Mostra 20 anos sem Fellini relembra os grandes clássicos do cineasta no MIS

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 26 setembro, 2013 12:00

Mostra 20 anos sem Fellini relembra os grandes clássicos do cineasta no MIS

Em parceria com o Istituto Italiano di Cultura, o MIS, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, realiza uma mostra em homenagem ao cineasta Federico Fellini. Desde os seus primeiros filmes, como Abismo de um Sonho (1952), passando por clássicos da cinematografia mundial como 8 ½ (1963), até produções mais recentes, a mostra 20 anos sem Fellini traça um panorama significativo da linguagem visual do mestre italiano.

MIS-Mostra 20 anos sem Fellini-PROMO PHOTOS-26SETEMBRO2013-01

Entre os dias 1º e 8 de outubro, público poderá conferir os principais filmes desse grande mestre do cinema, incluindo projeções em 35mm. Os ingressos, de R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia), podem ser adquiridos na recepção do MIS e no site da Ingresso Rápido.

Além de ver (ou rever) os principais clássicos do artista, o público terá acesso a algumas raridades: projeções em cópias 35mm das obras-primas A Doce Vida (1960), A Voz da lua (1990), Ensaio de Orquestra (1978) e Noites de Cabíria (1957).

::: CONFIRA ABAIXO A PROGRAMAÇÃO DA MOSTRA :::

01 de outubro 2013 – terça-feira

18h30 – Os Palhaços (I Clowns)Itália, França e Alemanha, 1971, cor, 92 min, DVD
Sinopse: Fellini produz um documento sobre a figura mais importante do espetáculo: o palhaço. Encomendado pela televisão italiana, I Clowns deixa transparecer pitadas de um estilo barroco e, num ritmo anárquico, mistura memórias do diretor com histórias verídicas sobre os palhaços mais importantes da Europa.

20h30 – Ginger e Fred (Ginger and Fred)Itália, 1986, cor, 125 min, DVD
Sinopse: Amelia (Giulietta Massina) e Pippo (Marcello Mastroianni) eram um par de bailarinos que, na juventude, atuavam interpretando Ginger Rogers e Fred Astaire. Trinta anos após terem se separado, eles se reencontram em um programa de TV, que os convidara para reapresentar seu número em um especial de fim de ano. Entre as lembranças do passado e os problemas de suas vidas particulares, a dupla ainda tenta apresentar seu número como nos velhos tempos.

02 de outubro 2013 – quarta-feira

18h30 – As Tentações do Dr. Antonio (Boccaccio ’70) Itália, França, 1962, cor, 53 min, Bluray
Sinopse: Roma, década de 60. Jovens, o Cinecittà no seu auge e a explosão internacional da commedia all’italiana. De forma rápida, é deste modo que Fellini dá o tom introdutório do seu média-metragem, dentro do longa-metragem episódico “Boccaccio 70”. Como o seu título aponta, esta reunião de médias, que também contou com as mãos de Mario Monicelli, Luchino Visconti e Vittorio de Sica, trata-se de uma série de pequenas histórias em que o moralismo às avessas do “Decamerão” se faz presente.

Block-Notes di un regista Itália, 1969, cor, 40 min, DVD
Sinopse: Fellini expõe o pensar sobre como fazer filmes e seus procedimentos pouco ortodoxos. Neste filme, ele convida os espectadores para ir ao Coliseu à noite, dar um passeio pelas catacumbas romanas, passando por um matadouro, e fazer uma visita à casa de Marcello Mastroianni. Fellini também é visto em seu escritório, entrevistando uma série de personagens característicos de seus filmes.

20h30 (La voce della luna) Itália, 1990, cor, 120 min, 35mm

Sinopse: Este é o último filme de Fellini, com sua característica atmosfera de sonho e fantasia. A Voz da Lua mostra as divagações do lunático Ivo Salvini, interpretado pelo comediante italiano Roberto Benigni. Recém-saído de um manicômio, ele vê o mundo de maneira diferente das outras pessoas, de um jeito poético e particular. Enquanto sonha com o amor, conta com a voz da lua para guiá-lo em suas aventuras. Uma experiência sucede a outra e, em todas elas, Fellini trata de evocar os males do mundo modernos e os conflitos da natureza humana, com muita sensibilidade.

03 outubro de 2013 – quarta-feira

18h30 Ensaio de Orquestra (Prova d’orchestra) Itália, França e Alemanha, 1978, cor, 72 min, 35mm
Sinopse: Numa capela romana, músicos chegam para um ensaio. Eles são avisados que estão sendo gravados por uma rede de TV. Então o maestro alemão chega, impondo ordem aos gritos. Durante um breve intervalo, o maestro concede uma entrevista aos jornalistas. Quando volta , encontra sua orquestra em estado de revolta. Será o fim? O que os trará de volta à música? O filme é uma homenagem de Fellinni à arte da música, uma das paixões de sua vida. Fundamental tanto para músicos como para cinéfilos, o filme traz a última das muitas trilhas sonoras que Nino Rota compôs para Fellini.

20h Amarcord Itália, França, 1973, cor, 127 min, DVD
Sinopse: Através dos olhos de Titta (Bruno Zanin), um garoto impressionável, o diretor dá uma olhada na vida familiar, religião, educação e política dos anos 30, quando o fascismo era a ordem dominante. Entre os personagens estão o pai e a mãe de Titta, que estão constantemente batalhando para viver, além de um padre que escuta confissões só para dar asas à sua imaginação anti-convencional.

05 de outubro de 2013 – sábado

15h -Os Boas-vidas (I vitelloni) Itália, França, 1953, p&b, 100 min, DVD
Sinopse: Em uma pequena cidade litorânea da costa italiana, um grupo de cinco rapazes boas-vidas procura fugir da monotonia do lugar levando uma vida regada a bebidas e mulheres. Sem perspectivas de vida, cada um encontra um modo de escapar da monotonia da vida provinciana tentando aproveitar e curtir as aventuras que esse mundo os reserva.

17h Abismo de um Sonho (Lo sceicco bianco) Itália, 1952, p&b, 85 min, DVD
Uma mulher recém-casada passa a lua-de-mel em Roma. Influenciada pelos folhetins que lê com freqüência, tem um encontro com “o xeque branco”, um dos heróis de fotonovela que ronda seus sonhos. Esse encontro põe fim às suas ilusões. Ela volta para o marido e para um mundo menos fantasioso.

19h As Tentações do Dr. Antonio (Boccaccio ’70) Itália, França, 1962, cor, 53 min, Blu-ray
Sinopse: Roma, década de 60. Jovens, o Cinecittà no seu auge e a explosão internacional da commedia all’italiana. De forma rápida, é deste modo que Fellini dá o tom introdutório do seu média-metragem, dentro do longa-metragem episódico “Boccaccio 70”. Como o seu título aponta, esta reunião de médias, que também contou com as mãos de Mario Monicelli, Luchino Visconti e Vittorio de Sica, trata-se de uma série de pequenas histórias em que o moralismo às avessas do “Decamerão” se faz presente.

Block-Notes di un regista Itália, 1969, cor, 40 min, DVD
Sinopse: Fellini expõe o pensar sobre como fazer filmes e seus procedimentos pouco ortodoxos. Neste filme, ele convida os espectadores para ir ao Coliseu à noite, dar um passeio pelas catacumbas romanas, passando por um matadouro, e fazer uma visita à casa de Marcello Mastroianni. Fellini também é visto em seu escritório, entrevistando uma série de personagens característicos de seus filmes.

21h 8 ½ Itália, França, 1963, p&b, 138 min, DVD
Prestes a rodar sua próxima obra, o cineasta Guido Anselmi (Marcello Mastroianni) ainda não tem idéia de como será o filme. Mergulhado em uma crise existencial e pressionado pelo produtor, pela mulher, pela amante e pelos amigos, ele se interna em uma estação de águas e passa a misturar o passado com o presente, ficção com realidade.

06 de outubro de 2013 – domingo

15h A Doce Vida (La Dolce Vita) Itália, França, 1960, p&b, 174 min, 35mm
Em Roma, Marcello Rubini (Marcello Mastroianni) é um jornalista que escreve fofocas para os tablóides sensacionalistas. Ele anseia ser um escritor sério, mas, como tantos, nunca consegue escrever qualquer coisa mais profunda além do que ele normalmente escreve para viver. Em uma boate, conhece uma herdeira rica, Maddalena (Anouk Aimée), que sofre por sentir um enorme tédio, pois tudo a chateia, e ela constantemente está à procura de excitações novas. Juntos, contratam uma prostituta e passam a noite fazendo um menage à trois. Quando Marcello volta para casa encontra sua costumeira amante, Emma (Yvonne Furneaux), que tinha tomado uma overdose de pílulas para dormir. Marcello se apressa em levá-la até o hospital onde ele fica seguro que Emma se recuperará, apesar dela estar ainda muito deprimida. Marcello então corre para cobrir no aeroporto a vinda de Sylvia Rank (Anita Ekberg), uma nova atriz de Hollywood. Logo Marcello fica mais íntimo de Sylvia e é tudo que ele deseja, pois está totalmente fascinado pela beleza dela. Assim, percorrem juntos os pontos turísticos de praxe, como a Praça de São Pedro, as Termas de Caracalla e a Fonte de Trevi, onde ela resolve tomar um banho com roupa enquanto Marcello tentava achar leite para um gatinho, que Sylvia tinha visto nas ruas.

18h Noites de Cabíria (Le notti di Cabiria)Itália, França, 1957, p&b, 110 min, 35mm
Umaprostituta procura, incansavelmente, seu verdadeiro amor nas ruas de Roma. Após muitas decepções, encontra o pretendente dos sonhos no local e hora mais inapropriados. O filme brinca com a fé das pessoas na Igreja Católica e faz rir e chorar com Cabíria.

20h Julieta dos Espíritos (Giulietta degli spiriti) Itália, França, 1965, cor, 137 min, DVD
Julieta dos Espíritos foi o primeiro filme em cores de Fellini, que o dedicou à sua esposa, Giulietta Masina (Noites de Cabíria). Ela vive uma mulher que, ao descobrir a traição do marido, começa a ser acometida por visões, dando início a uma jornada de auto-descoberta em que os sonhos se misturam a realidade.

08 de outubro de 2013 – terça

18h Histórias Extraordinárias (Histoires extraordinaires) França, Itália, 121 min, cor, 1968, DVD
Três histórias, baseadas nos contos de terror de Edgar Allan Poe: “Metzengerstein” (Roger Vadim) é sobre uma mulher de família nobre que se apaixona pelo primo, mas não consegue tê-lo; “William Wilson” (Louis Malle) é sobre um homem que, durante toda vida, foi atormentado pelo seu duplo; “Toby Dammit” (Federico Fellini) é sobre um ator inglês que está constantemente atormentado pelos fãs, repórteres e pelo demônio.

 20h Roma de Fellini (Roma)Itália, 128 min, cor, 1972, DVD
Um passeio pela capital italiana ao encontro de sua arquitetura, de sua personalidade, de seus moradores e seus hábitos, de seus mistérios subterrâneos, de sua vida noturna trepidante. Tudo sob o olhar cínico e peculiar do diretor, que mistura passagens autobiográficas com cenas do cotidiano da Roma.

SERVIÇO

20 ANOS SEM FELLINI
De 01 de Outubro até 08 de Outubro de 2013 | Horário: consultar programação acima
Local: Auditório do Museu da Imagem e do Som – MIS
Endereço: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Classificação etária: 14 anos
Ingressos: R$ 6 (inteira) e R$ 3 (meia). À venda na Recepção MIS (terças a sextas, das 12h às 21h30h; sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h30) e pelo site www.ingressorapido.com.br.
Informações para o público: (11) 2117 4777

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 26 setembro, 2013 12:00


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!