Fenômeno da música brasileira, Sorriso lança em CD e DVD a superprodução Sorriso Eu Gosto, gravada no Maracanãzinho

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 5 fevereiro, 2015 11:04

Fenômeno da música brasileira, Sorriso lança em CD e DVD a superprodução Sorriso Eu Gosto, gravada no Maracanãzinho

O dia 15 de agosto de 2014 marcou definitivamente a história do Sorriso. O fenômeno pop do samba carioca conquistou a imponente arena do Maracanãzinho para fazer um megashow eternizado no CD – composto pelas músicas inéditas – e no DVD Sorriso Eu Gosto Ao vivo no Maracanãzinho, uma realização da empresa Fanática, idealizada pelo quinteto e distribuída pela Som Livre.

A gravação do DVD coroa um ano de muito sucesso para o grupo, que teve a canção “Guerra Fria” em nono lugar das músicas mais tocadas de 2014 nas rádios do Brasil, a frente de hits internacionais, como “Happy”, de Pharrel Williams. O bom desempenho também levou o grupo a ser convidado para apresentar uma das edições do programa “Sai do Chão”, da Rede Globo, que foi ao ar no dia 18 de janeiro.

Os números impressionam. Foram seis toneladas de equipamento de som e dez toneladas de luz, distribuídos em um palco de dimensões superiores a 500 metros quadrados com nada menos do que 600 metros quadrados de painéis de LED em um grande cenário que impressiona por seu design arquitetônico.

No palco do Maracanãzinho, o Sorriso dá seu habitual show de alegria – sem esquecer o romantismo que pautou o repertório inicial do grupo – com músicas cantadas na cadência bonita do samba. Mas não é um samba em estado puro. Em sintonia com a preferência de um público de grandes dimensões, que já contabiliza mais de 8,5 milhões de seguidores nas redes sociais, o Sorriso apresenta um mix pop de ritmos em que o samba é amalgamado com gêneros como funk, sertanejo e R&B no roteiro com 23 números sendo 12 músicas inéditas. Junto ao grupo, uma banda com 32 músicos.

Entre as participações especiais, a musa do pop funk carioca, Anitta interpreta a música inédita “Na Maldade”, um inusitado “pagofunk” que mistura a levada do pagode com o batidão do funk carioca. Outra atração foi o grupo Bom Gosto, representantes do samba e amigos de longa data, que se apresentaram em “Tudo tem saída”, outra canção inédita. A produção ainda contou com a participação em vídeo dos funkeiros Mr. Catra e Valesca Popozuda, que juntos interagem com a plateia em cenas especialmente gravadas para a ocasião.

Números e participações à parte, gravar um DVD no Maracanãzinho tem simbologia e significado especiais para o quinteto, formado por Bruno Cardoso (voz), Sérgio Jr. (violão e vocal), Cris Oliveira(percussão e vocal), Vinicius Augusto (teclado e vocal) e Fred (percussão). Afinal, os cinco amigos deram em 1997 seus primeiros passos – então batizado Sorriso Maroto – ensaiando no Grajaú, bairro carioca situado próximo do ginásio em que já se apresentaram grandes nomes da música como Roberto Carlos, o trio Secos & Molhados, Legião Urbana, The Police e Jackson Five.

O reformado Maracanãzinho serviu de palco para a apoteose do Sorriso diante de cerca de 10 mil fãs no show dirigido por Ricardo Cantaluppi. A produção musical leva assinatura de Bruno Cardoso e Sergio Jr. ao lado do produtor Lelê (Leandro Oliveira). O requinte hi-tech da superprodução erguida no ginásio carioca também contou com a cenografia de Ludmila Machado e na luz pirotécnica criada por Marcos Olívio. Com áudio exemplar, proeza da engenharia de Marcos Saboya, que capitaneou a captação do som com o auxílio de Gabriel Vasconcelos.

O salto do Sorriso foi grande nesses 17 anos. Conquista que alcançou todo o Brasil. Parte desse sucesso se deve aos seus recentes registros: em 2010, o grupo lançou DVD gravado ao vivo em show feito no Marco Zero, no Centro Histórico do Recife, para público superior a 200 mil pessoas. Ao comemorar os 15 anos do grupo, o Sorriso também gravou DVD e reuniu mais de 80 mil pessoas na Quinta da Boavista, no Rio de Janeiro.

“Como o Sorriso já experimentou de tudo em termos de gravação de shows, a gente precisava de uma energia nova. Tocar no Maracanãzinho, que está lindo depois da reforma, nos deu essa energia, foi um divisor de águas, um restart. O samba, que é carioca, nunca tinha pisado lá. Por que não colocar o Sorriso na arena?”, pergunta Bruno Cardoso, com a certeza da resposta positiva da legião de admiradores do grupo, que hoje atinge plateia de todas as classes sociais.

Para o imenso público do grupo, o primeiro hit do DVD Sorriso Eu Gosto é “Instigante”, música já em alta nas paradas. Foi gravada no mesmo alto astral de “Assim você mata o papai” – samba que ampliou o alcance do som do Sorriso ao ser propagado diariamente em escala nacional na trilha sonora da novela-blockbuster Avenida Brasil – e “Fofinha delícia” (tema de outra novela global, Amor à vida), estes unidos em medley no roteiro do show.  “Instigante” também já é um hit global. A música toca sem parar na novela Império, ilustrando as cenas de pegação entre as personagens Érika e Robertão com tamanha sintonia que parece até que a música foi feita sob encomenda.

A intenção foi priorizar a alegria no setlist, que conta com mais da metade de músicas inéditas, mas sempre equacionando as canções para “curtição” com baladas, como em “Conselho de Amigo”, “Para” e “Tá Me Dando Mole”, e com o romantismo que norteou o samba do Sorriso em sua fase inicial. Dentro desse repertório que equilibra amor e curtição, o romantismo está representado por músicas inéditas como “Lua de mel” e “1 Metro e 65”. Gravada com coral infantil com 37 crianças, “Areia em minhas mãos” bate na tecla do egocentrismo, diversificando a temática do grupo.

“A gente buscou o equilíbrio. O samba romântico foi o nosso cartão de visitas e as pessoas conheceram o Sorriso Maroto assim. Mas nós já temos uma terceira geração de fãs, acostumada a ouvir o pagode misturado com sertanejo, música eletrônica e funk em um tom mais alegre”, conceitua Bruno Cardoso, lembrando que uma das músicas gravadas no DVD, “É nóis fazê parapapá”, marcou a conexão doSorriso com o astro sertanejo Michel Teló.

Ainda focado no romance, a inclusão do clipe da canção “Mais fácil” (“Easier”) nos extras do DVD é especial para Bruno Cardoso por concretizar o sonho de uma gravação com Brian McKnight, um ídolo que virou amigo. O dueto do vocalista do Sorriso com o cantor norte-americano exemplifica a proximidade entre o samba e o R&B pela assinatura vocal. “Tirada a base percussiva, dá para perceber que as harmonias do nosso samba estão dentro da linha do R&B. Se você tirar os instrumentos típicos do samba, vira um R&B”, explica Bruno, vocalista que, como muitos outros cantores de grupos brasileiros de samba, sofreu salutar influência vocal de McKnight – que, ao gravar com o Sorriso, pela primeira vez deu voz a uma música que não é de sua autoria.

Além do clipe de “Mais fácil” (“Easier”), o DVD exibe nos extras cenas de bastidores e de pré-produção, rebobinando imagens feitas há mais de um ano, desde a gravação do EP Riscos e Certezas, feita em Nova York (EUA) no Avatar Studios, um dos estúdios mais lendários da cidade norte-americana, pela qual já passaram lendas da música como Bruce Springsteen, David Bowie, Tony Bennett, Madonna e Michael Jackson. O EP Riscos e Certezas, a propósito, foi o ponto de partida para a nova fase musical do Sorriso. Nesse trabalho, o grupo lançou a música “Guerra fria” – também presente no repertório do DVD – em encontro com a dupla sertaneja Jorge & Mateus, outro exemplo da tendência atual do samba de flertar com outros universos musicais e grande sucesso nas rádios brasileiras.

O DVD Sorriso Eu Gosto coroa a trajetória desse grupo de amigos crescidos no universo do samba, com influências do pop, rock e mpb. E que iam assistir shows e jogos no Maracanãzinho sem imaginarem que um dia estariam no palco do ginásio. “É um feito”, como resume Bruno Cardoso. Mas, como o Sorriso se recusa a dormir sobre os louros conquistados, segue em turnê com shows esgotados e pretende visitar as principais capitais do Brasil ao longo de 2015.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 5 fevereiro, 2015 11:04


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!