Homenagem à obra do compositor Taiguara no Som de Domingo

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 15 agosto, 2014 15:08

Homenagem à obra do compositor Taiguara no Som de Domingo

Ricardo Nogueira e grupo Cateretrio se propõem a rememorar Taiguara, cantor e compositor que fez muito sucesso nas décadas de 60 e 70, unindo seus talentos neste espetáculo que será apresentado no Sesc Piracicaba em 17 de agosto, às 16h, na Comedoria. A apresentação é gratuita.

O repertório definido por meio de uma pesquisa minuciosa da obra do compositor busca explorar, além de seus principais sucessos como “Hoje” e “Universo Do Teu Corpo”, canções de representativo teor histórico na vida como: “O Cavaleiro da Esperança” (feita para Luis Carlos Prestes) ou “Aquarela De Um País Na Lua” (canção esta do disco “Imyra Tayra Ipy – Taiguara” vetado pela Ditadura). Trata-se de uma releitura da obra de Taiguara com novos arranjos, com um traje moderno e contemporâneo, respeitando as particularidades e a originalidade desse artista.

A execução e arranjo ficam a cargo do Cateretrio, grupo piracicabano de música instrumental brasileira composto pelo baterista Wagner Silva, Baixista Fernando Nogueira e pianista Samuel Gustinelli, e a interpretação será feita por Ricardo Nogueira.

Sobre Taiguara

Taiguara Chalar da Silva (1945 – 1996) é filho do maestro Ubirajara Silva, cantor e compositor de bastante sucesso nas décadas de 60 e 70, foi considerado um dos símbolos da resistência à censura e à ditadura militar brasileira, tornando-se um dos compositores mais censurados da MPB (68 canções vetadas), o que o levou a ser exilado duas vezes do país.

Mudou-se do Uruguai para o rio de Janeiro em 1979 e depois para São Paulo, em 1960. Com 17 anos matriculou-se na universidade para cursar Direito e depois trocou pela música.

Sua fase gloriosa foi a dos festivais onde foi quatro vezes finalista do Festival Internacional da Canção, como compositor e intérprete.

Em seu primeiro exílio, na Inglaterra, em meados de 1973, gravou em Londres o Let the Children Hear the Music, que nunca chegou ao mercado, tornando-se o primeiro disco estrangeiro de um brasileiro censurado no Brasil. Retornou ao Brasil em 1975 gravando o “Imyra Tayra Ipy – Taiguara” com Hermeto Paschoal, o qual foi vetado pela ditadura e recentemente reeditado em CD (obra póstuma) ganhando vida sobre o palco. Após o veto de seu disco, Taiguara exilou-se na África e Europa voltando a cantar no Brasil somente nos anos 80. Em 1996 faleceu em decorrência de um câncer na bexiga.

SERVIÇO
Ricardo Nogueira e Cateretrio interpretam Taiguara
Data: 17, domingo, 16h
Comedoria
Grátis
Livre para todos os públicos

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 15 agosto, 2014 15:08


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!