Espetáculo de rua ÁGUAS DE L’AVAR – versão hídrica de O Avarento de Molière estreia no MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 17 setembro, 2013 14:07

Espetáculo de rua ÁGUAS DE L’AVAR – versão hídrica de O Avarento de Molière estreia no MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA

O espetáculo de rua ÁGUAS DE L’AVAR – versão hídrica de O Avarento de Molière, estreia dia 28 de setembro, sábado, às 18h, no MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA. Com direção de Héctor López Girondo, montagem inspirada em O Avarento, de Molière, cumprirá temporada de 30 apresentações gratuitas em diversos parques e praças da cidade de São Paulo. Encenada pelas Companhias Teatro de La Plaza e Teatro Por Um Triz, a peça é realizada com o apoio da Lei de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.

Em ÁGUAS DE L’AVAR – versão hídrica de O Avarento de Molière um grupo de cientistas-garimpeiros, depois de muita procura, encontra o vital elemento, capaz de gerar vida e arte: a água. Mas num acidente este bem tão precioso se perde. O desperdício atrai a figura de um enorme ser que acumula água para benefício próprio. A ação deste ser acumulador faz a peça desaguar em uma versão de O Avarento, de Moliére. A avareza se desloca do acúmulo de dinheiro ao da água, bem precioso que, ficando nas mãos de poucos acaba virando um elemento de poder mais cruel que o próprio dinheiro.

“Como ponto de partida, tivemos a inspiração no trabalho realizado por Jordi Bertran, em 2000 na Espanha, o internacionalmente reconhecido encenador e bonequeiro espanhol, que tem uma pesquisa na área do teatro de objetos em concordância com a linha de trabalho das nossas companhias. Sua releitura de O Avarento, de Moliére, muito nos instigou, na medida em que ele moderniza a obra e a utiliza para discutir o problema da escassez de água no planeta”, afirma o diretor Héctor López Girondo.

Montagem, que tem assessoria artística do próprio Jordi Bertran, mistura teatro de formas animadas e música.  Com os canos e outros elementos hidráulicos os atores constroem instrumentos informais, com os quais formam uma banda que interpreta as músicas do espetáculo. “A pesquisa foi voltada para a criação de um espetáculo no qual o ator-bonequeiro atue na rua utilizando objetos e explorando seu potencial de comunicação e sua carga dramática”, declara Héctor.

O espetáculo tem Preparação Corporal de Deborah Serretielo (especialista em Commedia dell´Arte), Direção Musical de Luciano Carvalho (maestro e compositor), Iluminação de Luz López e Cenário de Miguel Nigro. “A mistura de teatro de formas animadas, música e bonecos permite criar climas dramáticos e visualmente fortes, deixando no espectador sensações e informações sobre quanto esse liquido cotidiano é vital, e de como estamos depreciando-o”, finaliza o diretor.

SERVIÇO
ÁGUAS DE L’AVAR, Versão hídrica de O Avarento
Data: dia 28 de setembro de 2013, sábado, às 18h
MEMORIAL DA AMÉRICA LATINA – PRAÇA CÍVICA
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 – Barra Funda
Duração: 80 minutos
Recomendação: livre
Ingressos: Gratuitos.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 17 setembro, 2013 14:07


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Era uma vez em Hollywood

Facebook

Socorro Virei uma Garota!