Leandro Hassum vai falir o Brasil em ‘Até que a Sorte nos Separe 3’, que chega aos cinemas na próxima semana

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 18 dezembro, 2015 12:52

Em ATÉ QUE A SORTE NOS SEPARE 3, que chega aos cinemas do país no dia 24 de dezembro, Tino (Leandro Hassum) mais uma vez comete uma série de trapalhadas. Só que dessa vez ele não leva só a sua família à falência, mas provoca um desastre econômico de proporções nacionais. Com direção de Roberto Santucci e Marcelo Antunez, o filme utiliza muito humor e elementos de sátira política para falar de temas atuais, como a própria crise econômica.

Até que a Sorte nos Separe 2-Official Poster Banner PROMO PHOTOS-06JANEIRO2014-03

Na comédia, Tino (Leandro Hassum) está à procura de emprego, depois que levou a família à falência em Las Vegas. Para piorar a situação, ele é atropelado por Tom (Bruno Gissoni), filho do homem mais rico do Brasil, Rique Barelli (Leonardo Franco), e passa sete meses em coma. Ao acordar, descobre que Teté (Júlia Dalávia) e o rapaz se apaixonaram e decidiram se casar. Como pai da noiva, Tino terá que bancar o casamento e pede ajuda a Rique, que o coloca para trabalhar em sua corretora de ações. Mas ele consegue o inimaginável: quebrar a empresa do milionário, o que provoca uma queda na bolsa brasileira e faz a economia do país entrar em crise. Tino agora precisa administrar não só uma crise familiar, mas uma crise no Brasil. E ainda realizar um casamento digno para sua filha.

No elenco estão atores que já participaram de outros filmes como a atriz Camila Morgado, no papel de Jane; do ator Kiko Mascarenhas, como Amauri; de Ailton Graça, como Adelson; de Júlia Dalávia, como Teté; de Henry Fiuka, como Juninho; e de Ana Julia Freitas, como Vitória, entre outros. Fazem estreia no terceiro filme da franquia Sylvia Pfeifer, como Nora Banks; Bruno Gissoni, como Tom; Leonardo Franco, como Rique Barelli e Emanuele Araújo, como Malu de Carmo.

Depois de perder a herança da família em Las Vegas, Tino procura emprego, mas não consegue parar em nenhum. Após ser atropelado pelo filho do homem mais rico do Brasil, Rique Barelli, e passar sete meses em coma, Tino descobre que Teté e o rapaz se apaixonaram e decidiram se casar.Tino terá que bancar o casamento e pede ajuda a Rique, que o coloca para trabalhar em sua corretora de ações. Mas Tino consegue o inimaginável: quebrar a empresa de Rique, o que provoca uma queda na bolsa brasileira e faz a economia do país entrar em crise.Tino agora precisa administrar não só uma crise familiar, mas uma crise no país! E ainda realizar um casamento digno para sua filha.

Até que a Sorte nos Separe 3-01Dezembro2015

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 18 dezembro, 2015 12:52


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Angry Birds 2

Facebook

O Clube dos Canibais
Meu Nome é Daniel