Cinema nacional marca presença em festivais no México, Portugal e França com apoio da ANCINE

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 20 março, 2014 11:00

Cinema nacional marca presença em festivais no México, Portugal e França com apoio da ANCINE

Dois prestigiados festivais internacionais – o Festival Internacional de Cinema de Guadalajara – FICG, o FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa – e o Programa Cinema em Construção – Toulouse receberão, nos próximos dias, mais de 60 filmes brasileiros em suas programações. Destes, sete longas, dois curtas-metragens e dois filmes em fase de pós-produção receberão apoio por meio do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais da ANCINE. 

ANCINE-O Lobo Atrás da Porta-PROMO PHOTOS-20MARCO2014-01

O 29º Festival Internacional de Cinema de Guadalajara – FICG, que acontece de 21 a 29 de março na cidade mexicana, selecionou três brasileiros para a Competição de Longas-metragens Ibero-Americanos de Ficção, um para a Competição de Longas-Metragens Ibero-Americanos Documentários e seis para a Competição de Curtas-Metragens Ibero-Americanos. Sete representantes de produtoras brasileiras independentes também participarão do Guadalajara Film Market, evento de mercado que acontece no âmbito do festival. Já no 5º FESTin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa, seis dos dez concorrentes na Competição de Longas-Metragens, 12 entre os 23 indicados na Competição de Curtas-Metragens, e cinco dos sete integrantes da Maratona Competitiva de Documentários são brasileiros.

Para o Festival de Guadalajara, o programa de apoio auxiliará a participação dos longas-metragens “O Lobo Atrás da Porta”, de Fernando Coimbra e “Hoje eu Quero Voltar Sozinho”, de Daniel Ribeiro, na Competição de Longas de Ficção; “O Homem das Multidões”, de Marcelo Gomes e Cao Guimarães, é o terceiro representante brasileiro na disputa pelos prêmios. Já para a Competição de Curtas, o programa concedeu apoio financeiro aos filmes “Brasil”, de Aly Muritiba, e “Os Irmãos Mai”, de Thais Fujinaga – dois dos seis representantes nacionais nesta competição. Finalizando a lista, o documentário “Sopro”, de Marcos Pimentel, na Competição de Documentários, também foi contemplado pelo Programa.

O FICG também escalou filmes brasileiros para suas mostras não-competitivas. Em parceria com o festival brasileiro Cinefoot, o evento leva ao público de Guadalajara os longas “Heleno”, de José Henrique Fonseca; “1958: O Ano em que o Mundo Descobriu o Brasil”, de José Carlos Asbag; “Bahêa Minha Vida – O Filme”, de Marcio Cavalcante; e “Santos, 100 Anos de Futebol Arte”, de Lina Chamie.

Já para o FESTin, quatro longas-metragens receberão apoios diversos por meio do programa da ANCINE: “A memória que me contam”, de Lucia Murat; e “Elena”, de Petra Costa, na Competição Principal; e “Arte de Interpretar – A Saga da Novela Roque Santeiro”, de Lúcia Abreu, e “Cidade de Deus, 10 Anos Depois”, de Cavi Borges e Luciano Vidigal, na Maratona de Documentários. Outros quatro longas brasileiros de ficção, três documentários e 12 curtas-metragens disputam os principais prêmios do evento português, que também promove a Mostra do Cinema Brasileiro, com seis longas e oito curtas-metragens fora de competição, e inclui filmes nacionais nas mostras Inclusão Social, Infanto-Juvenil e nas Maratonas de Documentários.

ANCINE-Hoje eu Quero Voltar Sozinho-PROMO PHOTOS-20MARCO2014-01

A partir deste ano, o programa de apoio da ANCINE passou a incluir também o auxílio a projetos selecionados para uma lista de 27 laboratórios e workshops internacionais. Ainda no mês de março, nos dias 27 e 28, os filmes “Ausência”, de Chico Teixeira, uma coprodução Brasil-Chile-França, e “Beira Mar”, de Filipe Matzembacher e Marcio Reolon, participarão do Cinema em Construção, programa de apoio à finalização de filmes, realizado em parceria entre os festivais Cinelatino – Encontros de Toulouse e San Sebastián, com a ajuda do programa de apoio da ANCINE. O objetivo do Cinema em Construção é fazer a ponte entre projetos latino-americanos e profissionais europeus, para facilitar sua finalização e pós-produção.

No início de março, a ANCINE já havia divulgado o apoio aos filmes brasileiros nas competições de Longas e de Curtas-metragens do Cinelatino – Encontros de Toulouse.

Profissionais participantes do Guadalajara Film Market também recebem apoio 

Outro programa de apoio da ANCINE ajudará a viabilizar a participação de sete representantes de produtoras brasileiras independentes no Guadalajara Film Market, que acontece durante o Festival de Guadalajara. Por meio do Programa de Apoio à Participação de Produtores de Audiovisual em Eventos de Mercado e Rodadas de Negócios, serão apoiadas as produtoras Raiz Produções Cinematográficas, representada por Assunção Hernandes; Acere Produção Artística e Cultural, representada por Rune Humalainen Tavares Bastos Gama; Lacuna Filmes, representada por Diana Ribeiro Arthur Gomes de Almeida; Imagem-Tempo Produções Artísticas, representada por Daniela Santos Oliveira; Tangerina Entretenimento, representada por Marcia Lellis de Souza Amaral; Persona Non Grata Pictures, representada por Tathiana Sacilotto; e Kanoa Edição de Filmes, representada por Tainá Carvalho Ottoni de Menezes.

Clique aqui e saiba mais sobre o Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais. E clique aqui para saber mais sobre o Programa de Apoio à Participação de Produtores de Audiovisual em Eventos de Mercado e Rodadas de Negócios.

Para conferir a lista completa dos participantes brasileiros nos eventos, acesse os sites do 29º Festival Internacional de Cinema de Guadalajara, do 5º Festin – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa, e do Cinelatino – Encontros de Toulouse.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 20 março, 2014 11:00


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

A Espiã Vermelha

Facebook

Kardec