Artista multifacetado, Rodrigo de Souza Leão é personagem de documentário que estreia no Curta!

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 11 janeiro, 2016 12:15

O Canal Curta! estreia na Terça das Artes, dia 12 de janeiro, “Tudo vai ficar da cor que você quiser”, sobre o multifacetado artista Rodrigo de Souza Leão. Pintor, músico, poeta e escritor, recebeu o Prêmio São Paulo de Melhor Livro em 2008, e foi autor de títulos como “Todos os cachorros são azuis”, “Me roubaram uns dias contados”, “O Esquizóide – Coração na Boca”, entre outros. Como vocalista integrou a banda “Pátria Armada” e fundou e coeditou a Zunái — Revista de Poesia & Debates. Diagnosticado com esquizofrenia aos 23 anos, Rodrigo morreu aos 44, em 2009. Dirigido por Letícia Simões, o filme detalhada a obra do artista e traz material de arquivo inédito como videoclipes com suas músicas e videoartes elaboradas a partir dos seus poemas, além de entrevistas com pessoas próximas de Rodrigo.

Na Segunda da Música, dia 11, o Curta! exibe o documentário “O Mistério do Samba”. Dirigido por Lula Buarque de Hollanda e Carolina Jabor, o longa retrata o cotidiano e as histórias da Velha Guarda da Portela, escola de samba de Oswaldo Cruz, bairro da zona norte do Rio de Janeiro. Paulinho da Viola e Zeca Pagodinho são algumas das participações especiais.

De José Padilha, “Ônibus 174” é a atração da Quarta de Cinema, dia 13. O documentário investiga o sequestro dos passageiros da linha 174 no dia 12 de junho de 2000 por meio de documentos oficiais, imagens de arquivo e entrevistas. O filme relembra o crime, que foi transmitido ao vivo durante quatro horas pela imprensa, enquanto retrata a vida pessoal do sequestrador, intercalando com imagens que a televisão registrou do crime.

Também dia 13, o “A Vida É Curta!” homenageia Rodrigo Grota, com exibição de três de seus filmes: “Satori Uso”, “Haruo Ohara” e “Booker Pittman”. Conhecida como a Trilogia do Esquecimento, essa seleção traz três curtas produzidos em Londrina a partir de personagens que passaram pela cidade nos anos 1950. Começando com o retrato do poeta fictício Satori Uso (2007), a trilogia inclui também um perfil do músico americano de jazz Booker Pittman (2008) e um retrato do fotógrafo japonês Haruo Ohara (2010). Os filmes somam mais de 40 prêmios entre festivais nacionais e internacionais, com destaque para os 13 prêmios conquistados no Festival de Gramado, um dos mais tradicionais do país.

“Palavra (En)cantada”, de Helena Solberg, é a atração da Quinta do Pensamento, dia 14. O filme traça um retrato do cancioneiro brasileiro com um paralelo entre música e poesia, entre poetas provençais e o rap, entre o carnaval de rua e os poetas do morro e entre a bossa nova e o tropicalismo. Depoimentos e performances de importantes nomes compõem a produção: Adriana Calcanhotto, Antônio Cícero, Arnaldo Antunes, BNegão, Chico Buarque, Ferréz, Jorge Mautner, José Celso Martinez Correa, José Miguel Wisnik, Lirinha (Cordel do Fogo Encantado), Lenine, Luiz Tatit, Maria Bethânia, Martinho da Vila, Paulo César Pinheiro, Tom Zé e Zélia Duncan.

Para fechar a semana, a Sexta da Sociedade, dia 15, apresenta o episódio “Ernesto” da série “Ernesto Che Guevara – O Diário da Bolívia”. Do diretor Richard Dindo, o filme é uma adaptação do diário do guerrilheiro que traz documentos originais, arquivos e entrevistas de testemunhas.

SEGUNDA DA MÚSICA

O Mistério do Samba (documentário)

Com direção de Lula Buarque de Hollanda e Carolina Jabor, “O Mistério do Samba” retrata o cotidiano e as histórias da Velha Guarda da Portela e a pesquisa que a cantora Marisa Monte realizou recuperando composições dos anos 40 e 50 ainda não gravadas. A poesia, a musicalidade e a intimidade desses senhores e senhoras são desvendadas por meio do cotidiano simples de um pequeno bairro da Zona Norte do Rio, Oswaldo Cruz. O documentário conta com participações especiais de Paulinho da Viola e Zeca Pagodinho.

Diretor: Carolina Jabor, Lula Buarque de Holanda
Duração: 88 min. Ano: 2008
Exibição: 11 de janeiro, segunda-feira, às 22h20m
Horários alternativos: Dia 12 de janeiro, terça-feira, às 2h20m e às 16h20m/ Dia 13 de janeiro, quarta-feira, às 10h20m/ Dia 16 de janeiro, sábado, 8h45m
Classificação: Livre

TERÇA DAS ARTES

Tudo vai ficar da cor que você quiser (documentário)

“Tudo vai ficar da cor que você quiser” apresenta o escritor, músico e artista plástico Rodrigo de Souza Leão. Aos 23 anos, Rodrigo foi diagnosticado com esquizofrenia e criou todo seu trabalho dentro de casa. O filme se utiliza de material de arquivo inédito, videoclipes com as músicas de Rodrigo e videoartes a partir dos poemas escritos pelo autor e nunca publicados.

Diretor: Letícia Simões
Duração: 70 min. Ano: 2014
Estreia: 12 de janeiro, terça-feira, às 22h30m
Horários alternativos: Dia 13 de janeiro, quarta-feira, às 2h30m e às 16h30m/ Dia 14 de janeiro, quinta-feira, às 10h30m/ Dia 16 de janeiro, sábado, às 11h
Classificação: Livre

QUARTA DE CINEMA

“A Vida é Curta!” exibe a Trilogia do Esquecimento, série de curtas premiados de Rodrigo Grota

O “A Vida é Curta” desta semana vai exibir os três curtas que fazem parte da Trilogia do Esquecimento, de Rodrigo Grota. Os filmes trazem personagens que passaram por Londrina nos anos 50. “Satori Uso” é um documentário sobre um poeta que nunca existiu, confrontando os limites entre o real e a ficção. “Haruo Ohara” mostra a vida do imigrante, lavrador, e fotógrafo japonês, nascido no ano de 1909. O curta foi vencedor do prêmio de Melhor Filme no 38º Festival de Gramado. A trajetória de um saxofonista norte-americano no interior de Curitiba é contada em “Booker Pittman”, que narra a história do músico de jazz.

Estreia: 13 de dezembro, quarta-feira, às 20h
Horários alternativos: Dia 14 de dezembro, quinta-feira, às 0h e às 14h / Dia 15 de janeiro, sexta-feira, às 8h
Classificação: Livre

Ônibus 174 (documentário)

Ônibus 174 é uma investigação cuidadosa, baseada em imagens de arquivo, entrevistas e documentos oficiais sobre o sequestro de um ônibus em plena zona sul do Rio de Janeiro. O sequestro ocorreu em 12 de Junho de 2000 e foi filmado e transmitido ao vivo por quatro horas, paralisando o país. O filme narra a estória do sequestro em paralelo à estória da vida do sequestrador, intercalando as imagens que a televisão fez da ocorrência policial com uma narrativa que revela como um típico menino de rua, carioca, que virou bandido. As duas narrativas dialogam formando uma realidade que transcende a ambas, e que revela ao expectador porque o Brasil é um país tão violento.

Diretor: José Padilha
Duração: 130 min. Ano: 2001
Estreia: 13 de janeiro, quarta-feira, às 22h05m
Horários alternativos: Dia 14 de janeiro, quinta-feira, às 2h05 e às 16h05m/ Dia 15 de janeiro, sexta-feira, às 10h05m/ Dia 17 de janeiro, domingo, às 10h
Classificação: 14 anos

QUINTA DO PENSAMENTO

Palavra (En) Cantada (documentário)

Uma viagem na história do cancioneiro brasileiro com um olhar especial para a relação entre poesia e música. Dos poetas provençais ao rap, do carnaval de rua aos poetas do morro, da bossa nova ao tropicalismo, “Palavra (En)cantada” passeia pela música brasileira até os dias de hoje, costurando depoimentos de grandes nomes da nossa cultura, performances musicais e surpreendente pesquisa de imagens. O filme conta com a participação de Adriana Calcanhotto, Antônio Cícero, Arnaldo Antunes, BNegão, Chico Buarque, Ferréz, Jorge Mautner, José Celso Martinez Correa, José Miguel Wisnik, Lirinha (Cordel do Fogo Encantado), Lenine, Luiz Tatit, Maria Bethânia, Martinho da Vila, Paulo César Pinheiro, Tom Zé e Zélia Duncan. Imagens de arquivo resgatam momentos sublimes de Dorival Caymmi, Caetano Veloso e Tom Jobim.

Diretor: Helena Solberg
Duração: 84 min. Ano: 2008
Exibição: 14 de janeiro, quinta-feira, às 22h20m
Horários alternativos: Dia 15 de janeiro, sexta-feira, às 2h20m e às 16h20m/ Dia 16 de janeiro, sábado, às 7h e às 22h20m
Classificação: Livre

SEXTA DA SOCIEDADE

“Ernesto” – “Ernesto Che Guevara – O Diário da Bolívia” (série)

De Richard Dindo, é uma adaptação do diário de Guevara com documentos originais, arquivos e entrevistas de testemunhas oculares.

Diretor: Richard Dindo
Duração: 91 min. Ano: 1995
Estreia: 15 de janeiro, sexta-feira, às 23h30m
Horários alternativos: Dia 18 de janeiro, segunda-feira, às 17h/ Dia 19 de janeiro, terça-feira, às 11h
Classificação: Livre

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 11 janeiro, 2016 12:15


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Brincando com Fogo

Facebook

Reino Gelado e a terra dos espelhos