Conheça “Wabi-Sabi-Soul”, novo álbum do cantor irlandês Dylan Tighe

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 abril, 2016 12:05

Produzido por Dylan Tighe e Sean Coleman, Wabi-Sabi-Soul representa uma visão pessoal e lírica  que o artista desenvolveu sobre ‘wabi-sabi’, termo que faz referência a uma abrangente visão de mundo japonesa de aceitação e transitoriedade. Como concepção estética, representa a busca do belo no imperfeito, impermanente e incompleto. Este termo surgiu como idealização artística no Japão por volta do século XV e tem como base o budismo.

Enquanto o álbum de estréia Record (2014) buscou “recuperar e reestruturar” sua experiência com desafios relacionados à própria saúde mental, Wabi-Sabi-Soul” traz à tona reflexões filosóficas e imersivas sobre amor, morte e renascimento e busca da beleza na imperfeição.

“Que se dane a perfeição como um ideal / não pense, apenas sinta / estou cansado / de ser alguém que não eu mesmo”. Em tradução livre do inglês, este trecho da música “Fuck perfection” resume a busca desafiadora de Dylan à uma nova filosofia de vida, traduzida no processo criativo do álbum.

Influências musicais incluem o brasileiríssimo cantor de soul Tim Maia, o músico jamaicano Lee “Scratch Perry”, os guitarristas norte-americanos BB King, Curtis Mayfiel e Jimi Hendrix, entre outros. Já para escrever as músicas, Dylan tem como inspiração artistas como John Lennon, Bill Callahan e Leonard Cohen, além do poeta Michael Hartnett.

“Com este álbum pretendo aceitar minhas imperfeições, chegar em um acordo com elas, celebrar minha Wabi-Sabi Soul e criar uma nova música para este segmento”, finaliza o artista.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 26 abril, 2016 12:05


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

O Parque dos Sonhos

Facebook

Happy Hour - Verdades e Consequências