E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante lança compacto em série de shows na capital paulista

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 julho, 2016 11:04

Dia 23 de julho (sábado), E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante divulga o sete polegadas Medo de Morrer | Medo de Tentar, no Centro Cultural São Paulo. O grupo também se apresenta no Z Carniceria (29/7) e Sesc Pompeia (9/8) para mostrar o par de singles divulgado em fevereiro em todos os serviços digitais.

Com um álbum completo previsto para 2017, o jovem quarteto paulistano, formado em 2013 por Lucas Theodoro (guitarra, programações), Luccas Villela (baixo), Luden Viana (guitarra) e Rafael Jonke (bateria), vem chamando atenção pelo instrumental arrojado, que costura referências de punk, jazz, eletrônica e pós-rock em temas com títulos quase sempre tão longos quanto o nome da banda, como “… E Você Espera Por Tanto Tempo Que Já Não Lembra Mais o Porquê” e “Quando Vão Saber Que Já Apanhei o Suficiente?”, do elogiado EP Vazio (2014).

Gravado no estúdio Superfuzz, no Rio de Janeiro, Medo de Morrer | Medo de Tentar conta com arte gráfica assinada pelo designer Jaime Silveira, que tem elaborado peças para Jair Naves, ruído/mm, Arms & Sleepers (EUA), entre outros artistas de destaque do cenário independente.

Ameaçadora e contemplativa, a capa do compacto traduz a música do E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante — são temas cerebrais tocados com emoção, inspirados por miragens, paisagens desérticas e uma constante sensação de se estar à deriva. O próprio grupo produziu o disco. A masterização é de Fernando Sanches, do requisitado estúdio El Rocha (SP).

Ao vivo, o repertório da turma ganha ainda mais peso. Em maio, eles levaram um surpreendente público ao palco instrumental da Virada Cultural, e cativaram quem estava de passagem pelo evento com um show capaz de atrair plateias variadas. No início deste mês, em abertura para os americanos do Deafheaven, no Clash Club, a banda saiu de cena sob longos aplausos.

SERVIÇO
E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante no Centro Cultural São Paulo
Sábado, 23 de julho, às 19h
Rua Vergueiro, 1.000, Paraíso
Entrada a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada) — à venda na bilheteria do local e pelo site Ingresso Rápido
Censura livre
622 lugares
11 3397-4002

E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante no Z Carniceria
Sexta, 29 de julho, às 23h
Av. Brigadeiro Faria Lima, 724, Pinheiros
Entrada a R$ 15 — à venda no local, na hora do evento
Censura — 18 anos
300 lugares
11 2936-0934

E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante no Sesc Pompeia
Terça, 9 de agosto, às 21h
Rua Clélia, 93, Pompeia
Entrada gratuita — ingressos distribuídos no local, na hora do evento
Censura — 18 anos
800 lugares
11 3871-7700

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 julho, 2016 11:04


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel