“Teletema” reúne os maiores sucessos que já embalaram novelas brasileiras

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 27 fevereiro, 2015 16:09

As grandes trilhas sonoras de novelas de sucesso da TV brasileira reunidas em um só lugar. Esse é o “Teletema”, lançamento da Som Livre que chega às lojas ainda este mês. Com pesquisa baseada no livro Teletema, de Guilherme Bryan e Vicent Villari, o álbum promete despertar grandes memórias nos fãs de folhetins como Anos Dourados, Dancin’ Days, Véu da Noiva, Gabriela, Pecado Capital e Roque Santeiro, entre outros exibidos entre 1964 e 1989. O produto traz diversos hits que saíram da televisão para entrar na história da música no país. “Buscamos, nesta concisa seleção, incluir canções, ritmos e artistas que se destacaram no panorama musical e teledramatúrgico do período abordado no livro. Trata-se de um conjunto heterogêneo, uma pequena amostra da riqueza da música brasileira do período”, avaliam Bryan e Villari.

A faixa que abre o álbum é “Teletema”, de Regininha e Laércio, que fez parte da trilha sonora da novela Véu da Noiva. Em seguida, vem a música “Jazz Potatoes”, que esteve presente em A Volta De Beto Rockfeller, da extinta TV Tupi; “Paiol e Pólvora”, na voz de Toquinho e Vinícius de Moraes, da novela Bem-Amado; “Alegre Menina”, cantada por Djavan, lembra as cenas de Gabriela e “Pecado Capital”, de Paulinho da Viola, representa a novela que levou o mesmo nome da música. Guilherme Arantes participa do álbum com “Meu Mundo e Nada Mais”, de Anjo Mau. As Frenéticas dão voz a “Dancin’ Days”, que embalou a abertura da novela homônima, e Elis Regina canta “Me Deixas Louca”, da trilha sonora de Brilhante.

O álbum também conta com “Menino do Rio”, cantada por Baby Consuelo, tema de Água Viva; a instrumental “Anos Dourados”, de Tom Jobim, que faz parte da minissérie de mesmo nome; “De Volta Para Meu Aconchego”, por Elba Ramalho, que embalou Roque Santeiro, e o hit “Whisky a Gogo”, do Roupa Nova, parte da trilha de Um Sonho a Mais. Ainda faz parte do lançamento “Teletema” o sucesso “Transas”, de Ritchie, da novela Roda de Fogo, e também “Pelado”, do Ultraje a Rigor, que embalou a abertura de “Brega & Chique”. Na voz de Rosana, “O Amor e o Poder” relembra a novela Mandala, enquanto “Lua e Flor”, de Oswaldo Montenegro”, representa  O Salvador da Pátria. Finalizando o álbum, o tema do sucesso Vale Tudo: “Brasil”, na voz de Gal Costa.

Para Guilherme Bryan e Vicent Villari, que fizeram pesquisas e entrevistas durante 15 anos, o álbum “Teletema” é composto por músicas que representam um importante momento das trilhas sonoras. “O período que vai de 1964 a 1989 compreende a criação desse formato de canções utilizadas para acompanhar personagens nas tramas e serem reunidas em discos, ainda na época da extinta TV Tupi, com o sonoplasta Salathiel Coelho, passando pela própria criação e consolidação da Som Livre até chegarmos ao auge da popularidade desse que é o mais importante crossover de nossa história cultural, uma vez que estamos tratando de duas das maiores paixões nacionais – a música e a teledramaturgia”, observam os autores do livro.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 27 fevereiro, 2015 16:09


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!