Núcleo de Cinema de Animação de Campinas participa de dois festivais internacionais em dezembro

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 18 novembro, 2015 15:36

Longa “A História Antes de Uma História” será exibido na 5ª edição do Festival Monstra em Arras, na França, e na 37ª edição do Habana Film Festival, em Cuba.

Após participar da oitava edição do festival internacional de animação AnimaSyrus, na Grécia, o fundador e diretor do Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, Wilson Lazaretti, exibirá seu longa metragem de animação, “A História Antes de Uma História”, em mais dois festivais internacionais: Festival Monstra em Arras, na França, e Habana Film Festival, em Cuba.

A 5ª edição do Festival Monstra em Arras acontece entre os dias 02 e 10 de dezembro. O Monstra – Festival de Animação de Lisboa – está na sua 15ª edição em Portugal, onde ocorre tradicionalmente no mês de março, e, pela quinta vez, promove um segundo  evento também na França. Além de acompanhar a exibição do filme, Lazaretti também ministrará workshops durante o festival.

Núcleo de Cinema de Animação de Campinas-18Novembro2015

Núcleo de Cinema de Animação de Campinas-A História Antes de Uma História-18Novembro2015

O longa também foi selecionado para participar, no mesmo período, de 03 a 13 de dezembro, do 37º Habana Film Festival. Como Lazaretti estará na França, quem representa a equipe brasileira é Eliana Ribeiro, diretora de arte do filme. Eliana trabalha no Núcleo de Cinema de Animação de Campinas há 10 anos, com oficinas para crianças e adolescentes, curtas e longas metragens.

“História Antes de Uma História”

Em 40 anos de atividade no Núcleo de Cinema de Animação de Campinas, Wilson Lazaretti concluiu seu primeiro longa, “A História Antes de Uma História”, após 13 anos de produção. O filme foi exibido em algumas sessões especiais e deve ter lançamento oficial no Brasil em breve, pela Polifilmes.

O longa, de 88 minutos, conta a história de Dr. K, um velho senhor que, no decorrer de uma de suas caminhadas, encontra pelo caminho vários objetos que o ajudarão a desvendar os grandes mistérios da técnica da animação.  Como um desenho animado aprende a ‘andar’? O que acontece quando uma personagem é criada sem um coração?

Lazaretti é autodidata e iniciou sua relação com o desenho animado aos 20 anos de idade, dando aulas para crianças no Conservatório Musical Carlos Gomes, em Campinas/SP. Leciona animação há 23 anos na Universidade Estadual de Campinas, no Instituto de Artes, Departamento de Artes Plásticas e nos últimos onze anos tem participado do programa da Reitoria da Unicamp, Ciência e Arte nas Férias.

Longa “Café, um dedo de Prosa” segue para Festival no Tocantins

O longa metragem “Café, um dedo de Prosa”, de Maurício Squarisi, que dirige o Núcleo de Cinema de Animação de Campinas ao lado de Wilson Lazaretti, foi selecionado para o 10º Miragem, o Festival de Cinema de Miracema, no Tocantins. O evento será realizado entre os dias 23 a 28 de novembro, em Miracema e mais 10 cidades tocantinenses. O filme estará na categoria não competitiva, e foi indicado para as Mostras Especiais.

Na sequência, em dezembro, Squarisi apresenta o filme em Belo Horizonte, na 13ª MUMIA – Mostra Udigrudi Mundial de Animação, que acontece de 08 a 18 de dezembro.

“Café, um dedo de prosa” conta de modo leve e bem humorado a história do café, e mostra sua importância na história do Brasil. O enredo se desenrola a partir do encontro de um casal de amigos, Wandi Doratiotto e Vera Holtz. Apaixonados pela bebida, eles se encontram em uma cafeteria e iniciam uma conversa agradável e recheada de informações históricas, mas apresentadas de forma leve, descontraída e bem humorada, o que torna a obra acessível até mesmo para o público infantil.

Núcleo de Cinema de Animação de Campinas

O Núcleo de Cinema de Animação de Campinas completa, em 2015, impressionantes 40 anos de atuação, desenvolvendo diversas atividades relacionadas ao ensino, pesquisa e divulgação de técnicas de animação.

No Núcleo, são desenvolvidas duas linhas de produção de filmes de animação: os filmes autorais, realizados individualmente pelos diretores, e filmes realizados em oficinas, desenvolvidos com o objetivo de proporcionar aprendizado aos participantes. Ao todo, o Núcleo já produziu cerca de 300 filmes, entre autorais e de oficinas, número que o situa como um importante e dos mais atuantes polos de produção no segmento no país. Atualmente, mantém um banco de projetos voltados para as áreas de educação, ecologia e cidadania e segue trabalhando na captação de recursos, com patrocínios, leis de incentivos e concursos para realizá-los.

Agenda de exibições – Núcleo de Cinema de Animação de Campinas

23 a 28/11 – Exibição do filme “Café, um dedo de prosa” no Festival de Cinema de Miracema – Tocantins

02 a 10/12 – Exibição do filme “História Antes de uma História” no Festival Monstra em Arras – França

03 a 13/12 – Exibição do filme “História Antes de uma História” no Habana Film Festival – Cuba

08 a 18/12 – Exibição do filme “Café, um dedo de prosa” na MUMIA – Mostra Udigrudi Mundial de Animação – Belo Horizonte/MG

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 18 novembro, 2015 15:36


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

MIB: Homens de Preto

Facebook

Kardec