Notas Contemporâneas do MIS apresenta o compositor Eduardo Gudin em julho

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 5 julho, 2013 08:01

Notas Contemporâneas do MIS apresenta o compositor Eduardo Gudin em julho

Em julho o programa Notas Contemporâneas do MIS, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, recebe o compositor, músico e produtor Eduardo Gudin. O artista participa, no dia 10, quarta-feira, de um bate-papo musical sobre sua carreira, mediado pelo jornalista Cadão Volpato. Enquanto conversam, músicos convidados sobem ao palco para interpretar seus maiores sucessos.

O projeto, sob a curadoria de Cleber Papa, possui duas etapas: a primeira consiste na gravação de vídeo do depoimento no estúdio do Museu com entrevista realizada pela historiadora Rosana Caramaschi e, a segunda, na gravação de uma entrevista conduzida pelo jornalista Cadão Volpato com presença de plateia no auditório.

Após focar em música de concerto nos anos de 2011 e 2012, o programa entrou em uma nova fase, aproximando-se da música popular brasileira. Já se apresentaram neste ano os compositores Renato Teixeira, Oswaldo Montenegro, Lobão, Silvio Brito e Arrigo Barnabé.

Notas Contemporâneas acontece uma vez ao mês, sempre às quartas-feiras, às 20h, no Auditório MIS. Os ingressos, de R$ 4 (inteira) e R$ 2 (meia-entrada), podem ser adquiridos na Recepção do Museu e site da Ingresso Rápido: www.ingressorapido.com.br.

Sobre o compositor

Eduardo dos Santos Gudin nasceu no dia 14 de outubro de 1950, na cidade de São Paulo. Compositor, cantor, instrumentista (violonista), arranjador, produtor musical. Aprendeu a tocar violão aos 13 anos de idade. Aos 16 anos, em 1966, iniciou sua carreira na TV Record, levado por Elis Regina. Participou em 1968 e 1969 do grande festival de música dessa mesma emissora, estreando como compositor. Venceu na TV Tupi, em 1971, o festival universitário com o samba “E lá Se Vão Meus Anéis” (parceria com Paulo César Pinheiro). Começou a ser gravado por outros Intérpretes, como Jair Rodrigues, Márcia, Beth Carvalho, Clara Nunes, Originais do Samba, Carmen Costa, MPB-4 e outros.

Como produtor, no ano de 1985, criou e dirigiu o 1o Festival Universitário da TV Cultura, que revelou Arrigo Barnabé. Com ele formou a Orquestra Jazz Sinfônica do Estado de São Paulo, da qual foi Diretor Artístico de 1989 a 1991. É um dos fundadores da Universidade Livre de Música, criada em 1990.

SERVIÇO
Notas Contemporâneas – Eduardo Gudin
Data:
10.07 | quarta-feira| 20h
Auditório MIS
Capacidade: 172 lugares
Classificação etária: livre
Ingresso R$ 4 (inteira), R$ 2 (meia) À venda na Recepção MIS (terças a sextas, das 12h às 21h30h; sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h30) e no site www.ingressorapido.com.br

Museu da Imagem e do Som – MIS
Endereço: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo
Informações: (11) 2117 4777 | www.mis-sp.org.br
Estacionamento conveniado: R$ 8
Acesso e elevador para cadeirantes
Ar condicionado.

*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.

Rafael Guirra
Por Rafael Guirra 5 julho, 2013 08:01


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário

O seu endereço de email não será publicado.
Campos obrigatórios são marcados*

Aprendiz de Espiã

Facebook