Cinemateca Brasileira: Mostra MOSFILM – 90 anos – ​Filmes russos de um do mais antigos estúdios de cinema do mundo

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 10 novembro, 2014 11:03

Cinemateca Brasileira: Mostra MOSFILM – 90 anos – ​Filmes russos de um do mais antigos estúdios de cinema do mundo

Em parceria com a UMES e a MOSFILM a Cinemateca Brasileira recebe a mostra MOSFILM – 90 anos. Entre os dias 13 e 19 de novembro, serão apresentados 10 filmes do estúdio.

O TIGRE BRANCO, dirigido por Karen Shakhnazarov, será o filme de abertura. O diretor, que também ocupa a presidência da MOSFILM, maior estúdio de cinema da Rússia, desde 1998 afirma “na década de 1990, tivemos que começar do zero. Nós literalmente tivemos que reconstruir toda a indústria do cinema. A coisa mais importante era transformar o Mosfilm em um estúdio de cinema tecnologicamente moderno, introduzindo uma série de tecnologias de pós-produção cruciais. Foi só no final de 1990 que os modernos equipamentos de som ou computação gráfica apareceram no Mosfilm. Acho que a nossa indústria cinematográfica está agora em pé de igualdade com os europeus. Hollywood é certamente um caso à parte, mas em relação à França ou Itália estamos bem.”.

Cinemateca Brasileira-mostra MOSFILM – 90 anos-10NOVEMBRO2014-01 Cinemateca Brasileira-mostra MOSFILM – 90 anos-10NOVEMBRO2014-02

Ainda sobre a situação do cinema russo atual, ele completa Shakhnazarov completa “quanto ao cinema russo hoje, nós do Mosfilm estamos felizes de trabalhar com qualquer um que tenha uma ideia intrigante. No entanto, penso que havia ideias de alguma forma mais artísticas em tempos soviéticos do que hoje. Não é apenas um fenômeno russo. Pense nos diretores italianos em 1960 e 1970: Fellini, Antonioni, Pasolini… Talvez isto seja apenas expressão do modo como a cultura mundial se desenvolve.”

Além de O TIGRE BRANCO, a programação da MOSFILM – 90 anos inclui A LINHA GERAL (1929), de Sergei Eisenstein/Grigori Aleksandrov, LENIN EM OUTUBRO (1938), de Mikhail Romm, ÀS SEIS DA TARDE DEPOIS DA GUERRA (1944), de Ivan Pyryev, PRIMAVERA (1947), de Grigori Aleksandrov, O RETORNO DE VASSILY BORTNIKOV (1952), de Vsevolod Pudovkin, O FASCISMO DE TODOS OS DIAS (1965), de Mikhail Romm, AS 12 CADEIRAS (1971), de Leonid Gaidai, SONHOS (1993), de Karen Shakhnazarov e Aleksandr Borodyansky e A MÃE (1989), de Gleb Panfilov.

Sobre a MOSFILM

Em 30 de janeiro de 1924 foi realizada a estréia do longa-metragem “Nas Asas” (Boris Mikhin), e essa é também a data do nascimento da “Mosfilm”.

Durante esses 90 anos (1924-2014) foram criados nos estúdios da Mosfilm mais de 2.500 longas metragem de inúmeros diretores que ajudaram a criar a história do cinema mundial, como Sergei Eisenstein, Aleskandr Dovzhenko, VIsevolod Pudovkin, Ivan Pyriev, Grigori Aleksandrov, Mikhail Romm, Gigori Chukhrai, Mikhail Kalatozov, Serguei Bondarchuk, Adrei Tarkovsky, Leonid Gaiday e outros.

O Mosfilm ainda hoje é um dos maiores estúdios da Rússia e um dos maiores da Europa, contando com cidades cenográficas e equipamentos de alta tecnologia que lhe permitem realizar o ciclo de produção do cinema em sua totalidade.

Desde 1998 Mosfilm é dirigido pelo cineasta Karen Shakhnazarov.

PROGRAMAÇÃO

QUINTA 13/11

20h00 TIGRE BRANCO

SEXTA 14/11

17h00 A LINHA GERAL
19h30 LENIN EM OUTUBRO
21h30 ÀS SEIS DA TARDE DEPOIS DA GUERRA

SÁBADO 15/11

16h00 PRIMAVERA
18h00 O RETORNO DE VASSILY BORTNIKOV
20h00 O FASCISMO DE TODOS OS DIAS

DOMINGO 16/11

16h00 AS 12 CADEIRAS
19h00 SONHOS

SEGUNDA 17/11

19h00 A MÃE

TERÇA 18/11

19h00 SONHOS
21h00 O FASCISMO DE TODOS OS DIAS

QUARTA 19/11

19h00 TIGRE BRANCO

SINOPSES E FICHAS TÉCNICAS

A Linha Geral (Staroye i novoye), de Sergei Eisenstein/ Grigori Aleksandrov
União Soviética(URSS),1929, 35mm, pb, 121 min | Exibição em BETA Digital |Legendas em português
Elenco:M.Ivanin,Konstantin, Vasilyev,Vasili, Buzenkov,Nejnikov

O mais aclamado dos cineastas soviéticos toma como pano de fundo a coletivização da agricultura para contar como a chegada de uma desnatadeira e um trator podem modificar antigos e tradicionais padrões de pensamento.

Lenin em outubro (Lenin v oktyabre), de Mikhail Romm
União Soviética (URSS),1938, 35mm, pb, 108 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português
Elenco: Yelena Shatrova, Nikolai Svobodin, Vladimir Pokrovsky, Semyon Goldshtab

Dez anos depois do “Outubro”, de Eisenstein, onde o protagonista são as massas trabalhadoras, Romm aceita o desafio de individualizar e dar vida à figura de Lenin.

Às seis da tarde depois da guerra (V shest chasov vechera posle voyny), de Ivan Pyriev
União Soviética (URSS),1944, 35mm, pb, 94 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português
Elenco: Yevgeni Samojlov, Marina Ladynina, Ivan Lyubeznov

Musical sobre a saga de dois amantes que, separados pela guerra, prometem reencontrar-se no Dia da Vitória. De 1929 a 1969, Pyriev dirigiu 18 filmes, entre os quais “Cartão do Partido” (1936), “Tratoristas” (1939), “Cossacos de Kuban” (1949).

Primavera (Vesna), de Griori Aleksandrov
União Soviética (URSS),1947, 35mm, pb, 104 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português
Elenco: Lyubov Orlova, Nikolai Cherkasov, Faina Ranevskaya, Rostislav Plyatt

Quarta comédia musical estrelada por Liubov Orlova sob a direção de Aleksandrov, cineasta que assina com Eisenstein os roteiros de “A Greve” (1925), “Outubro” (1928), “Linha Geral” (1929), “Que Viva México” (1932). A história se passa nos primeiros anos da reconstrução da URSS, após a 2a. Guerra Mundial.

O retorno de Vassili Bortnikov (Vozvrashchenie Vasiliya Bortnikova), de Vsevolod Pudovkin
União Soviética (URSS), 1952, 35mm, cor, 82 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português.
Elenco: Sergei Lukyanov Natalya Medvedeva,Nikolai Timofeyev,Anatoli Chemodurov

Dado como desaparecido na guerra, Vassili Bortnikov regressa ao lar e encontra a mulher casada com outro. Último filme do lendário diretor dos clássicos “A Mãe” (1926) e “Tempestade Sobre a Ásia” (1928).

O fascismo de todos os dias (Obyknovennyy fashizm), de Mikhail Romm
União Soviética (URSS),1965,35mm, pb, 130 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português.

Narrado pelo próprio diretor, que pôs a alma nesse projeto rico em inovações formais, “O Fascismo de Todos os Dias” é, ainda hoje, considerado por muitos como o mais profundo, completo e impactante documentário produzido sobre o tema.

As 12 cadeiras (12 stulev),de Leonid Gaidai
União Soviética (URSS), 1971, 35mm, cor, 161min | Exibição em DCP | Legendas em português.
Elenco: Archil Mihailovich Gomiashvili ,Sergei Nikolaievich Filippov

Na Rússia Soviética, ex-aristocrata procura os diamantes escondidos pela sogra – baseado no romance de Ilia Ilf e Evgueni Petrov. Campeãs de bilheteria, as comédias de Gaidai venderam mais de 600 milhões de ingressos na URSS.

A mãe (Mat), de Gleb Panfilov
União Soviética (URSS),1989, 35mm, cor, 200 min | Exibição em BETA Digital | Legendas em português.
Elenco:Elenco: Inna Churikova ,Viktor Rakov,Aleksei Buldakov,Dmitry Pevtsov

Egresso do VGIK, onde também se formaram Klimov, Tarkovsky, Chukhrai e outros expoentes da sua geração, Panfilov realiza, após Pudovkin (1926) e Mark Donskói (1956), a terceira filmagem do célebre romance de Maksim Gorky.

Sonhos (Sny), de Aleksandr Borodyanskiy e Karen Shakhnazarov
Rússia, 1993, 35mm, cor, 78 min | Exibição em DCP | Legendas em português.
Elenco: Oleg Basilashvili, Lyudmila Mordovinova, Armen Djigarhanyan, Arnold Ides

No final do século 19, a condessa Prizorovu é atormentada por picantes sonhos nos quais se vê transportada à Rússia pós-soviética. Ácida reflexão de Shakhnazarov sobre o rumo tomado pela restauração capitalista.

Tigre branco (Belyy tigr), de Karen Shakhnazarov
Rússia, 2012, digital, cor, 104 min | Exibição em DCP | Legendas em português.
Elenco: Gerasim Arkhipov, Aleksandr Bakhov, Vilmar Bieri, Hans-Georg von Friedeburg

Shakhnazarov mescla filosofia e mistério nesta batalha fantástica entre o tanquista Naydenov e um “tanque fantasma” alemão, nos dias finais da 2a Guerra Mundial. Indicado para o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro.

SERVIÇO
Evento: MOSFILM – 90 ANOS
Data: De 13 e 19 de novembro | Horário: consultar acima
Local: CINEMATECA BRASILEIRA
Endereço: Largo Senador Raul Cardoso – 207
Classificação etária: 12 anos
Ingressos: Entrada gratuita
Informações para o público: (11) 3512-6111
*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 10 novembro, 2014 11:03


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook