Galeria Lume apresenta individual que propõe relação sensível entre máquina e Humano

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 fevereiro, 2016 12:05

A Galeria Lume inicia o ano de 2016 com novidade, a primeira individual de Anaisa Franco como artista representada pela galeria. Com curadoria de Daniela Bousso e intitulada Heart Dialogue, a exposição apresenta 34 trabalhos – entre animações, desenhos, esculturas e vídeo-projeções – que permeiam conceitos como corpo, interatividade com o espectador e intersubjetividade, com fundamento na psicologia, nas ciências cognitivas e nos universos oníricos.

Inspirada nas tecnologias que conectam o físico com o digital, Anaisa Franco exibe, em Heart Dialogue, obras que visam criar uma relação sensível entre máquina e humano, artificial e orgânico, propondo ao público reviver emoções, expandir sentidos e “sextos-sentidos”. “Assim, o espectador pode amplificar suas sensações no corpo, por meio de uma experiência com interfaces que simulam estes sentimentos, ‘elevando’ o momento da fruição”, comenta a artista visual. Deste modo, as peças exibidas compartilham sentimentos e emoções com os visitantes, com uso de sensores e novos materiais. Citando alguns trabalhos da mostra, 3 Pulmões é uma série de desenhos sobre tecido, que respiram como pulmões e possuem corações iluminados. Ainda, Expanded Eye, uma escultura interativa em forma de olho gigante, transparente, que multiplica os olhos de quem a vê, a partir do uso de uma câmara infravermelha, um software de reconhecimento facial e projeção. Entre outras obras,Heart Dialogue dá nome à individual de Anaisa Franco e indica o fio condutor de toda a exposição: um objeto de luz sensível, que pulsa e expande os batimentos cardíacos da pessoa que coloca seu dedo sobre ele, como forma de materializar a indispensável pulsão da vida.

Com um trabalho que remonta às pesquisas acerca da participação de espectadores na arte e na performance, cuja origem se encontra no Modernismo, no Surrealismo e se desdobra nas Vanguardas Artísticas do segundo pós-guerra, Anaisa Franco desenvolve um constante processo de experimentação com novos suportes, materiais e fabricação digital, até obter uma “situação afetiva” entre sua obra e o público. Surge, assim, uma busca no sentido de materializar sentimentos que não conseguimos alcançar unicamente com o corpo, viabilizados pela união entre arte e tecnologia.

SERVIÇO
Exposição: Heart Dialogue
Artista: Anaisa Franco
Curadoria: Daniela Bousso
Coordenação: Felipe Hegg, Paulo Kassab Jr. e Victoria Zuffo
Abertura: 18 de fevereiro de 2016, quinta-feira, às 19h30
Período: 19 de fevereiro a 26 de março de 2016
Horário: Segunda a sexta-feira, das 10h às 19h / Sábado, das 11h às 15h
Local: Galeria LUME – www.galerialume.com
Endereço: Rua Gumercindo Saraiva, 54 – Jd. Europa – São Paulo, SP
Tel.: (11) 4883-0351

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 fevereiro, 2016 12:05


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!