SUPERLOFT é nova proposta de complexo cultural de São Paulo

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 30 janeiro, 2014 23:06

SUPERLOFT é nova proposta de complexo cultural de São Paulo

Ao abrir suas portas em 2014, o SUPERLOFT, complexo cultural que incorpora, incialmente, um Mini Club (LO FI) para 400 pessoas, uma Galeria Individual (MONO) e um Pop Up Restaurant (GASTROTECH) para 40 comensais. O espaço irá proporcionar uma nova proposta de entretenimento que compila diversas expressões culturais urbanas promovendo música, arte e gastronomia de forma integrada. Em resumo, vem preencher uma lacuna como primeiro espaço dedicado exclusivamente ao Entretenimento e Cultura Urbana.

No LO FI, o objetivo é atrair um público jovem, habituado a frequentar o circuito underground de São Paulo promovido por núcleos como o “Só Pedrada Musical”, “Jambox”, “Free Beats” e “Boom Bass” (alguns dos residentes do “Mini Club”). A ideia é incentivar a cena existente, trazendo DJs e Bandas nacionais e internacionais neste segmento.

As exposições da galeria MONO – todas individuais e com duração de 15 dias – seguem a proposta de promover a arte urbana de forma abrangente, do grafite a instalações multimídia, em formato de happenings, sempre em conexão com as demais atividades.

No GASTROTECH o foco é promover inclusão e difusão gastronômicas num espaço despojado com forte apelo de instalação artística (nunca decoração ou cenografia) fomentando o caráter criativo do chefs e cozinheiros convidados a realizar menus degustação – dois chefs comandarão a cozinha a cada mês – a preço acessíveis (R$ 80).

A perspectiva do NAU.BR | Núcleo de Arte Urbana, coletivo formado pelo empresário Alex Tessitore em 2011 – idealizador  do SUPERLOFT – é  receber acima de 70 mil visitas este ano.  O complexo, em etapas, irá agregar novos núcleos como teatro alternativo, economia criativa (moda e design), sustentabilidade (um Cine Bike Truh e uma Horta Urbana) e cursos (produção musical), estúdio (TV e rádio), além de selecionar projetos para residência e receber outros projetos culturais que, em busca de um espaço que se desprende dos modelos sacralizados e herméticos, fomentem o conteúdo original e autoral.

As áreas para implantação da estrutura estão em fase final de negociação – uma pública e outra privada – e foram selecionadas a partir de um ideal: gerar revitalização e novas perspectivas ao local e ao entorno por meio de sua ocupação cultural, durante e ao final de suas atividades.

SUPERLOFT é um projeto aprovado pelo PROAC (Lei estadual de apoio e incentivo à Cultura), o que possibilitará o acesso da população a uma programação a preços acessíveis no Mini Club e Pop UP, ou gratuita em todas as exposições da Galeria. O apoio de empresas como Budweiser, Absolut, Jameson e Beta Labs é o pilar desta iniciativa, que aposta no bom uso das Leis de Incentivo.

Sobre Alex Tessitore – Empresário paulistano responsável por promover eventos como Primeiro Reveillon Ibirapuera (2013), Pop Up Restaurant (2011), Dinner In The Sky (2008-2011), os containers itinerantes NBOX (2008-2010). Tessitore inicia o ano com mais esta iniciativa que agrega valor cultural à cidade.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 30 janeiro, 2014 23:06


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

O MELHOR VERÃO DAS NOSSAS VIDAS

Facebook

Reino Gelado e a terra dos espelhos