“Corredor da Morte” é destaque em cena de “Mundo Cão”

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 14 março, 2016 11:56

Até 2007, em São Paulo, os animais capturados nas ruas eram levados ao canil público e enfrentavam um destino incerto: se tivessem dono e esse aparecesse em até três dias, voltavam pra casa. Se ninguém aparecesse, eram sacrificados. Nesse ano, foram eutanasiados quase 14 mil animais. Ambientado justamente em 2007, o clima de tensão que então afligia os animais é bem retratado no suspense MUNDO CÃO, dirigido por Marcos Jorge (Estômago). Em cena recém-divulgada do longa, Ramiro (Paulinho Serra), um funcionário do canil, percorre os corredores em busca de um cachorro que será submetido à eutanásia.

No vídeo, é possível observar o trabalho dos funcionários e o desconforto dos animais.

Mundo Cão | SACRIFÍCIO

Produzido pela Zencrane Filmes em parceria com a Migdal Filmes, com coprodução da Paramount Pictures Corporation, da Globo Filmes e da Lereby e distribuição da Paris Filmes e da Downtown Filmes, o suspense reúne um elenco de peso: Lázaro Ramos, Adriana Esteves, Babu Santana, Milhem Cortaz, Antonio Ravan, Thainá Duarte, Vini Carvalho, entre outros.

Santana (Babu Santana) é um funcionário do Departamento de Combate às Zoonoses que trabalha recolhendo cachorros perigosos das ruas, na época em que a lei que proíbe o sacrifício de animais sadios ainda não havia sido sancionada. Avesso a confusões, ele leva uma rotina tranquila com sua esposa e filhos até o dia em que seu caminho se cruza com o de um rottweiler. Por um mal-entendido, o dono do cão, Nenê (Lázaro Ramos) se indispõe com Santana e suas atitudes vão alterar completamente a vida dele e de sua família.

Mundo Cão-Poster-27Janeiro2016

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 14 março, 2016 11:56


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook