Entidades ACER e RCFB em Diadema recebem peça teatral sobre preservação do meio ambiente

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 1 maio, 2014 14:07

Entidades ACER e RCFB em Diadema recebem peça teatral sobre  preservação do meio ambiente

As crianças que são atendidas pelas entidades assistenciais de Diadema, RCBF (Rede Cultural Beija-Flor) e ACER (Associação de Apoio à Criança em Risco), vão assistir a uma peça teatral pra lá de divertida e educativa! Em uma programação especial voltada para esses alunos, a peça “Flora e o Capitão Porcão em: Se essa rua fosse minha…” será a atração no dia 6 de maio, na ACER, e no dia 7 de maio, na RCBF. O espetáculo recheado de humor trabalha a temática de valorização e preservação do meio ambiente.

A peça faz parte do projeto “A Partir”, que é realizado pela 3S Projetos com recursos aprovados pela Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo através do Proac. Além do apoio da Prefeitura de Diadema, o espetáculo conta com o patrocínio da Freudenberg-NOK, que tem como um de seus princípios a responsabilidade junto à comunidade.

“Flora e o Capitão Porcão em: Se essa rua fosse minha…” será apresentado aos alunos de Diadema de forma gratuita pelos atores da APA (Associação dos Produtores e Artistas) que, com muito humor, contam a história da Flora, uma personagem harmônica e que busca conscientizar a todos sobre a importância de vivermos em um ambiente limpo e saudável, e do vilão da história, o Capitão Porcão, que é oposto aos interesses comuns e trava diversos tipos de ameaças aos seres humanos.

A produtora da APA, Raquel Magalhães, explica que o espetáculo visa estimular as crianças a terem hábitos saudáveis e sustentáveis. “A peça leva ao público a percepção de ameaça prejudicando a saúde e o bem estar de todos, tudo isso apresentado de forma leve, com música ao vivo e coreografias divertidas”, enfatiza Magalhães.

A história

Flora está desaparecida, o que será que aconteceu? O Menestrel e Joãozinho, seus grandes amigos, estão preocupados com seu sumiço. Será que ela está doente ou foi raptada? Eis que aparece o grande vilão, Capitão Porcão, juntamente com seu fiel ajudante Casquinha para tomar conta do pedaço. Estão recrutando pessoas para formar um exército contra a natureza e o meio ambiente. Esse “capitão” quer formar uma frota de soldados do mau, para poluir e destruir a vida das pessoas! Será que Flora e seus amigos conseguirão vencer essa batalha? O que pode acontecer? O que podemos fazer para impedir?

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 1 maio, 2014 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!