Cia de Dança Palácio das Artes apresenta o premiado espetáculo Entre o Céu e as Serras na Campanha de Popularização do Teatro e da Dança

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 27 fevereiro, 2015 10:03

Cia de Dança Palácio das Artes apresenta o premiado espetáculo Entre o Céu e as Serras na Campanha de Popularização do Teatro e da Dança

A Cia. de Dança Palácio das Artes volta a encenar uma de suas coreografias mais premiadas, Entre o Céu e as Serras, que estreou no ano 2000, com grande sucesso de público e crítica. O espetáculo, que foi visto por mais de 30 mil pessoas, traz diversas referências culturais ao período barroco e à formação da identidade do povo mineiro. Desta vez, o público poderá conferir diversas tecnologias e diferentes linguagens da dança na estreia do espetáculo dentro da programação da 41ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança.

De acordo com a diretora do espetáculo, Cristina Machado, essa apresentação promove um reencontro entre dois momentos distintos da companhia. “É uma reimersão no início de um processo que começou há 14 anos. As questões conceituais que surgiram em torno da identidade e da experiência de mineiridade evoluíram ao longo destes anos. A estrutura, o conceito e a estética do espetáculo se mantêm, mas a dramaturgia vem agora atualizada, como se fosse a leitura de um texto escrito por todos nós, que participamos da criação em 2000”, ressalta a diretora.

A trilha sonora da montagem, assinada por Cláudia Cimbleris, combina sons orquestrais e música eletrônica. O figurino de Marco Paulo Rolla, vencedor de dois prêmios de melhor figurino em 2000, reflete as montanhas mineiras e o seu peso. Para isso, foram escolhidos trajes cor de ferrugem em uma modelagem que mistura cortes antigos com o estilo contemporâneo. Os bailarinos têm os cabelos modelados como se emergissem da lama e os corpos pintados com terra vermelha de Rio Acima.

Já o cenário, de Wanda Sgarbi, se apropria de elementos icônicos que remontam à cultura local. É o caso, por exemplo, do forro de bambu trançado presente nos tetos de habitações do interior de Minas, além de grãos típicos, como painzo e canjiquinha, utilizados no espetáculo de forma inusitada. A montagem conta, ainda, com a iluminação de Ney Matogrosso.

SERVIÇO
Entre o Céu e as Serras
Período: 27 e 28 de fevereiro e 1º de março
Horário: Sexta e sábado, às 20h, e domingo, às 19h
Local: Grande Teatro Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1537 – Centro
Entrada: R$ 26,00 (inteira) R$ 13,00 (meia) | Postos do Sinparc: R$ 12,00 Classificação: 10 anos
Informações para o público: (31) 3236-7400

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 27 fevereiro, 2015 10:03


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!