Fundação Clóvis Salgado promove Ateliê Aberto da exposição

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 outubro, 2014 12:05

Fundação Clóvis Salgado promove Ateliê Aberto da exposição

Começam no dia 22 de outubro as atividades do Ateliê Aberto da exposição Arte à Primeira Vista: páginas de uma história, mostra de arte contemporânea dedicada às crianças, mas que pode ser apreciada por todos os públicos. Com o intuito de ampliar a experiência do saber artístico, crianças, jovens e adultos poderão participar de várias atividades realizadas durante o “Ateliê Aberto”, iniciativa que visa aproximar os visitantes dos trabalhos das práticas da Arte Contemporânea e das obras de Lygia Clark, Regina Silveira, Mira Schendel, Geraldo de Barros, Leonilson e Frans Krajcberg, em exposição na Grande Galeria Alberto da Veiga Guignard.

Com atividades que incluem bordados, ilustração, desenho a partir da observação de fragmentos da natureza, encadernação, pictogramas, entre outros, o público será convidado a organizar seus conhecimentos sobre a produção artística. As oficinas serão ministradas pelos arte-educadores da Fundação Clóvis Salgado e foram pensadas de forma a unir poética, prática e reflexão sobre a obra para desenvolver o conhecimento das artes visuais.

As oficinas são gratuitas e não exigem inscrição prévia. De terça a sexta-feira as atividades são divididas em três horários e têm propostas direcionadas a públicos distintos: de 9h30 às 12h30 (infantil), 14h às 17h (infanto-juvenil) e 18h às 21h (jovens e adultos). Nos finais de semana, as oficinas assumem um caráter mais plural visando todos os públicos, por exemplo grupos de pais e filhos.

Para a gerente de Artes Visuais da FCS, Sara Moreno, o Ateliê Aberto colabora com a criação de vínculos entre o público e a arte contemporânea. ”Esperamos que os visitantes, especialmente as famílias, tenham uma experiência estética completa, que seja significativa no aprendizado da Arte e também repercuta na vida de cada um”, destaca. A programação completa do Ateliê está disponível em www.fcs.mg.gov.br.

Curadoras voltam a Belo Horizonte – As curadoras da exposição Arte à Primeira Vista: páginas de uma história, Valquíria Prates e Renata Sant’Anna, voltarão a Belo Horizonte para ministrar palestras sobre arte-educação. As atividades, que serão realizadas na Sala Juvenal Dias, reúnem reflexões e práticas sobre questões pertinentes à formação artística. As inscrições podem ser feitas até 22 de outubro, por meio de preenchimento de cadastro disponível no link www.goo.gl/eHYOFR

Nos dias 23 e 24 deste mês, Renata Sant’Anna ministra o curso O livro de arte para crianças: história e reflexão. A proposta é analisar os livros que apresentam as artes visuais para o público infantil por meio da avaliação dessas publicações e da leitura de textos teóricos sobre o tema. As aulas teórico-práticas possibilitarão a observação do projeto gráfico, do conteúdo do texto, da relação entre as imagens e as palavras, dos diversos conceitos de arte que norteiam as edições e a experiência de práticas educativas que podem ser desenvolvidas por meio da leitura dos livros apresentados.

Valquíria Prates estará na cidade nos dias 30 e 31 de outubro para ministrar o minicurso Programas públicos e curadoria pedagógica como processos de formação: arte contemporânea e mediação artística, que aborda termos como “virada educacional nas artes”, “curadoria pedagógica”, “curadoria educativa”, “mediação artística” e “arte socialmente engajada”. Os participantes se aproximarão de conceitos que norteiam algumas das práticas que têm sido realizadas por educadores, curadores e artistas na criação de programas públicos de educação e formação.

Sobre Arte à Primeira Vista – A mostra de arte contemporânea reúne trabalhos de Lygia Clark, Regina Silveira, Mira Schendel, Geraldo de Barros, Leonilson e Frans Krajcberg, com curadoria de Renata Sant’Anna e Valquíria Prates. São 86 obras expostas na Grande Galeria Alberto da Veiga Guignard.

A exposição se apresenta como um espaço de resgate e ressignificação da história da arte contemporânea brasileira a partir do olhar do público. A seleção dos artistas buscou a diversidade de conceitos, propostas, suportes, espaços e temáticas das obras relevantes para a trajetória da arte brasileira. O recorte priorizou a escolha de artistas cuja produção conquistou destaque na segunda metade do século XX.

Os nomes escolhidos apresentam uma vasta produção, tanto no que diz respeito à sua temática, quanto na exploração de diferentes materiais e técnicas. Os artistas exploram a construção de trabalhos focados na pesquisa e no processo em determinadas linguagens artísticas.

SERVIÇO
Ateliê Aberto – Exposição Arte à Primeira Vista
Período: 22 de outubro a 9 de novembro
Local: Galeria Arlinda Corrêa Lima
Data: Terça a sexta, de 9h30 às 12h30 (infantil), 14h às 17h (infanto-juvenil) e 18h às 21h (jovens e adultos); sábados 9h30 às 12h30, 18h as 21h; domingos 17h às 20h
Entrada Gratuita

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 22 outubro, 2014 12:05


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook