Maíra Freitas faz show de lançamento do disco “Piano e Batucada” no Theatro Net Rio

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 16 novembro, 2015 13:06

A jovem pianista, arranjadora e cantora Maíra Freitas, filha do sambista Martinho da Vila, lança seu segundo disco, Piano e Batucada (Biscoito Fino/ Natura Musical), dia 25 de novembro, quarta, no Theatro NET Rio, com participações especiais de Edu Krieger, Felipe Cordeiro e João Sabiá. O projeto, que inclui gravação do álbum e shows de lançamento em Recife, Porto Alegre e Rio de Janeiro, foi selecionado para receber patrocínio do edital nacional Natura Musical.

O álbum tem produção de Sacha Amback e conta também com participações especiais de parceiros como sua irmã Martn’ália, o também carioca João Sabiá, o gaúcho Filipe Catto, o paraense Felipe Cordeiro, o grupo baiano Ilê Aiyê, com quem gravou em Salvador sua versão samba-reggae para Feeling Good, sucesso interpretado por Nina Simone.

O show estreou em outubro em Recife, já passou por Porto Alegre e agora chega ao Rio de Janeiro no dia 25/11, no Theatro Net Rio, com participações especiais de Edu Krieger, Felipe Cordeiro e João Sabiá.

No palco, Maíra é acompanhada na percussão e bateria pelos músicos Guilherme Oliveira e Cassius Theperson. No repertório, músicas do novo CD como as releituras de Estranha Loucura (Michael Sullivan/Paulo Massadas), para o sucesso de Alcione em que dividiu os vocais com Filipe Catto, uma versão samba-reggae para Feeling Good, de Nina Simone, e Minha Festa, de Nelson Cavaquinho e Guilherme de Brito. Maíra também mostra sua versão compositora em inéditas como Êta, a faixa que abre o disco, parceria com Edu Krieger, a saborosa Gargalhada, com Felipe Cordeiro, Cuidado Moça, parceria com o baiano radicado em São Paulo, Daniel Mã, e outras autorais como Lembrar de Quê, baseada em versos do poeta português Fernando Pessoa, além de Nua, Volta e Danilo Dormindo, por exemplo. O show ainda conta com versões para Michael Jackson, Beat it, em bossa-jazz, e algumas de seu pai, Martinho da Vila, como Disritmia.

Maíra é formada em música clássica pela Escola de Música da UFRJ, possui uma carreira extensa como pianista erudita e ultimamente está se aventurando pela música popular. Estreou como cantora e pianista no disco Poetas da Cidade do pai.

Em 2011 lançou, pelo selo Biscoito Fino, seu primeiro CD Maíra Freitas, com três faixas de sua autoria: Alô?, Corselet e Se Joga. O disco, produzido por Mart’nália, contou com a participação dos músicos Wilson das Neves, Dirceu Leite e Cláudio Jorge e dos cantores Qinho, em As Voltas (Qinho/Vitor Paiva), Martinho da Vila, em Disritmia (Martinho da Vila) e Joyce Moreno, em Monsieur Binot (Joyce Moreno). O CD incluiu também algumas regravações com Se Queres Saber (Peter Pan), Recado (Gonzaguinha), Mambembe (Chico Buarque), Maracatu Nação do Amor (Moacir Santos e Nei Lopes), O Show Tem Que Continuar (Arlindo Cruz/Sombrinha/Luiz Carlos da Vila), Só o Tempo (Paulinho da Viola) e O Voo da Mosca (Jacob do Bandolim).

“Para muitos artistas, o segundo disco é o da afirmação de uma trajetória, da estruturação de um caminho. Para Maíra não existe uma estrada a ser seguida passo a passo. Os itinerários dela são muitos, seu piano e sua voz apontam para uma música universal, abrangente e com conteúdo, independente de rótulos ou clichês. Coisa muito fina”, como observou o jornalista João Pimentel no texto de apresentação deste seu segundo álbum, Piano e Batucada.

SERVIÇO
Maíra Freitas em lançamento do CD Piano e Batucada – part. especial de Edu Krieger, Felipe Cordeiro e João Sabiá
Data: dia 25 de novembro, quarta-feira
Horário show: 21h
Abertura da casa: 19h30
Local: Theatro NET Rio
Endereço: Rua Siqueira Campos, 143 – Shopping Cidade Copacabana – 2º piso – Copacabana – Rio de Janeiro/RJ
Tel: 21 2147-8060
Ingressos: R$ 40,00 (inteira) | R$ 20,00 (meia)
Duração: 70 min
Classificação: 12 anos

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 16 novembro, 2015 13:06


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

MIB: Homens de Preto

Facebook

Kardec