Série Lírico na Cidade propõe ‘viagem musical’ com peças de compositores de diferentes nacionalidades

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 16 abril, 2014 18:14

Série Lírico na Cidade propõe ‘viagem musical’ com peças de compositores de diferentes nacionalidades

O Coral Lírico de Minas Gerais apresenta Rio  Paris  Londres, uma verdadeira viagem sonora elaborada para mais um concerto da Série Lírico na Cidade. A apresentação celebra obras de compositores de três grandes cidades cosmopolitas, Rio de Janeiro, Paris e Londres, e o repertório combina canções sacras e seculares em um mosaico da música coral do século XX. Sob regência do maestro Lincoln Andrade, o Coral Lírico interpreta peças de Ernani AguiarLili BoulangerJohannes BrahmsJohn TavernerGiles Swayne, Henryk Mikolaj Górecki e Benjamin Britten.

A presidente da Fundação Clóvis Salgado, Fernanda Machado, explica que uma das características mais marcantes dos Corpos Artísticos da FCS, dentre eles o Coral Lírico de Minas Gerais, tem sido a diversidade de repertório. “Essa variedade evidencia, ainda mais, o compromisso da instituição em promover a fruição artística e garantir que o público tenha acesso às mais variadas formas de manifestações culturais”.

Diversidade musical – Do Rio de Janeiro, vem Missa Brevis II in honorem S. Francisci Assisiensis, do compositor ouro-pretano Ernani Aguiar, que atualmente vive entre Petrópolis, região Serrana do Rio de Janeiro, e a Capital Fluminense. A Missa é uma das mais recentes composições de Aguiar, que foi aluno de César Guerra-Peixe, e explora temas melódicos e motivos rítmicos, característicos das canções folclóricas e das melodias populares brasileiras.

A viagem musical do Coral Lírico chega a Paris para interpretar obras de dois grandes compositores franceses: Lili Boulanger e Claude Debussy. Hymme au Soleil, de Lili Boulanger, é inspirada no poema homônimo de Casimir Delavigne, e foi musicada para mezzo-soprano, coro e piano. O maestro Lincoln Andrade explica que Boulanger é uma das grandes representantes da música impressionista e “é considerada por Claude Debussy como a ‘Debussy de Saia’”. O maestro também destaca que a música de Boulanger é baseada em uma harmonia colorida e com fortes influências de Fauré e Debussy.

Ainda na Cidade Luz, o destaque vai para as Trois Chansons. As peças, compostas por Charles Debussy em 1908, conectam os estilos de composição do passado com as técnicas harmônicas modernas. As Trois Chansons são compostas por Dieu! qu’il la faitQuant j’aiouy e Yver. Os textos são de Charles d’Orléans, príncipe e poeta, que foi preso na Inglaterra após a Batalha de Agincourt, em 1415.

Com escala na capital britânica, o Coral interpreta as canções inglesas The Lamb, de John Tavener, que exploram técnicas de composições bizantinas como cânones e inversões, palindromes e texturas silábicas, e Missa Tiburtina, de Giles Swayne, composta em Tivoli, próxima à Roma e dedicada a ser “um protesto contra à corrupção, à injustiça, à fome e à guerra no mundo”, como explica Lincoln Andrade. Ele ainda destaca que Swayne “é um grande desafio e leva o ouvinte a uma posição muito mais de reflexão do que de apreciação”.

Peças de Johannes Braham e Henryk Góerick compõem o programa. Drei Motteten, Brahms combina textos que apresentem uma imagem inicial de miséria, tristeza, ou aflição e se transformam em esperança, firmeza e gratidão. Já Totus tuus, de Henryk Górecki, é uma obra mântrica, que explora os timbres e as cores das vozes a capela. A peça foi composta em 1987, durante a visita do papa João Paulo II à sua terra natal, a Polônia.

SERVIÇO
Coral Lírico de Minas Gerais em Lírico na cidade
Local: Fundação de Educação Artística – Rua Gonçalves Dias
Data: 28 de abril
Horário: 20h30
Classificação: Livre
Entrada gratuita
Informações para o público: (31) 3236-7400

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 16 abril, 2014 18:14


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook