Cinemateca Brasileira homenageia cineasta Hector Babenco em mostra com filmes e exposição de fotos

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 10 fevereiro, 2015 14:02

No início de 2015 a Cinemateca Brasileira presta uma homenagem a esse que é considerado um dos maiores cineastas brasileiros: Hector Babenco.

A retrospectiva completa Hector Babenco exibirá em 35mm todas as obras do diretor: O rei da noite (1975), Lúcio Flávio, o passageiro da agonia (1977), Pixote, a lei do mais fraco (1980), O beijo da mulher-aranha (1984), Ironweed (1987), Brincando nos campos do Senhor (1990), Coração iluminado (1998), Carandiru (2003) e O Passado (2007).

Cinemateca Brasileira-Hector Babenco-02FEVEREIRO2015

Soma-se a retrospectiva uma exposição com cartazes e cartazetes dos filmes e documentos curiosos como uma fotonovela de Lúcio Flávio, o passageiro da agonia, um compacto com a trilha sonora de Pixote, a lei do mais fraco, o roteiro original de Carandiru com anotações do montador do longa, Mauro Alice entre outras, além de fotos de cena e dos bastidores dos filmes.

A exposição acontecerá no foyer da sala BNDES e tem entrada gratuita.

Programação completa (clique aqui!)

QUINTA 12/02
SALA BNDES
18h00 O REI DA NOITE
20h00 LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA

SEXTA 13/02
SALA BNDES
18h00 PIXOTE, A LEI DO MAIS FRACO
20h30 O BEIJO DA MULHER ARANHA

SÁBADO 14/02
SALA BNDES
17h00 IRONWEED
20h00 BRINCANDO NOS CAMPOS DO SENHOR

DOMINGO 15/02
SALA BNDES
16h00 CORAÇÃO ILUMINADO
18h30 CARANDIRU
21h00 O PASSADO

QUINTA 19/02
SALA PETROBRAS
18h00 O PASSADO
20h00 O REI DA NOITE

SEXTA 20/02
SALA PETROBRAS
19h00 BRINCANDO NOS CAMPOS DO SENHOR

SÁBADO 21/02
SALA PETROBRAS
16h00 O BEIJO DA MULHER ARANHA
18h30 LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA
20h30 CARANDIRU

DOMINGO 22/02
SALA PETROBRAS
16h00 IRONWEED
18h30 PIXOTE, A LEI DO MAIS FRACO
21h00 CORAÇÃO ILUMINADO

QUINTA 26/02
SALA PETROBRAS
17h00 LÚCIO FLÁVIO, O PASSAGEIRO DA AGONIA
19h00 CORAÇÃO ILUMINADO

SEXTA 27/02
SALA PETROBRAS
18h00 IRONWEED
20h30 O REI DA NOITE

SÁBADO 28/02
SALA PETROBRAS
16h00 O PASSADO
18h30 PIXOTE, A LEI DO MAIS FRACO
20h45 O BEIJO DA MULHER ARANHA

DOMINGO 01/03
SALA PETROBRAS
16h00 BRINCANDO NOS CAMPOS DO SENHOR
19h30 CARANDIRU

FICHAS TÉCNICAS E SINOPSES

O Beijo da mulher-aranha
Brasil,1985, 35mm, cor, 120 min.
Com Raul Julia, William Hurt, Sônia Braga, José Lewgoy, Milton Gonçalves.

No presídio de um país latino-americano não especificado dois prisioneiros, um homossexual e um militante político, ensaiam uma difícil convivência. Baseado na novela homônima de Manuel Puig. Pelo filme, William Hurt recebeu o Oscar de Melhor ator e o prêmio na mesma categoria no Festival de Cannes de 1985.

Não recomendado para menores de 14 anos

Brincando nos campos do senhor
Brasil, EUA, 1991, 35mm, COR, 186min
Com Aidan Quinn, Tom Berenger, Daryl Hannah, John Lithgow

Um casal de missionários e seu filho pequeno embrenham-se na selva amazônica brasileira para catequisar índios ainda arredios à noção de Deus. Martin Quarrier é sociólogo e termina sendo motivado pelas experiências de outro casal, os Huben. As intenções religiosas e a harmonia entre brancos e índios no local ficam instáveis devido à presença de Lewis Moon, um mercenário descendente dos índios americanos.

Não recomendado para menores de 16 anos

Coração Iluminado
Brasil, Argentina e França, 1998, 35mm, COR, 130min.
com, Miguel Angel Solá, Maria Luisa Mendonça, Walter Quiroz, Xuxa Lopes.

Um amor interrompido pela suposta morte da amante, vem à tona novamente quando Juan retorna ao lugar onde a paixão por Ana se iniciara. Lá chegando descobre que Ana está viva e casada, vai ao encontro e no caminho conhece Lilith, aumentando assim ainda mais a lembrança da paixão antiga.

Não recomendado para menores de 18 anos

Ironweed
EUA, 1987, 35mm, COR, 137min
Com Jack Nicholson, Meryl Streep, Carroll Baker

Francis Phelan, um homem destruído pelo passado. Sua companheira, Helen, com quem vive há nove anos, foi uma cantora de rádio. Os dois são sombras, quase fantasmas, sem esperança, sem lar e sem dinheiro. Ambos vão para Albany, a cidade onde, vinte e dois anos antes a vida de Francis foi destruída, convivem com outros vagabundos nos anos negros da Depressão.

Não recomendado para menores de 14 anos

Lúcio Flávio, o Passageiro da Agonia
Brasil, 1976, 35mm, COR, 125 min.
com Reginaldo Farias, Ana Maria Magalhães, Milton Gonçalves, Paulo Cesar Pereio, Ivan Cândido, com participação de Grande Othelo.

Enfoca as ligações entre ladrões e policiais. Lúcio Flávio é um bandido famoso que empreende fugas e ações espetaculares. Seu bando é trazido por um detetive que acobertava suas ações, que acaba sendo denunciado por Lúcio numa reunião com a imprensa. É oferecido um passaporte para fugir do país e não denunciar o policial; entretanto ao saber que seu irmão foi morto, ele recusa. Ao voltar para sua cela, é executado à facadas.

Não recomendado para menores de 18 anos

O Passado
Brasil, Argentina, 2007, 35mm, COR, 114min.
com Analia Couceyro, Gael Garcia Bernal, Claudio Tolcachir, Marta Lubos, Marcelo Chaparro

História de Rimini e Sofia, dois adolescentes que se casam, ficam juntos por 12 anos e resolvem se separar. A partir daí, Rimini tenta recomeçar sua vida, mas a presença constante de Sofia irá provocar pequenas tragédias.

Não recomendado para menores de 18 anos

Pixote, a lei do mais fraco
Brasil, 1980, 35mm, COR, 125min.
Com Marília Pêra, Jardel Filho, Rubens de Falco, Elke Maravilha, Tony Tornado, Beatriz Segall.

Dito, Lilica, Chico e Pixote – este de apenas dez anos – vivem a dura realidade do menor carente num reformatório em São Paulo, junto a outros garotos abandonados como eles, sendo que alguns já com passado criminal. Revoltados com a violência e as injustiças dos administradores da instituição, os quatro resolvem fugir. Lá fora, conhecem um traficante que os utiliza como portadores de drogas para o Rio de Janeiro, para onde vão clandestinamente num trem de carga. Inexperientes, são trapaceados; Chico morre e Pixote comete seu primeiro assassinato. Sem a droga e sem dinheiro, eles voltam para São Paulo. Encontram Sueli, uma prostituta, com a qual negociam um acordo: ela atrai fregueses e eles os assaltam. Dessa maneira, vivem dias perigosos e alegres. Lilica vai embora. Dito morre num acidente provocado por Pixote. Sozinho com Sueli, o garoto encontra nela um tipo de amor que nunca conhecera antes. Mas isso também não dura. Rejeitado, ele sai armado para enfrentar a cidade grande.

Não recomendado para menores de 18 anos

O rei da noite
Brasil, 1975, 35mm, COR, 98min.
Paulo José, Marília Pera, Vick Militello, Cristina Pereira.

A trajetória de Tertuliano, iniciada no cenário paulistano de 1920. Namorado de Aninha, dela se afasta a pedido dos pais da menina, que está com um sopro no coração. Inicia-se entre ambos uma correspondência para o resto da vida. Depois, a conselho da mãe, Tertuliano visita três irmãs casadeiras e começa a namorar a caçula, enquanto passa a frequentar a vida noturna na cidade e a manter um romance com Pupi, a rainha da noite. Briga com a primeira e passa a namorar a segunda das irmãs e se transforma num total explorador de Pupi, além de começar a beber. Depois se casa com a mais velha das três irmãs, que conhecera e seu envolvimento se torna trágico, com ela e com Pupi. Termina sua trajetória como vendedor de bilhetes de loteria, relembrando os tempos do Rei da Noite

Não recomendado para menores de 18 anos

SERVIÇO
Evento: Retrospectiva completa Hector Babenco
Data: 12 de fevereiro a 08 de março | Horário: consultar acima
Local: CINEMATECA BRASILEIRA
Endereço: Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Próximo ao Metrô Vila Mariana
Classificação etária: 12 anos
Ingressos: entrada franca
Informações para o público: (11) 3512-6111 (ramal 215)

A exposição acontecerá no foyer da sala BNDES e tem entrada gratuita.
Exposição de fotos: 12 de fevereiro a 15 de março

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 10 fevereiro, 2015 14:02


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!