Operation Avalanche é o filme de abertura do 5º Olhar de Cinema

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 3 maio, 2016 10:41

A 5ª edição do Olhar de CinemaFestival Internacional de Curitiba, que acontece de 8 a 16 de junho na capital paranaense, será aberta pelo filme de ficção Operation Avalanche. Dirigido por Matt Johnson, o filme volta ao ano de 1967, no auge da Guerra Fria e durante a corrida espacial travada pela União Soviética e os Estados Unidos.

Com a suspeita de um espião russo infiltrado na NASA para sabotar o programa Apollo, jovens agentes da CIA, disfarçados de equipe de filmagem que irá documentar a jornada rumo à lua, vão tentar descobrir quem pode ser o sabotador.

5º Olhar de Cinema-Festival Internacional de Curitiba-Operation Avalanche

Além de assinar a direção, Matt Johnson – que chamou a atenção com seu primeiro longa-metragem The Dirties, produzido por Kevin Smith, em 2013 e exibido na terceira edição do Olhar de Cinema – também assina o roteiro, em parceria com Josh Boles, e está no elenco do longa-metragem.

Olhares Clássicos

Se na abertura aposta em um filme jovem, o festival Olhar de Cinema também tem em sua seleção títulos que homenageiam aquilo que o cinema trouxe, mas o tempo não conseguiu destruir. É a mostra Olhares Clássicos, com filmes que além de ainda estarem na cabeça de quem os assistiu, são indispensáveis para os cinéfilos.

A mostra traz grandes nomes da sétima arte, como Lubitsch, Ford, Bresson, Parajanov e Fellini e outros, e tem em sua seleção filmes dos Estados Unidos, França, União Soviética, Itália, Índia e Brasil.

Os Estados Unidos estão representados com os títulos Ninotchka (1939), de Ernst Lubitsch, com a eterna musa do cinema Greta Garbo na pele da camarada Nina Ivanovna, e Como Era Verde Meu Vale (1941), sobre uma família de mineiros no País de Gales e as consequências da industrialização na vida daquelas pessoas.

Da França o Olhar de Cinema trouxe Mouchette, a Virgem Possuída (1967), de Robert Bresson, e da Itália, Amarcord (1973), de Federico Fellini. Enquanto o primeiro fala de uma menina que tem uma vida difícil e que, depois de se perder na floresta, testemunha um assassinato; o segundo é um apanhado de memórias do diretor italiano durante o fascismo.

O armênio Sergei Parajanov, um dos grandes nomes do cinema soviético, está presente com o filme A Cor do Romã (1980), que recupera, de maneira lírica, a história de vida do trovador Harutyun Sayatyan, ou Sayat Nova. O drama indiano Meghe Dhaka Tara (1960), de Ritwik Ghatak, também está entre os selecionados, e conta a história de Nita, que sacrifica sua vida por sua família.

Como não poderia deixar de ser, para completar a mostra Olhares Clássicos, o filme brasileiro Compasso de Espera (1969), único longa-metragem dirigido pelo diretor de teatro Antunes Filho. O longa fala sobre os preconceitos sociais e raciais que compõe a sociedade brasileira.

SERVIÇO

5º Olhar de Cinema

O Olhar de Cinema – Festival Internacional de Curitiba começou suas atividades como um evento internacional de cinema independente. Em 2016 chega a sua 5a. edição exibindo cerca de 100 filmes de todo o mundo a um público de mais de 18 mil pessoas.

Data: de 8 a 16 de junho

Locais:
Shopping Crystal (Espaço Itaú de Cinema)
Rua Comendador Araújo, 731 – Batel
Curitiba-PR
Shopping Novo Batel
Alameda Dom Pedro II, 255 – Batel
Curitiba-PR

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 3 maio, 2016 10:41


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!