ANCINE apoia a ida de produtoras brasileiras independentes ao Mercado do Filme de Durban, na África do Sul

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 16 julho, 2015 12:41

ANCINE apoia a ida de produtoras brasileiras independentes ao Mercado do Filme de Durban, na África do Sul

A ANCINE divulgou nesta quinta-feira, 9 de julho, em portaria publicada no Diário Oficial da União, os nomes dos representantes de cinco empresas brasileiras produtoras independentes que serão beneficiadas pelo Programa de Apoio à Participação de Produtores Brasileiros de Audiovisual em Eventos de Mercado e Rodadas de Negócios Internacionais da ANCINE com auxílio financeiro para participarem do Mercado do Filme de Durban, que acontece de 17 a 20 de julho, dentro da programação do , na África do Sul.

Os contemplados vão participar de um encontro entre produtores brasileiros e sul-africanos organizado pela ANCINE e pela National Film and Video Foundation – NFVF. O encontro colocará lado a lado produtores dos dois países com o objetivo de incrementar as possibilidades reais de coproduções entre eles. A ANCINE recebeu, até o dia 30 de junho, inscrições de projetos de produtoras brasileiras interessadas em participar do encontro. Os projetos escolhidos foram selecionados pela NFVF, tendo como critério principal o potencial de coprodução com a África do Sul.

As seguintes empresas produtoras contarão com o auxílio do programa da ANCINE para estarem presentes no Mercado do Filme de Durban: Mar Brasilis Produções Culturais (projeto “Gênesis: a busca pelo desconhecido”), representada por João Pasquale; Tu i Tam Filmes (projeto “Agontimé”), representada por Larissa Figueiredo; Ideograph (projeto “Logo ali”), representada por Felipe Haurelhuk; Tambellini Filmes (projeto “Malês”), representada por Érica de Freiras; e Elka Filmes (projeto “O monstro em nós”), representada por Daniel Camargo.

De acordo com o regulamento do programa, os produtores selecionados receberão, cada um, apoio no valor de R$ 3 mil para viabilizar a participação no Mercado do Filme de Durban. Todos os representantes deverão prestar contas do apoio recebido em até 60 dias do encerramento do evento.

O Programa de Apoio à Participação de Produtores de Audiovisual em Eventos de Mercado e Rodadas de Negócios é parte da política da ANCINE para incentivar a participação das empresas brasileiras de audiovisual no mercado exterior. Podem requerer o apoio os representantes de empresas produtoras brasileiras independentes registradas na ANCINE, que tenham ao menos um CPB de obra emitido no prazo de 18 meses anterior ao evento pretendido, ou ao menos um SALIC de projeto em processo de realização no momento do pedido.

Para mais informações, acesse a lista de eventos contemplados e o regulamento do Programa de Apoio à Participação de Produtores de Audiovisual em Eventos de Mercado e Rodadas de Negócio.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 16 julho, 2015 12:41


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook