Filme dirigido por Marina Person, CALIFORNIA é selecionado para Festival de Roterdã

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 1 fevereiro, 2016 13:34

CALIFÓRNIA de Marina Person, chega ao circuito de Festivais Internacionais, selecionado para Roterdã na Holanda. O filme foi premiado no Brasil, levando o premio de Melhor Ator Coadjuvante (Caio Horowicz) no Festival do Rio, Prêmio da Juventude na 39a Mostra Internacional de Cinema, Prêmio de Melhor Atuação no Mix Brasil (Clara Gallo), entre outros.

Ainda em cartaz em alguns cinemas do Brasil, desde que foi lançado em dezembro de 2015, o filme acompanha Estela, uma adolescente de 17 anos em 1984, CALIFÓRNIA resgata as experiências vividas pela geração dos anos 80, da qual a diretora Marina Person faz parte.

CALIFÓRNIA (2)

CALIFÓRNIA (3)

“Quando escrevi meu primeiro longa-metragem de ficção, CALIFÓRNIA, minhas motivações se baseavam na necessidade que eu sinto de contar o que minha geração viveu nos anos 80. A abertura política no Brasil depois de 20 anos de ditadura, as primeiras experiências sexuais em tempos de AIDS, o pós-punk que florescia no mundo, o rock brasileiro que desabrochava. Tudo visto através do ponto de vista de uma garota de 17 anos.”, explica Marina.

A trama se desenrola em São Paulo e, sendo um filme de época, foram buscadas locações que preservam o estilo da década de 1980 e acontecimentos que remetem ao período, como a campanha pelas Diretas Já, o surgimento de bandas de rock nacionais, o figurino surfwear, a cultura New Wave, os darks. Toda a caracterização utilizada como forma de expressão foi resgatada. Por ser um filme sobre adolescentes na década de 80, buscou-se inspiração na estética dos filmes dessa época. Ao falar do adolescente de ontem, CALIFÓRNIA quer se comunicar, também, com adolescentes de hoje, mantendo um diálogo direto, aberto e, principalmente, sincero.

TRILHA SONORA

A música tem papel fundamental nessa ambientação dos anos 80. A trilha sonora é toda composta por artistas e bandas da época, tanto nacionais quanto estrangeiras. Não há o uso de trilha incidental, toda música vem de cancões de The Cure, David Bowie, New Order, Echo and The Bunnymen, Joy Division e as brasileiras Titãs, Paralamas, Metrô, Kid Abelha.

O ano é 1984. Estela vive a conturbada passagem pela adolescência. O sexo, os amores, as amizades; tudo parece muito complicado. Seu tio Carlos é seu maior herói, e a viagem à Califórnia para visitá-lo, seu grande sonho. Mas tudo desaba quando ele volta magro, fraco e doente. Entre crises e descobertas, Estela irá encarar uma realidade que mudará, definitivamente, sua forma de ver o mundo.

CALIFÓRNIA (1)

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 1 fevereiro, 2016 13:34


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!