FILIPE CATTO – VOZ E VIOLÃO encerra primeira edição do INVERNO DAS ARTES

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 21 julho, 2015 14:07

FILIPE CATTO – VOZ E VIOLÃO encerra primeira edição do INVERNO DAS ARTES

Expoente da nova safra de artistas brasileiros, o cantor gaúcho Filipe Catto é a última atração musical do I Inverno das Artes e traz para o público mineiro o show Filipe Catto – Voz e Violão. Em formato mais intimista, e com repertório variado, a setlist reúne composições autorais, como SagaAdoração e Flor da Idade, além de interpretações de canções de outros artistas, que ficaram marcadas na voz inconfundível de contratenor.

Nesta apresentação, Filipe Catto coloca em destaque suas principais influências na música. Entre os artistas que o inspiraram, Milton Nascimento e Elis Regina ocupam o topo da lista. Mas também há espaço para releituras de canções do roque, do samba e de outros estilos musicais. “Eu sou intérprete. Absolutamente tudo que eu canto é autoral, porque aquele texto passa a ser meu na minha voz”, diz o cantor.

Com um timbre de voz que lembra muito Ney Matogrosso, Filipe tem conquistando um número cada vez maior de fãs no Brasil. E após ter emplacado algumas de suas composições em trilhas sonoras de novelas, como “Saga”, (Cordel Encantado – 2011), “Adoração”, (Saramandaia – 2013) e “Flor da Idade” (Jóia Rara – 2013), Filipe aposta em um formato mais intimista para subir, novamente, aos palcos da capital, algo que ele não fazia desde 2011, quando se apresentou pela última vez em Belo Horizonte.

Acostumado com o formato de espetáculo dos seus shows, sempre com muitos efeitos visuais, o cantor encara essa nova apresentação como uma forma de ampliar o contato com os fãs. “Apesar de ser um show íntimo, eu sinto que este formato está cada dia mais forte e mais impactante. Poder fazer as músicas de uma forma crua também me requer uma entrega absoluta o que é uma experiência única para mim e para o público”.

Neste retorno aos palcos mineiros, diz estar empolgado em poder participar da primeira edição de um evento que aproxima o público das mais variadas linguagens artísticas. Para ele, é fundamental que estes projetos vinguem e se proliferem. “Estamos em um momento muito carente de cultura, de boas ideias, e misturar as artes, as linguagens, reforça a qualidade da arte brasileira”, finaliza.

I Inverno das Artes é um evento produzido pela Fundação Clóvis Salgado para movimentar o período de férias em Belo Horizonte, com artes visuais, cinema e música. Grandes nomes da música brasileira integraram a primeira edição do Inverno das Artes. Já passaram pelo palco da Sala Juvenal Dias: Jorge MautnerJards Macalé e Cida Moreira. Além de Paulinho da Viola, com show no Grande Teatro.

SERVIÇO
Filipe Cato – Voz e Violão
Data: 27 de julho
Horário: 20h30
Local: Sala Juvenal Dias – Palácio das Artes
Endereço: Avenida Afonso Pena, 1.537, Centro
Entrada: R$50,00 (inteira) e R$25,00 (meia)
Classificação: 16 anos

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 21 julho, 2015 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook