Arthur Veríssimo percorre quatro estados brasileiros em ‘Bendita Marvada’ série documental sobre cachaça

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 26 agosto, 2016 17:41

Novidade no Mais Globosat, “Bendita Marvada” é mais do que um roteiro de cachaças. “Por estar fazendo o programa, pude redescobrir o Brasil”, sentenciou o jornalista Arthur Veríssimo, o apresentador da atração.  A série documental conta a história da bebida que é genuinamente brasileira, e traz um tema por episódio: música, exportação, cultivo agrícola, etc. A estreia está marcada para a sexta-feira, dia 26 de agosto, às 21h.

Mais Globosat-Bendita Marvada

Veríssimo percorre os estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro, São Paulo e Santa Catarina, e faz grandes descobertas nessa peregrinação. A trajetória da cachaça é uma história longa de se contar. Vai desde a mitologia do seu surgimento, e atravessa vários pontos da cultura brasileira, até encontrar uma ascensão em grandes restaurantes e bares, onde passou a ser vista como uma bebida nobre. Mas uma coisa não mudou: ela é e sempre foi brasileiríssima.

“É tão brasuca que só ganha o nome de cachaça se for produzida aqui, no nosso território”, declarou o mestre de cerimônias.

No primeiro episódio, Veríssimo visita o engenho mais antigo do Brasil, com mais de 200 anos, pra contar como começou a cultura cachaceira por aqui, e a Inconfidência Mineira esta diretamente envolvida. Tiradentes virou herói nacional, e o irmão dele, o padre Domingos da Silva Xavier, herdou um engenho de cachaça: o Engenho Boa Vista, na cidade que hoje se chama Coronel Xavier Chaves, em Minas Gerais. Os descendentes do personagem histórico administram o negócio até hoje. Rubens Chaves, de 83 anos, que faz parte da sétima geração da família.

Pelos bares de Minas, até “cachacier” (um especialista na “branquinha”) deu as dicas de como apreciar o líquido do jeito certo. “Minas parece a China, não acaba nunca”, brinca o jornalista, que destacou como ponto mais curioso de suas andanças a chegada em Januária, à beira do Rio São Francisco.

“Lá, conheci as donas da cachaçaria Claudionor. A cidade é terra de cabra-macho, e elas enfrentaram muitos caras folgados para comandar o negócio. São muito respeitadas”, conta.

“Bendita Marvada”

Sextas-feiras, às 21h.
Classificação: Livre
Série, 13 episódios.
26 minutos cada
Reprise: sábados, às 18h; domingos, às 20h30; segundas, às 20h30; terças, às 12h20; quartas, às 18h30

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 26 agosto, 2016 17:41


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook