Coral Lírico de Minas Gerais interpreta obras inéditas de Vivaldi e Billy Joel na série Lírico no Museu

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 24 setembro, 2015 17:10

Coral Lírico de Minas Gerais interpreta obras inéditas de Vivaldi e Billy Joel na série  Lírico no Museu

Obras de diferentes estilos da música coral fazem parte do repertório do Coral Lírico de Minas Gerais na série Lírico no Museu. Sob regência da maestrina Lara Tanaka, o corpo artístico da Fundação Clóvis Salgado interpreta, pela primeira vez na série, as peças Beatus Vir, do italianoAntonio Vivaldi; e And so it goes, do músico norte-americano Billy Joel. O repertório ainda conta com composições de Brahms, Louis Vierne e Duke Ellington.

O programa do concerto será dividido em duas partes. Na primeira, o Coral Lírico de Minas Gerais interpreta uma síntese de obras sacras e eruditas, com forte presença do estilo barroco no repertório, e acompanhamento do pianista Hélcio Vaz do Val. Já a segunda metade da apresentação é voltada para obras seculares, que têm na essência um tom mais popular. O acompanhamento é do pianista e arranjador Fred Natalino.

Segundo a maestrina Lara Tanaka, essa mistura de repertório, além de reunir algumas das das principais peças que Coral Lírico tem apresentado na temporada 2015, faz com que os coristas estejam sempre afinados para diferentes concertos. “O coro precisa ter essa flexibilidade, já que nós temos uma demanda de repertorio bastante eclético para cumprir, e tudo isso é muito enriquecedor para o Coral”, diz.

Diferentes estilos – Além da divisão entre canções eruditas e seculares, essa apresentação do Coral Lírico reúne duas peças inéditas no repertório da série Lírico no Museu. A primeira delas, Beatus Vir, é uma composição do italiano Antonio Vivaldi. A versão original possui setemovimentos, mas o CLMG irá interpretar três. “São os movimentos que reúnem características marcantes de Vivaldi, como seus padrões rítmicos vigorosos, uma música cheia de vitalidade e imaginação”, explica Lara Tanaka.

Composta na década de 1980 pelo americano Billy Joel, a canção And so it goes é a segunda peça inédita no repertório do concerto. Os versos narram a história de um relacionamento que o artista teve e terminou de maneira brusca. O CLMG vai interpretar a peça com arranjo de piano escrito especialmente para o grupo King’s Singers, grupo vocal britânico, fundado em 1968 por seis alunos do King’s College, em Cambridge, na Inglaterra.

O repertório do concerto reúne, ainda, obras de Dietrich Buxtehude, Johannes Brahms e Louis Vierne, três notórios compositores de peças sacras e eruditas. A segunda parte do concerto conta com Três Canções Latino Americanas, peças que remetem às tradições folclóricas da Argentina,Elijah Rock, de Joshua Nelson; e Freedom, de Duke Ellington.

À frente do Coro – A apresentação é especial para a maestrina Lara Tanaka. Regente-titular do Coral Infantojuvenil Palácio das Artes há 15 anos, ela se tornou regente assistente do CLMG em 2014. Esta será a primeira vez que Lara assume a regência do Coral Lírico de Minas Gerais na série Lírico no Museu.  À frente do coro, ela decidiu, então, dar um toque mais pessoal ao repertório, selecionando composições que marcaram a sua trajetória.

“Eu sou cravista por formação, e me especializei em música barroca. Então, eu tentei trazer algo barroco para o concerto. Escolhi Beatus Vir, do Vivaldi, por me identificar muito com a música, especialmente o movimento In memoria aeterna, que conserva várias características barrocas”, destaca Lara Tanaka

Para Lara, a primeira regência na série é um desafio, e, ao mesmo tempo, uma grande honra. “Eu me sinto honrada em poder reger o Coral Lírico nesta série. É um grupo com o qual eu sinto muita empatia e o trabalho ao lado deles flui de maneira muito proveitosa. Todos são muito profissionais, o que me deixa ainda mais segura.”, aponta.

SERVIÇO
Série Lírico no Museu – Coral Lírico de Minas Gerais
Data: 29 de setembro
Horário: 19h
Local: Museu Inimá de Paula
Endereço: Rua da Bahia, 1201 – Centro
Duração: 60 minutos
Entrada gratuita

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 24 setembro, 2015 17:10


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!