surfista! Este ano há uma novidade! O antigo time Juacas, desaparecido há 10 anos devido ao sumiço do seu líder – o Professor Juaca – reaparece para disputar o CAOSS e voltar ao circuito. Sem muitos recursos e nem patrocínio, os Juacas enfrentarão o time favorito e bem patrocinado Red Sharks e o primeiro time composto só de mulheres, as Sirenas, além de vários outros times sedentos pelo título. É muita expectativa e tensão no ar! Com muita aventura, comédia e emoção, os Juacas terão que lidar com as dificuldades do campeonato e da adolescência.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 9 maio, 2017 18:09


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Facebook

Paris Pode Esperar


Um Tio Quase Perfeito