Alunos de escola pública de Sorocaba assistem a show de ritmos brasileiros a partir de cantigas de folclore

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 outubro, 2013 09:02

Alunos de escola pública de Sorocaba assistem a show de ritmos brasileiros a partir de cantigas de folclore

No dia 4 de outubro, a Escola Municipal Oswaldo de Oliveira em Sorocaba recebe o show da cantora e violinista Tatiana Rocha. O espetáculo musical baseado no seu último trabalho intitulado “Dedo de Moça” traz aos alunos um panorama de ritmos de diversas regiões brasileiras através das cantigas do folclore brasileiro. A apresentação mistura linguagens da música e do teatro conta um pouco da história dos ritmos e propõe uma interação com o público de todas as idades que é convidado a participar do espetáculo de uma maneira divertida, ajudando a perpetuar a cultura popular.

“Dedo de Moça” é um projeto realizado pela produtora cultural 3S Projetos, com recursos do ProAC (Programa de Ação Cultural do estado de São Paulo) e com o patrocínio da empresa Grace Brasil. Segundo Rogério Bellini, CoE (Center of Expertise) de Comunicação para América Latina, ao estar inserida num contexto social, uma empresa não estabelece relações apenas com seus funcionários e clientes. “No nosso entorno existem comunidades vivas e dinâmicas com as quais nós nos relacionamos diariamente. Contribuir para o desenvolvimento cultural dessas comunidades é motivo de muito orgulho para a Grace”, afirma Bellini.

Neste trabalho, Tatiana Rocha buscou resgatar e reverenciar os ritmos mais evidentes e permitir que esses ritmos desenvolvessem seus próprios caminhos até tornarem-se composições maduras. O fato das composições surgirem no âmbito rítmico e depois serem completadas com harmonia, melodia e letra é que permite um exercício imaginativo de como seria a música brasileira se essa tivesse tomado um caminho instintivo, ao invés de ter sido tido influências teóricas, como o jazz e a bossa nova.

“É um trabalho de resgate da cultura popular, especialmente do universo infantil, que se propõe misturar os ritmos brasileiros (coco, maracatu, sambas de roda, boi bumbá, cacuriá, ciranda, entre outros) às cantigas de roda e do folclore nacional criando um novo som a partir da tradição popular. Um trabalho que é ao mesmo tempo resgate e releitura”, explica Tatiana Rocha.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 3 outubro, 2013 09:02


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook