O submundo do vampiro VLAK é a atração de agosto na tela do TESTE DE AUDIÊNCIA

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 21 julho, 2015 19:38

O submundo do vampiro VLAK é a atração de agosto na tela do TESTE DE AUDIÊNCIA

Cinéfilos têm encontro marcado no Caixa Belas Artes, dia 4 de agosto, às 20h, para a sexta exibição do Teste de Audiência. O longa da vez é “Vampiro Carioca”, de Marcelo Santiago. A atividade, promovida pela CAIXA Cultural São Paulo, proporciona o livre debate de filmes ainda em fase de montagem. As sessões acontecem às primeiras terças-feiras de cada mês, com ingressos a R$2. 

Estrelado pelo cantor e compositor Fausto Fawcett, o longa-metragem acompanha o vampiro Vlak pelas noites do sombRio 40 graus, depois que ele se rebela contra a Limbo Corporation, multinacional gerenciadora de negócios escusos. Vlak arranca da própria gengiva o canino chip pelo qual era controlado pela empresa e alia-se à chinesa Wang Su, atual concorrente da Limbo. Em suas andanças, Vlak terá que enfrentar o vampiro Draco, seu arqui-inimigo de infância, agora associado à Dafne, a Foice Ruiva, uma psicopata decepadora que age nas madrugadas do Rio de Janeiro.

Antes de se tornar um longa-metragem, “Vampiro Carioca” teve três temporadas como série de TV no Canal Brasil. O programa nasceu do interesse do diretor Marcelo Santiago no livro “As aventuras do vampiro carioca”, de Lúcia Chataignier, sobre um ascensorista que era vampiro somente na imaginação. O personagem principal, desde a TV, sempre foi destinado ao músico Fausto Fawcett, que também assina o roteiro do longa, ao lado de Henrique Tavares e João Paulo Reys. A produção é de Daniel Tendler e Paula Barreto.

O diretor Marcelo Santiago participa de debate com a plateia após a exibição do filme.

Marcelo Santiago

Formado em cinema pela Universidade Federal Fluminense (UFF), Marcelo Santiago dirigiu seu primeiro curta-metragem em 1998, “45% Cinema Urbano”, seguido de “Os filhos de Nelson”, de 2002, que rendeu à Larissa Bracher o prêmio de melhor atriz nos festivais de Miami e Recife. “A Incrível História da Mulher que Mudou de Cor” foi lançado em 2004. Foi assistente de direção de produções como “O Quatrilho”, “Bela Donna” e “A Paixão de Jacobina”, de Fabio Barreto e “Uma Aventura de Zico”, de Antonio Carlos da Fontoura.

Como integrante da produtora LC Barreto & Filmes do Equador, Marcelo Santiago dirigiu, entre outros, o longa-metragem “Sonhos e Desejos”, que rendeu o Kikito de Melhor Atriz para Mel Lisboa e Melhor Direção de Arte para Oswaldo Lioi no Festival de Gramado de 2006. Para a televisão, dirigiu séries como “Amálgama Brasil”, com apresentação de Jorge Mautner, para a TV Brasil. Seus mais recentes trabalhos são a série “Seleção Brasileira – Paixão de Um Povo”, em 10 episódios para a HBO e a minissérie “Rondon, O Grande Chefe”, em cinco episódios, exibida na TV Globo MT e MS e no Canal Brasil.

Teste de Audiência

O projeto foi idealizado e é comandado pelos cineastas Marcio Curi e Renato Barbieri. Em nove edições, exibiu mais de 80 longas-metragens brasileiros entre as cidades de Brasília e Curitiba. Em São Paulo, o projeto estreou em março com o filme “A Noite Escura da Alma”, do diretor Henrique Dantas.

Entre os filmes que já participaram da experiência estão “Cidade dos Homens”, de Paulo Morelli, “É Proibido Fumar”, de Anna Muylaert, “Tropicália”, de Marcelo Machado, e “Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios”, de Beto Brant e Renato Ciasca, entre outros. Até o final de 2015, dez longas-metragens participarão da edição paulista do Teste de Audiência. As sessões são patrocinadas pela Caixa Econômica Federal.

SERVIÇO

Teste de Audiência

“Vampiro Carioca”, do diretor Marcelo Santiago
Data: 04 de agosto de 2015, terça-feira
Horário: 20h

Local: Caixa Belas Artes
Endereço: Rua da Consolação, 2423 – Consolação – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2894-5781
Entrada: R$ 2
Funcionamento: de segunda-feira a domingo, das 13h30 às 23h30
Capacidade: 144 lugares
Classificação etária: 16 anos

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 21 julho, 2015 19:38


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook