LITORAL, espetáculo de formatura do Curso de Teatro do Cefart, investiga tragédia contemporânea marcada pela guerra

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 29 novembro, 2016 13:06

A face mais dura da sociedade contemporânea estará em evidência em Litoral, montagem de formatura do Curso Técnico em Arte Dramática do Centro de Formação Artística e Tecnológica – Cefart, da Fundação Clóvis Salgado. Com direção do Grupo Quatroloscinco – Teatro do Comum, o texto, do escritor libanês Wajdi Mouawad, é inédito no Brasil e foi traduzido por Assis Benevenuto, integrante do Grupo.

Escrito em 1999, o texto mescla tragédia grega clássica a questões contemporâneas urgentes como guerra civil, xenofobia, racismo, identidade cultural, conflitos de gerações, temas recorrentes que apontam semelhanças entre Oriente Médio e Ocidente.

No palco, 14 atores se revezam na apresentação das 47 cenas, construídas a partir do desenrolar do tema central da montagem: um jovem ocidental que parte para um pais distante na tentativa de enterrar o corpo do pai. Ao se deparar com um cenário totalmente desconhecido e hostil, ele precisará desconstruir seus medos, crenças, preconceitos e visão de mundo para descobrir a sua própria história.

Embora o texto de Wajdi Mouawad seja um relato da sociedade do Oriente Médio no fim dos anos 1990, a peça busca traçar um panorama do atual momento do Ocidente ao relatar as histórias das personagens em diferentes situações cotidianas. De acordo com o diretor Marcos Coletta, integrante do Quatroloscinco, a proposta é que as diferentes narrativas provoquem sensações variadas no espectador, desde o espanto até o encantamento. “A peça vem sendo construída para romper fronteiras e mostrar como estamos próximos de lugares, conflitos e contextos que a princípio nos parecem distantes, mesmo não vivenciando a realidade mais explícita daquela região”, explica.

A montagem tem figurinos, cenário e caracterização de Thálita Mota; Direção musical de Gil Amâncio; Iluminação de Marina Arthuzzi; Preparação vocal de Ana Hadad; e Preparação corporal de Fernando Barcellos.

SERVIÇO
LITORAL – Espetáculo de formatura do Curso Técnico em Arte Dramática
Período: 1º a 18 de dezembro de 2016
Horário: 20h (quartas, quintas, sextas e sábados) e 19h (domingos)
Local: Teatro João Ceschiatti – Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1537 – Centro
Duração: 125 min
Entrada gratuita, com retirada de ingressos 30 minutos antes da sessão
(Capacidade do teatro reduzida para 60 lugares)

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 29 novembro, 2016 13:06


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Dora e a Cidade Perdida

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel