Billy Elliot, O Musical, vem a São Paulo pela primeira vez

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 julho, 2013 09:02

Billy Elliot, O Musical, vem a São Paulo pela primeira vez

Com produção Universal Stage Productions, Working Title Films, Old Vic Productions and NETworks Presentations, LLC,  e em associação com a TIME FOR FUN, o Ministério da Cultura e a Cielo trazem ao Brasil pela primeira vez a versão original e legendada de “Billy Elliot, o Musical”.

Billy Elliot, o Musical

O premiado espetáculo realiza curtíssima temporada de apenas três semanas de 02 a 18 de agosto, noCredicard Hall, em São Paulo. Baseado no filme de enorme sucesso internacional, a montagem, atualmente em turnê pelos EUA, traz músicas de Elton John, livro e letra de Lee Hall, direção de Stephen Daldry e coreografia de Peter Darling. “Billy Elliot, o Musical” foi aclamado pela crítica em todo o mundo e recebeu dez prêmios Tony em 2009, incluindo o de Melhor Musical. Desde sua primeira apresentação em 2005 em Londres, já foi visto por mais de oito milhões de pessoas no mundo.

“Continuamos surpresos com o sucesso do show em Londres, no West End, e com a enorme acolhida que recebemos ao redor do mundo. Esta é a primeira vez que “Billy Elliot, o Musical” vai visitar a América do Sul e estamos muito ansiosos para levá-lo para o público de São Paulo”, diz o produtor Eric Fellner, Co-presidente da Working Title Films.

“É um prazer para a TIME FOR FUN trazer ao público brasileiro toda a emoção e o indiscutível talento do elenco de um dos musicais mais celebrados do mundo. Temos certeza que os brasileiros vão se identificar e se emocionar imediatamente com essa linda história de um garoto em busca do seu sonho”, afirma Stephanie Mayorkis, Diretora da Divisão de Family Entertainment da T4F.

Os ingressos poderão ser adquiridos na bilheteria do Credicard Hall; pela internet(www.ticketsforfun.com.br); pelo 4003-5588; além de pontos de venda em todo o país.

O ESPETÁCULO

“Billy Elliot, o Musical” apresenta a inspiradora jornada de um garoto em busca de seus sonhos. Em uma cidade pequena no Norte da Inglaterra – tendo como pano de fundo a histórica greve de mineiros em 1984 e 1985 – Billy, filho de um desses trabalhadores, descobre um extraordinário talento para a dança, guardado em segredo para evitar a desaprovação de sua família e da comunidade.

A produção apresenta design cênico de Ian MacNeil, direção associada de Julian Webber, figurinos de Nicky Gillibrand, design de iluminação de Rick Fisher e design de som de Paul Arditti. Supervisão musical e orquestrações de Martin Koch. A produção tem direção da turnê por Justin Martin e coreografia de Kathryn Dunn.

Informações adicionais disponíveis em: www.BillyElliotTour.com ou www.billyelliotomusical.com.br.

COMO SE TORNAR BILLY ELLIOT

É intensa a jornada para se tornar Billy Elliot. Os jovens de apenas 12 anos, precisam saber cantar, atuar, aprender a falar com sotaque britânico, fazer ginástica olímpica, e dominar alguns estilos de dança como hip hop, sapateado e, em especial, ballet.

Para ajudar estes talentosos jovens, a produção oferece treinamento avançado em ballet, sapataeado e acrobacias, parte do concorrido programa conhecido como Billy Camp. O acampamento não é a única porta de entrada para o show, e nem todos que participam do treinamento necessariamente farão parte do musical.

Foram feitas audições em toda América do Norte para achar o Billy americano, sendo que 2.500 jovens participaram das seleções. No total, apenas 4 Billys foram escolhidos para fazer parte da turnê norte-americana, sendo que três deles virão para o Brasil para a curta temporada do musical no país: Drew Minard,Tobin Mitchell e Ty Forhan.

Drew Minard começou a dançar com apenas 3 anos, e já ganhou o prêmio Hope 2012, em Nova Iorque. Mitchell Tobin sonhava em ser Billy Elliot desde os nove anos, quando viu o musical na Broadway. Como o protagonista do espetáculo, lutou pelo seu sonho e dois anos depois foi selecionado para o papel. Já o mais experiente dos protagonistas Ty Forhan, foi indicado ao Prêmio Los Angeles Broadway World, como Melhor Ator, por sua atuação em “Billy Elliot, o Musical”.

SERVIÇO
Ministério da Cultura e Cielo apresentam “Billy Elliot, o Musical”.
Realização: TIME FOR FUN
Data: 02 a 18 de agosto  (ver tabela completa)
Horários: terça a sexta-feira, 21h. Sábados, 16h e 21h. Domingos: 15h e 20h.
Local: Credicard Hall – São Paulo (SP)
Endereço: Av. das Nações Unidas, 17955 – Santo Amaro
Capacidade: 3578 lugares
Ingressos: de R$25 (meia-entrada) a R$280 (ver tabela completa)
Duração: aproximadamente 2h50 (incluindo intervalo)
Classificação etária: Livre. A partir de 12 anos desacompanhados.
Abertura da Casa: 1h30 antes do espetáculo
Acesso para deficientes
Ar condicionado
Site: www.t4f.com.br
Telefones para informações: 4003-5588
Venda a grupos:  grupos@t4f.com.br
Copatrocínio: Wise Up/ Fusion Energy Drink/ Honda
Seguradora Oficial: Allianz
Meio de pagamento preferencial: Credicard
Estacionamento (terceirizado): R$ 40
A Cielo é a solução de pagamento eletrônico preferencial do musical no Brasil.

INGRESSOS

PREÇOS POR SETORES

NORMAL

½ ENTRADA

CAMAROTE I

R$ 280

R$ 140

CAMAROTE II

R$ 250

R$ 125

CADEIRA VIP

R$280

R$140

CADEIRA I

R$250

R$125

CADEIRA II

R$220

R$110

POLTRONA I

R$180

R$90

POLTRONA II

R$140

R$70

PLATÉIA SUPERIOR I

R$90

R$45

PLATÉRIA SUPERIOR II

R$90

R$45

PLATÉIA SUPERIOR III

R$50

R$25

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 23 julho, 2013 09:02


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*