China FilmCO LTD e Paramount Pictures vão coproduzir o filme de ação e fantasia MARCO POLO

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 30 abril, 2014 10:00

China FilmCO LTD e Paramount Pictures vão coproduzir o filme de ação e fantasia MARCO POLO

Durante o Festival Internacional de Cinema de Pequim, a China Filmco Ltd anunciou seus planos de coproduzir com a Paramount Pictures um novo filme de ação e fantasia em 3D, “Marco Polo”. As filmagens deverão começar em outubro deste ano, juntamente com a Yuehua Entertainment, a Phoenix Entertainment e a Huahua Film & Media Culture. O longa irá mostrar a figura histórica bastante conhecida internacionalmente e contará com um conceituado diretor americano, um ator de Hollywood no papel principal, Marco Polo, e um elenco expressivo de astros e estrelas da China.

PARAMOUNT PICTURES-LOGO OFFICIAL-15AGOSTO2013

Para Rob Moore, Vice-Presidente do Conselho da Paramount Pictures, a companhia está sempre em busca de oportunidades para expandir as parcerias com a indústria cinematográfica chinesa, que vem crescendo rapidamente.

“Este primeiro acordo com a China Filmco Ltd para a coprodução de ‘Marco Polo’ é um empreendimento muito animador para o estúdio. O filme irá atrair a atenção dos espectadores de todo o mundo”, conclui.

Além de Moore, a cerimônia oficial de assinatura em Pequim contou com Zhang Qiang, Diretor e Vice-Presidente responsável pelos investimentos e produção de filmes da China Filmco Ltd; Du Hua, CEO da Yuehua Entertainment; Wang Fengchang, Presidente do Conselho da Phoenix Entertainment; e Wang Kefei, CEO da Huahua Film & Media Culture. Zhang Qiang enfatizou o significado da coprodução inédita entre as duas companhias e afirmou ser o início de uma série de filmes. O grupo também participou da tradicional cerimônia de impressão das mãos, que consolida um marco na história das indústrias cinematográficas dos Estados Unidos e da China.

A primeira coprodução entre as empresas é o resultado de uma longa preparação para escolher “Marco Polo”, um longa estratégico e atraente para os dois mercados.

“Filmes coproduzidos apresentam desafios únicos, porque seus conteúdos devem equilibrar as diferenças culturais e históricas, tanto do mercado nacional quanto internacional. A parceria será um exemplo para futuras coproduções entre a China, Hollywood e outras regiões”, comenta Zhang Qiang.
Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 30 abril, 2014 10:00


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook