Dois importantes nomes do cinema francês, Jean Vigo e Maurice Pialat, entram em cartaz no Cine Humberto Mauro (BH)

Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 7 junho, 2013 11:00

Dois importantes nomes do cinema francês, Jean Vigo e Maurice Pialat, entram em cartaz no Cine Humberto Mauro (BH)

A Fundação Clóvis Salgado apresenta no Cine Humberto Mauro duas mostras dedicadas a importantes cineastas franceses. No dia 14 de junho, o público poderá conferir a Mostra Jean Vigo, com a filmografia do diretor. Já no período de 07 a 13 de junho, entra em cartaz a Mostra Maurice Pialat: Toda Tristeza do Mundo. A entrada é gratuita, com a retirada do ingresso meia hora antes do início da sessão, na bilheteria do Cinema.

Jean Vigo é um dos principais cineastas franceses do século XX. Nos dias 31 de maio, 1º e 14 de junho serão exibidos seus trabalhos, lançados entre 1930 e 1934, além do documentário Jean Vigo – Cineastas de Nosso Tempo, dirigido pelo cineasta francês Jacques Rozier. A mostra também contará com o curso Jean Vigo em uma tarde, com o professor César Guimarães (FAFICH/UFMG), no dia 1º de junho.

mostra-maurice-pialat-jean-vigo-cine-humberto-mauro-official-poster-banner-promo-07junho2013

O trabalho de Jean Vigo é permeado tanto pelo realismo quanto pelo surrealismo: um olhar bruto e poético para as relações sociais. “Ele é um artista no sentido forte da palavra, com uma visão muito potente do homem”, considera Rafael Ciccarini, gerente de Cinema da Fundação Clóvis Salgado. Apesar de uma curta carreira – o diretor foi vítima da tuberculose aos 29 anos –, Vigo tornou-se um forte nome do cinema francês, sendo uma das principais influências para a Nouvelle Vague, movimento vanguardista que contou com cineastas como Jean-Luc Godard e François Truffaut. Seu penúltimo trabalho, Zero de Conduta, de 1933, influenciou Truffaut em seu mais importante filme, Os Incompreendidos, de 1959.

No período de 2 a 13 de junho, a mostra Maurice Pialat: Toda Tristeza do Mundo apresenta ao público obras do diretor, lançadas entre 1951 e 1991. A seleção ainda conta com atividades de formação dedicadas à carreira do cineasta. No dia 8 de junho, o crítico e pesquisador Luiz Carlos Oliveira Jr. ministra o curso Maurice Pialat: um cineasta na contracorrente. Já no dia 11 de junho, o público poderá conferir a palestra O realismo no cinema de Pialat, com a pesquisadora Ana Siqueira.

Dono de um olhar triste e poético para o mundo e para os homens, Pialat consolidou-se como um dos principais nomes do cinema francês nos anos 70, pós-Nouvelle Vague. Para Rafael Ciccarini, “a câmera de Pialat era marcada por uma relação virgem com o mundo, um olhar mais cru. Seu cinema é um marco zero estético e visual”.

Entre seus principais trabalhos presentes na mostra estão Sob o Sol de Satã, de 1987, vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes do mesmo ano, Loulou, de 1980, um dos destaques de sua parceria com o ator Gérard Depardieu, e Van Gogh, de 1991, um de seus últimos filmes, que acompanha os derradeiros dias de vida do pintor holandês.

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA DA MOSTRA

JEAN VIGO

JUNHO/2013
14SEX
17h JEAN VIGO | Jean Vigo – Cineastas de Nosso Tempo (Jean Vigo – Cinéastes de Notre Temps), de Jacques Rozier | França, 1964 | Exibição Digita | Livre | 90´
19h JEAN VIGO | O Atalante (L’Atalante) | França, 1934 | 35 mm | (12 anos) | 89’
21h JEAN VIGO | Curtas + médias: A Propósito de Nice (À Propos de Nice, 1930) | Taris, Rei da Água (Taris, Roi de l’Eau, 1931) | Zero de Conduta (Zéro de Conduite: Jeunes diables au collège, 1933) | 35 mm | (16 anos) | 102´

MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO

JUNHO/2013

08 SÁB
14h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Curso: Maurice Pialat: um cineasta na contracorrente | Ministrante: Luiz Carlos Oliveira Jr. (crítico de cinema e pesquisador)
17h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Série: A Casa do Bosque (La Maison des Bois, 1970) | Episódios 1 e 2 | (14 anos) | Exibição digital | 104’
19h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Série: A Casa do Bosque (La Maison des Bois, 1970) | Episódios 3, 4 e 5 | (14 anos) | Exibição digital | 144’
21h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Série: A Casa do Bosque (La Maison des Bois, 1970) | Episódios 6 e 7 | (14 anos) | Exibição digital | 116’

09 DOM
14h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sessão Curtas 2: Curtas-metragens Turcos (1962-1964) | O Mestre Galip, Pedras Esparsas, Bizâncio, Pehlivan- os lutadores turcos, Istambul, O Chifre de Ouro, O Estreito de Bósforo | (12 anos) | 35mm | 85’
16h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Antes passe no vestibular (Passe ton bac d’abord…, 1978) | (14 anos) | Exibição digital | 86’
18h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Polícia (Police, 1985) | (14 anos) | 35 mm | 113’

20h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Van Gogh (1991) | (14 anos) | 35 mm | 158’

10 SEG
16h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sessão Curtas
1: Primeiros curtas –metragens (1951-1962) | Isabelle em Dombes, Congresso Eucarístico Diocesano, Os Caricatos, A sombra familiar, O amor existe, Janine | (16 anos) | 35mm e digital | 95’

17h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sob o Sol de Satã (Sous le soleil de Satan, 1987) | (16 anos) | 35 mm | 93’
21h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Nós não envelheceremos juntos (Nous ne vieillirons pas ensemble, 1972) | (18 anos) | 35 mm | 115’

11 TER

15h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | O Garoto (LeGarçu, 1995) | (12 anos) | 35 mm | 102’
17h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sessão Curtas
3: Crônicas da França (Chroniques de France, 1965-1966) | Agnès Varda filma…, Do mar virá a luz, A parisiense e as grandes boutiques, O Quartier Latin, A avenida Champs-Elysées, Lugduno – a cidade de Lyon, O Pigalle, Van Gogh, A região da Camarga | (12 anos) | Exibição digital | 63’

19h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Palestra: O realismo no cinema de Pialat | Palestrante: Ana Siqueira (curadora e tradutora)
21h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Aos Nossos Amores (À nos amours, 1983) | (14 anos) | 35 mm | 95’

12 QUA
16h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Infância Nua (L’Enfance Nue, 1968) | (12 anos) | 35 mm | 83’
17h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Polícia (Police, 1985) | 35 mm | (14 anos) |113’
19h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sob o Sol de Satã (Sous le soleil de Satan, 1987) | (16 anos) | 35 mm | 93’
21h MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Loulou (1980) | (14 anos) | 35 mm | 110’

13 QUI

15h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Sessão Curtas 3: Crônicas da França (Chroniques de France, 1965-1966) | Agnès Varda filma…, Do mar virá a luz, A parisiense e as grandes boutiques, O Quartier Latin, A avenida Champs-Elysées, Lugduno – a cidade de Lyon, O Pigalle, Van Gogh, A região da Camarga | (12 anos) | Exibição digital | 63’
19h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | O Garoto (Le Garçu, 1995) | (12 anos) | 35 mm | 102’
21h30 MAURICE PIALAT: TODA TRISTEZA DO MUNDO | Aos Nossos Amores (À nos amours, 1983) | (14 anos) | 35 mm | 95’

SERVIÇO
Evento: Mostra Jean Vigo | Mostra Maurice Pialat: Toda Tristeza do Mundo
Data: 07 a 13 de junho/2013
Local: Cine Humberto Mauro – Palácio das Artes
Endereço: Av. Afonso Pena, 1537 – Centro – Piso inferior
Classificação etária: consultar programação
Ingressos: Entrada gratuita (retirada de ingressos na bilheteria do cinema meia hora antes do início de cada sessão
Informações para o público: 31 3236-7400
*As informações são de responsabilidade de seus organizadores e estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.
Luiz Guirra
Por Luiz Guirra 7 junho, 2013 11:00


Escreva um comentário

Nenhum comentário

Ainda não há comentários!

Não existem comentários ainda, mas você pode ser o primeiro a comentar este post.

Escreva um comentário
Leia os comentários

Escreva um comentário


Warning: Illegal string offset 'rules' in /home/storage/4/63/73/recantoadormecido2/public_html/wp-content/themes/allegro-theme/functions/filters.php on line 188

Warning: Illegal string offset 'rules' in /home/storage/4/63/73/recantoadormecido2/public_html/wp-content/themes/allegro-theme/functions/filters.php on line 189
<

Facebook