‘Desastres da Engenharia’, nova série do History investiga o que deu errado em catástrofes

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 22 outubro, 2015 10:23

A engenharia construiu as mais espetaculares maravilhas do mundo moderno. De edifícios majestosos a estradas e viagens de avião, tudo existe por causa da engenharia. Mas o que acontece quando a tecnologia em que as pessoas confiam suas vidas falha? Desastres da Engenharia, série que HISTORY estreia neste sábado, 24/10, investiga o que realmente deu errado em catástrofes recentes e explora os mais terríveis perigos da engenharia norte-americana. A nova produção desvenda o que causou – erros de planejamento, cálculo ou execução – incidentes como deslizamentos, explosões, acidentes de trem, de avião e outras tragédias.

HISTORY-Desastres da Engenharia (1)

HISTORY-Desastres da Engenharia (2)

Qual a causa da queda de um palco, em Indiana, matando sete pessoas? Como uma coleção de Corvettes clássicos desapareceu do nada? Por que motivo a fuselagem de um avião se abriu durante o voo? E o que está por trás da queda da cobertura de um estádio?

Cada episódio tem uma hora de duração e conta a história por trás dos mais terríveis acidentes da engenharia do mundo. Para isso, traz depoimentos de especialistas e testemunhas dos incidentes, além de recursos gráficos de ponta e ainda uma encenação dramática do momento do desastre.

No dia da estreia, o HISTORY exibe quatro episódios na sequência:

20h – O episódio de estreia, Falhas fatais, analisa vários erros de construção. A humanidade celebra os feitos da engenharia desde o Colosso de Rodes e as pirâmides do Egito até a Represa Hoover e o Ônibus Espacial. Mas o que acontece no caso de erros nos cálculos?

21h – Em seguida, em Explosão no coração da Terra, os mesmos construtores e engenheiros que pavimentaram o caminho do homem das cavernas até o mundo moderno causaram também alguns dos piores desastres da humanidade. Uma grande calamidade geralmente acontece a partir de uma pequena causa, talvez insignificante por si só, mas que pode gerar um efeito dominó. 

HISTORY-Desastres da Engenharia (3)

HISTORY-Desastres da Engenharia (4)

22h – O terceiro episódio, Acontecimentos desastrosos, questiona por que um trem com 72 vagões de combustível teria se desgovernado, matado 47 pessoas e destruído metade de uma cidade; e como engenheiros conseguiram fechar um buraco gigantesco aberto no Museu Nacional dos Corvettes, que engoliu subitamente oito carros? O programa também investiga o que teria causado a queda da famosa cobertura do estádio Metrodome em Minneapolis. E, ainda, 33 mineiros chilenos ficaram presos em uma mina, a 800 metros abaixo da superfície, à mercê do destino. Engenheiros de perfuração de minas lutam para cavar um buraco grande o suficiente para resgatá-los, mas uma broca especial seria capaz de perfurar a rocha mais dura que granito? E, finalmente, apenas alguns minutos após a decolagem, o voo 194 da JetBlue sofre uma falha hidráulica súbita que quase causa uma tragédia.

23h – Na sequência, em Acidentes violentos, um deslizamento de terra engole um bairro inteiro, deixando os cientistas perplexos; e um foguete que iria até a estação espacial internacional, explode em chamas segundos antes da decolagem. E o que teria provocado o descarrilamento de uma das mais movimentadas linhas de trem suburbanas por duas vezes em seis meses? A mina de carvão de West Virginia se incendeia misteriosamente, matando 29 mineiros. E a engenharia pode ser apontada como culpada pela morte de mais de duzentas mil pessoas no Haiti?

HISTORY-Desastres da Engenharia (6)

HISTORY-Desastres da Engenharia (5)

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 22 outubro, 2015 10:23


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!