‘África Lá em Casa’ e Samuel Borges levam jazz contemporâneo e arte visual ao palco do CCSP

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 18 agosto, 2014 17:10

‘África Lá em Casa’ e Samuel Borges levam jazz contemporâneo e arte visual ao palco do CCSP

Tintas e timbres tomarão conta da Sala Adoniran Barbosa, no Centro Cultural São Paulo, na noite de 21 de agosto, durante a apresentação da banda de jazz África lá em Casa e o artista plástico e poeta Samuel Borges, que juntos promovem um verdadeiro show de improvisos, cada um a sua maneira. Enquanto os músicos tocam jazz contemporâneo, Samuel Borges divide o espaço para pintar quatro telas ao vivo.

“Existe uma interação muito forte entre a música e a arte. O Samuel não fica sozinho pintando no canto. Ele influencia o improviso sonoro e a música, a sua obra. Essa troca é bem nítida”, explica o baixista da banda, Guilherme Chiapetta.

O encontro é fruto de parceria que artista e a banda iniciaram em 2012, com o trabalho que já rendeu outras apresentações do gênero. Duas das características das telas de Borges são a influência da arte de rua e o diálogo com o seu trabalho como poeta. A banda África Lá em Casa, por sua vez, tem como inspiração músicos como Miles Davis, Igor Stravinly, Egberto Gismonti, Jimi Hendrix e Dave Holland.

SOBRE A ÁFRICA LÁ EM CASA

É uma banda de jazz contemporâneo paulistana com influências de rock, música brasileira, erudita e eletrônica. Formada por Roger Brito no trompete, Rafael Amaral na guitarra, Arnaldo Duarte na bateria e Guilherme Chiappetta no baixo, o diferencial do grupo é a criação de um som autoral fielà época e ao contexto social no qual estão inseridos. O África Lá em Casa se apresentou em vários pontos do circuito musical de São Paulo, como o Centro Cultural São Paulo, Sesc e Casa das Caldeiras, além de espaços noturnos, como Jazz nos Fundos, Bar B, Sarajevo, BleeckerSt e Berlin, entre outros. A banda também realizou shows performáticos no anfiteatro do Parque Villa- Lobos e no Espaço Cultural do Metrô Santa Cecília. Em 2008, participou do Festival Transamazoiènnes, na Guiana Francesa, e, em 2009, participou do mesmo festival em sua versão brasileira, nas cidades de São Paulo e Belo Horizonte.

SERVIÇO
África lá em Casa e Samuel Borges: Entre Traços e Notas Musicais
Quando: 21 de agosto, quinta-feira, às 20h30
Ingresso: gratuito (as entradas serão distribuídas duas horas antes do espetáculo, com de limite de duas por pessoa).
Onde: Centro Cultural São Paulo – Sala Adoniran Barbosa
Endereço: Av. Vergueiro, 1000
Capacidade: 622 lugares

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 18 agosto, 2014 17:10


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!