Ícones da Música são analisados em curso oferecido pela Fundação Clóvis Salgado

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 9 agosto, 2014 14:07

Ícones da Música são analisados em curso oferecido pela Fundação Clóvis Salgado

Em 12 de agosto, a Fundação Clóvis Salgado abre as inscrições para o curso Ícones da Música Ocidental – Séculos XIX e XX, promovido pela Gerência de Pesquisa e Extensão. Em sua segunda edição, o curso é ministrado pelo professor Andersen Viana, e tem como objetivo proporcionar análises múltiplas de grandes obras musicais e ícones da música dos séculos XIX e XX. A atividade é voltada para jovens e adultos, e oferece 40 vagas, com carga horária total de 40 horas.

Profissionais das artes cênicas, escritores, bailarinos, músicos, estudantes do audiovisual e professores são os principais interessados no curso, segundo o produtor cultural Andersen Viana. Para ele, todos estão aptos a participar das aulas, desde o leigo em música ao PhD em Humanas. “Podem participar todos que tenham interesse pela arte em geral e que possam pesquisar o assunto durante o período do curso”, aponta.

As aulas serão teóricas e práticas, com estudo de textos acadêmicos analíticos já existentes sobre as obras a serem estudadas, acesso a técnicas de criação de ensaios críticos, análise audiovisual através das obras musicais produzidas em filmes, produção de ensaios pelos alunos, apresentação de fábulas musicais, e discussões coletivas a fim de oferecer a base para as análises sobre os ícones da música dos séculos XIX e XX e suscitar o debate e a crítica.

Questionamentos sobre os ícones – Para o professor Andersen Viana, existe uma grande carência de cursos ecléticos, públicos e gratuitos, que tragam análises variadas de obras maestras da música ocidental, incluindo composições de brasileiros, como Villa-Lobos, Guerra-Peixe, Santoro e Lorenzo Fernandez. Com o objetivo de elucidar a razão pela qual obras como a Quinta e a Nona Sinfonias, de Beethoven, Carmina Burana, de Carl Off, O Fantasma da Ópera, de Lloyd Weber, Bolero de Ravel, e outras importantes peças ficaram no imaginário coletivo universal, diversas questões serão levantadas ao decorrer do curso.

Por que a Quinta e a Nona Sinfonias de Beethoven são sempre tocadas por todas as orquestras, em todas as partes do mundo? Qual a razão para o amplo uso de Carmina Burana em tantos filmes e peças publicitárias e teatrais? Por que o Fantasma da Ópera é um dos musicais mais consagrados de todos os tempos? A resposta a essas e outras perguntas serão procuradas durante as aulas.  “Jesus Christ Super Star é uma Ópera Rock, e não se enquadra especificamente no âmbito da música erudita, mas sobressai-se por diversos outros fatores”, elucida Andersen, exemplificando uma das discussões.

De acordo com Viana, a recepção do público que participou da primeira edição do curso foi além da esperada. Em sua segunda edição, sendo promovido pela Gerência de Pesquisa e Extensão, o curso Ícones da Música Ocidental – Séculos XIX e XX continuará a promover a “troca de experiências e uma maior socialização entre os participantes, desenvolvendo uma visão crítica mais apurada e um maior conhecimento sobre a música ocidental e produção de novos ensaios”, ressalta o professor.

SERVIÇO
Ícones da Música Ocidental – Séculos XIX e XX
Período das aulas: às segundas e quartas-feiras, de 15 de setembro a 12 de novembro
Horário: de 19h às 21h30
Período das inscrições: entre 12 de agosto e 5 de setembro pelo e-mail extensao@fcs.mg.gov.br
Informações necessárias: nome do curso desejado, nome completo do(a) interessado(a), carteira de identidade, telefone, e-mail, área de atuação, breve texto manifestando o interesse pelo curso e breve currículo de até 400 caracteres
Valor: gratuito
Resultado da seleção: até o dia 3 de setembro, no site www.fcs.mg.gov.br.
Serão emitidos certificados a participantes que tiverem no mínimo 75% de frequência.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 9 agosto, 2014 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!